Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Penumbra

    LuizBaggio
    Investigador
    LuizBaggio
    Investigador

    Mensagens : 67
    Reputação : 4

    Penumbra Empty Penumbra

    Mensagem por LuizBaggio em Ter Maio 07, 2019 3:38 pm

    Penumbra Pic_e1507754251405

    "O oculto sempre esteve presente. Independente de cor, credo, ou poder aquisitivo, o ser humano vive em meio hostil, em que a maioria sequer imagina a extensão das sombras que os envolve e os permeia. O meio hostil, alimentado pelo ódio ou indiferença entre aqueles que venceram a cadeia alimentar, fez emergir a mais escura de todas as ameaças. Quem é você pra impedir?"

    "Thiago chegou na pequena cidade de Barbacena, Minas Gerais. Lá funcionava um hospício há muito tempo atrás e, apesar de Thiago adorar estudar sobre os arcaicos métodos de tratamento empregados nos antigos manicômios, não estava lá para isso. Ele estava alí, e Thiago podia sentir. Passou o dia todo vagando pela cidade, comeu e rememorou todos os passos que o antigo Caçador deu. Ele morreu, portanto, a ele restava tentar fazer completamente diferente do que fez seu predecessor. E assim fez.

    No fim do dia, estava diante do Hospital das Clínicas; entrou pela porta de vidro, passando pela portaria, entrou no elevador. Lá dentro, por mais uma vez, repassou seu plano mentalmente. O elevador parou no subsolo. De lá, desceu por uma escadaria até chegar numa outra espécie de hospital, mais mofado e escuro. Chegando à mesa da recepção, foi logo interpelado pelo bom dia mais sincero que já ouvira, de uma elegante ruiva em uniformes de enfermagem. Chacoalhou a cabeça, "não era possível que estava realmente acontecendo", pensou. Pediu para visitar alguém que se chama “O Portador do Fim”. A expressão alegre da belíssima enfermeira se transfigurou, em um inquieto vidrar de olhos e morder de lábios. Ela indicou o caminho e, decidido, Thiago seguiu.

    Tudo que lá havia, parecia o som de alguém falando sozinho ecoando pelos corredores. Era uma língua impossível de se entender, mas  Thiago sentira seu peito congelando e a vida desejando afastar-se de si. Então o medo. Subtamente a voz parou de falar e, imediatamente, a memória trouxe ao Caçador a informação: Pare de andar. Confiava no seu aprendizado e na sua linhagem e sabia que, caso não seguisse o instinto, assim como seu plano, acabaria como seu predecessor.

    A voz, no entanto, continuava silenciosa, deixando Thiago nervoso. Ele sabia que, quando estivesse próximo do Portador do Fim, este deveria falar e falar, como sinal de que poderia se aproximar. "Foda-se!", pensou Thiago, "Estou apenas de passagem! Eu desejo conversar!", gritou. Silêncio... mas após o silêncio, o alívio. A voz voltara a tagarelar e, concluindo sua caminhada pelo corredor, chegara à última cela. Era uma sala sem janelas, com móveis antigos de madeira já apodrecida pela umidade. Mas também havia uma pessoa em um dos cantos, segurando algo. Logo que a viu, Thiago fez a pergunta que, segundo a lenda, era a única que responderia: “O que acontece quando todos se unem?”. A pessoa virou-se e seu sexo era indefinido. Olhando nos olhos de Thiago, respondeu sua pergunta em detalhes horripilantes, contando sobre toda a dor, toda a depravação, toda a tortura, todas as frustrações, todos os medos. Muitos ficaram loucos nesta cela, outros desapareceram após este encontro, e poucos encerraram suas vidas. Mas a maioria delas sempre faz a pior coisa, que é querer olhar para o objeto que a pessoa carrega. O Caçador queria olhar também, mas sabia que não poderia... ao menos, sentia que não devia. De fato, não ter olhado fora sua maior conquista do dia; caso houvesse caído em tentação, sua morte estará naquela cela, nas mãos daquela pessoa.

    Esse objeto é o primeiro de 538. Eles nunca devem se unir. Nunca."



    A história se passa no mundo moderno, contemporâneo a nós, onde as relações da humanidade com o oculto tornaram-se, tal qual entre si, superficiais demais. No entanto, o desdém, a cobiça, a violência, as perversões e todos os aspectos mais tétricos das sombras que espreitam o homem nunca foram tão profundos.

    Você ingressará num mundo em que, até então, parecia substancialmente conhecido, cujos perigos, do interior da casa murada e cercada, ou do apartamento com portaria 24 horas, pareciam distantes. No entanto, suas histórias os levarão para os núcleos de depravação, destruição e luxúria da humanidade mais corrupta que já existiu. A nossa.

    O que você conhecerá, muitos classificam como punição, outros como bênção e, ainda, alguns como oportunidade. Seja o qual for sua leitura, você precisará escolher seu lado, ou o lado escolherá você. Seja qual for seu lado, precisará decidir sobre o que fazer com eles. E, temo, seja qual for a decisão o resultado será o mesmo.


    Regras de Criação de Personagem:
    As fichas devem conter:

    A descrição (física e psicológica) dos personagens e seu histórico (incluindo idade, cor de olhos, cabelos, altura, peso, porte físico, comportamento, onde nasceu, onde mora, se possui algum tipo de relacionamento, etc). Lembre-se que, na história, deverão estar descritos os gostos, medos, alegrias, aversões, etc. Seja generoso com seu personagem. Como o jogo é interpretativo, quanto mais rico for seu background, melhor será para você poder interpretar.

    Raça: Embora haja a possibilidade disso mudar ao longo da história, você será humano, inicialmente.

    As fichas devem seguir o modelo abaixo. A pontuação inicial é de pessoas normais um pouquinho acima da média. Procurei usar exemplos bem interessantes, pra não deixar dúvidas. Quem joga RPG sabe como as fichas influenciam no que vocês pretendem fazer, então, escolha sabiamente. O mínimo dos atributos é zero, mas eles não são recomendados!

    ATRIBUTOS (20 pontos)

    Força: Mede o quão forte é o personagem. Também auxilia indiretamente na vitalidade.
    0- Criança: 10 anos
    1- Fraco: Idoso, adolescente ou mulher pequena
    2- Mediano: Adulto magro, Mulher comum
    3- Forte: Adulto atlético, Brad Pitt, Rhonda Rhousey
    4- Muito forte: Militares, Stallone, Van Damme
    5- Extremamente Forte: Levantador de Pesos Olímpico, The Rock, Schwarzzenegger

    Agilidade: A destreza, capacidade de esquivar-se, velocidade em corrida e boa parte dos atletismos.
    0- Aleijado: Incapaz de mover-se adequadamente
    1- Desajeitado: Pessoas obesas ou idosas
    2- Mediano: Ser Humano comum
    3- Ágil: Jogadores de Baseball, Atletas de Fins de Semana
    4- Muito ágil: Corredores profissionais, malabaristas
    5- Extremamente ágil: Ginastas, Corredores Olímpicos, Faixas Pretas de Tae Kwon Do

    Resistência: A capacidade do personagem de resistir a ferimentos, toxinas, manter-se acordado ou fazer esforço repetitivo.
    0- Doente: O personagem sofre de sérias debilidades, como um aidético próximo ao fim; ou uma criança asmática
    1- Criança: Uma criança de 10 anos saudável, adulto asmático
    2- Mediano: Pessoa com saúde relativamente normal, ficando doente 1 ou 2 vezes por ano.
    3- Saudável: Atletas e pessoas com boa alimentação.
    4- Resistente: Lutadores de boxe profissionais, maratonistas
    5- Corpo Fechado: O personagem poderia sobreviver à alguns tiros e talvez até a ser degolado. Forrest Bondurant (Tom Hardy - Os Infratores)

    Carisma: A capacidade de fazer com que os outros gostem de você. Também auxilia a manipular os outros, sedução e barganha.
    0- Odiável: É praticamente impossível gostar do personagem. Nem a mãe dele gosta dele e nem prostitutas topam sair com ele.
    1- Sem sal: O personagem não desperta simpatia de quase ninguém, salvo quando ajuda aquela pessoa, Mad Max.
    2- Mediano: As pessoas podem interagir com o personagem de forma amigável se ele for amigável.
    3- Amigável: As pessoas acham-no agradável. Você é uma pessoa de fácil acesso.
    4- Muito amigável: O personagem atrai as pessoas para perto dele. É comum as mulheres darem atenção à ele e as pessoas pagarem uma bebida para ele.
    5- Encantador: Todos se voltam quando o personagem entra na cena. Todos querem estar à sua volta. Marilyn Monroe, James Dean.

    Inteligência: Envolve o conhecimento do personagem, além de sua capacidade analítica e influenciar INDIRETAMENTE os pontos mentais.
    0- Retardado: O personagem não fala normalmente coisa com coisa e conhece poucas palavras. Hordor, Sloth.
    1- Ignorante: O personagem não é retardado, mas nunca teve acesso à uma educação e possivelmente ele é analfabeto.
    2- Mediano: Pessoa de inteligência normal. Frequentou a escola, aprendeu a ler, matemática, mas nada brilhante.
    3- Inteligente: O personagem pode ter feito uma faculdade e mostrar-se muito sagaz com as coisas. Sua inteligência pode impressionar.
    4- Brilhante: O personagem é muito inteligente, podendo ser um professor, médico renomado, ou coisa do gênero. Quando ele fala, normalmente as pesoas param para escutar.
    5- Gênio: O personagem é uma autoridade em um (ou mais) assuntos. Poucas vezes está enganado e seu conhecimento causa inveja. Einstein, Tesla.

    Percepção: Envolve a capacidade do personagem de analisar o ambiente à volta. Pode auxiliar na esquiva e em encontrar pistas que os outros nunca veriam. Envolve os 5 sentidos.
    0- Deplorável: O personagem além de desligado, não possui um destes dois sentidos, podendo ser cego ou surdo.
    1- Leso: O personagem se distrai fácil e quase tudo passa desapercebido por ele. Ele pode ter um alto grau de miopia ou ter um ouvido péssimo.
    2- Mediano: As coisas que não escapam às pessoas comuns, não escapam ao personagem.
    3- Perceptivo: O personagem tende a perceber as coisas primeiro que os outros. Ele pode se tocar que o volume no casaco de um homem é uma pistola, ou ouvir um tiro no quarteirão do lado e identificar de onde veio o disparo.
    4- Esperto: O personagem é extremamente perceptivo, sendo que poucas coisas passam desapercebidas. Ele poderia se tocar pelo barulho do balançar de um case de violão que lá dentro teria uma metralhadora Thompson, ou ouvir no quarto do lado uma pessoa se debatendo por ser enforcada.
    5- Radar Humano: O personagem é ligado em tudo que acontece ao seu redor. Ele consegue conversar com uma pessoa ao mesmo tempo em que ouve a conversa de outra, poderia ouvir a pessoa enforcada do exemplo acima mesmo se estivesse escutando música e poderia acordar simplesmente por alguém tentar girar em silêncio a maçaneta de sua porta.

    Força de Vontade: Determina a capacidade de resistir à intimidação, provocação ou sedução, além de ser a coragem. Influencia DIRETAMENTE os pontos mentais do personagem.
    0- Sem vontade: O personagem tem a mentalidade de servo para com todos. Theon Geryjoy (Reek)
    1- Vontade Fraca: Criança. Mulher constantemente violentada pelo marido que não conseguiria abandoná-lo. Servos menores dos Deuses
    2- Mediano: Pessoa normal, com capacidade de resistir à maioria das coisas que um homem normal resistiria.
    3- Determinado: O personagem não se dobra facilmente e normalmente consegue resistir à coisas que homens normais não resistiriam.
    4- Corajoso: O personagem teme poucas coisas na vida. Ele também é capaz de resistir à quase todo o tipo de manipulação.
    5- Indobrável: O personagem possivelmente nunca sentiu medo na vida e nada no mundo é capaz de manipulá-lo. Até mesmo tortura e um controle mental dificilmente afetariam este personagem.

    Perícias: (6 pontos) Escolham perícias que os personagens de vocês teriam, mas tentem não ser tão abrangentes (Ciências, Armas de Fogo, Combate Desarmado), nem tão específicos (cirurgia cardiológica, Colt Python .22, Arremessar Pessoas)... o meio termo é o melhor (Medicina, Astronomia, Física, Pistolas, Metralhadoras, Boxe)...
    As perícias possuem 3 níveis, sendo que inicialmente vocês só poem ter até o nível 2. Cada nível custa 1 ponto.

    Níveis:
    0- Não sabe usar/fazer
    1- Treinamento básico (policial cadete com uma pistola, enfermeiro com a perícia medicina)
    2- Competente (militar treinado com metralhadoras, cirurgião com medicina)
    3- Autoridade no assunto (Einstein com física, Muhamad Ali com boxe)

    Vantagens: (2 pontos) Vantagens são características que os personagens de vocês compram e que podem beneficiar suas fichas em certas situações. Todas as vantagens devem ser explicadas e, eventualmente, conversaremos sobre ajustes. Além disso, algumas vantagens mais fortes podem custar os 2 pontos. Também é possível gastar 1 ponto de vantagem para ganhar 1 ponto em atributo ou então 2 pontos de perícias.

    Alguns exemplos são:

    "Sortudo: Eventualmente a sorte sorri com bastante efusividade para Thiago. Ele, mesmo sem saber, acaba acertando uma combinação, ou conta com a ajuda inesperada de algo ou alguém."

    "DNA Neandertal: Marcus é bastante resistente a substâncias que afetem sua cognição ou coordenação, além de seu organismo expelir substâncias estranhas bem mais rapidamente que o normal"

    "Aparência inofensiva: Anna não aparenta trazer qualquer perigo (Carregar algo que apresente perigo anula essa vantagem), nunca sendo suspeito de atos graves a não ser que tenha mais de uma testemunha."

    "Malícia nativa: Ricardo conhece tudo sobre sua cidade. Se não souber onde encontrar, ao menos conhece quem sabe, todo o tipo de coisa (de um molho de pimenta a um rifle). Em outras regiões que não a sua, consegue se familiarizar rapidamente, alcançando facilidade proficiência nessa cidade também."

    "Premonição: Elizabeth é capaz de, eventualmente, adivinhar perigos ou planos ruins que os outros tem contra si."

    "Pouso forçado: Otávio é capaz de manter-se absolutamente calmo e resoluto, em situações de risco. Seu corpo consegue controlar os impulsos que, nos outros seriam naturais, de correr, congelar ou lutar; ele, do contrário, consegue racionalizar e agir conforme sua própria consciência."

    Etc...

    Observação: Os nomes das vantagens e perícias são criados pelo jogador. Via de regra, só as vantagens necessitam de uma descrição (já que as perícias, usualmente, serão bastante objetivas e óbvias, mas se achar que uma perícia sua é pouco óbvia, faça uma descrição.)

    Observação 2: Cada vantagem, a princípio, custa um ponto; quando entregar sua ficha, caso haja alguma vantagem que possa ser um pouco Over Power demais, a gente conversa e acerta (ou tira uma, ou reduz os efeitos da outra).

    Corpo: Quando o personagem estiver doente, ferido, perder um braço (pode ocorrer, ué...), morrer ou sob qualquer outra condição, isso estará descrito na narração.

    Mente: Condição de sanidade e controle mental do personagem que, conforme regras de "Corpo", serão descritas pela narração.


    Esquema das Fichas:

    Imagem: Fotografias, ou artes realistas. Pode ser apenas uma, todavia, sinta-se à vontade para colocar mais.

    Nome: O nome do personagem.

    Ocupação: médico, professor, cientista, mafioso, policial, detetive, ladrão, golpista, sacerdote, etc...

    Atributos: Na ordem que eu os coloquei ali em cima, por favor.

    Perícias: Coloquem o nome da perícia e quantos pontos foram gastos em cada.

    Vantagens: Idem à perícias.

    Histórico: Poste o seu histórico/descrição.
    Claude Speedy
    Garou de Posto Cinco
    Claude Speedy
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2134
    Reputação : 49

    Penumbra Empty Re: Penumbra

    Mensagem por Claude Speedy em Qua Maio 08, 2019 3:27 pm

    Caramba...o modemo que mais curto hahaha...E eu até peguei essa sua imagem recentemente.
    LuizBaggio
    Investigador
    LuizBaggio
    Investigador

    Mensagens : 67
    Reputação : 4

    Penumbra Empty Re: Penumbra

    Mensagem por LuizBaggio em Qua Maio 08, 2019 4:42 pm

    Hehehe... Eu cheguei a montar uma mesa aqui, mas na época tive uns problemas em continuar o jogo, por questões pessoais - mas agora consigo tocar com tranquilidade e dedicação Very Happy
    nahna
    Tecnocrata
    nahna
    Tecnocrata

    Mensagens : 378
    Reputação : 14

    Penumbra Empty Re: Penumbra

    Mensagem por nahna em Qua Maio 08, 2019 6:30 pm

    @LuizBaggio, Oi oi!
    Como planeja a ambientação? Seria nos tempos atuais com toques de sobrenatural?
    Claude Speedy
    Garou de Posto Cinco
    Claude Speedy
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2134
    Reputação : 49

    Penumbra Empty Re: Penumbra

    Mensagem por Claude Speedy em Qua Maio 08, 2019 7:21 pm

    @LuizBaggio escreveu:Hehehe... Eu cheguei a montar uma mesa aqui, mas na época tive uns problemas em continuar o jogo, por questões pessoais - mas agora consigo tocar com tranquilidade e dedicação Very Happy

    Eu sei, eu tinha roubado sua imagem pra otura de terror que era já uma continuação e que eu também não consegui continuar.
    Kether
    Garou de Posto Cinco
    Kether
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2171
    Reputação : 89
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh34.png

    Penumbra Empty Re: Penumbra

    Mensagem por Kether em Qua Maio 08, 2019 7:29 pm

    Fala aê @LuizBaggio a mesa era bem bacana no passado.

    Você vai retornar com a mesa antiga ou vai começar do zero?
    LuizBaggio
    Investigador
    LuizBaggio
    Investigador

    Mensagens : 67
    Reputação : 4

    Penumbra Empty Re: Penumbra

    Mensagem por LuizBaggio em Qui Maio 09, 2019 9:53 am

    @nahna escreveu:@LuizBaggio, Oi oi!
    Como planeja a ambientação? Seria nos tempos atuais com toques de sobrenatural?

    Sim, seria nos tempos atuais, com elementos sobrenaturais mais sombrios (por assim dizer).

    @Kether escreveu:Fala aê @LuizBaggio a mesa era bem bacana no passado.

    Você vai retornar com a mesa antiga ou vai começar do zero?

    Então, meu caro, temo que sim - mas nada impede, quem chegou a participar antes, de utilizar o mesmo personagem.
    nahna
    Tecnocrata
    nahna
    Tecnocrata

    Mensagens : 378
    Reputação : 14

    Penumbra Empty Re: Penumbra

    Mensagem por nahna em Qui Maio 09, 2019 10:16 am

    Me candidato a participar! bounce
    Como vai ser a criação de personagem?
    Kether
    Garou de Posto Cinco
    Kether
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2171
    Reputação : 89
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh34.png

    Penumbra Empty Re: Penumbra

    Mensagem por Kether em Qui Maio 09, 2019 10:36 am

    @LuizBaggio escreveu:
    @nahna escreveu:@LuizBaggio, Oi oi!
    Como planeja a ambientação? Seria nos tempos atuais com toques de sobrenatural?

    Sim, seria nos tempos atuais, com elementos sobrenaturais mais sombrios (por assim dizer).

    @Kether escreveu:Fala aê @LuizBaggio a mesa era bem bacana no passado.

    Você vai retornar com a mesa antiga ou vai começar do zero?

    Então, meu caro, temo que sim - mas nada impede, quem chegou a participar antes, de utilizar o mesmo personagem.

    Estou com um número grande de mesas e devo abrir uma de Call of Cthulhu, gostei muito da mesa e vamos me deixar numa lista de espera, caso não feche o coro para iniciar eu entro caso contrário eu fico aguardando uma vaguinha no futuro.

    Pode ser?
    LuizBaggio
    Investigador
    LuizBaggio
    Investigador

    Mensagens : 67
    Reputação : 4

    Penumbra Empty Re: Penumbra

    Mensagem por LuizBaggio em Qui Maio 09, 2019 10:53 am

    @Kether escreveu:
    @LuizBaggio escreveu:
    @nahna escreveu:@LuizBaggio, Oi oi!
    Como planeja a ambientação? Seria nos tempos atuais com toques de sobrenatural?

    Sim, seria nos tempos atuais, com elementos sobrenaturais mais sombrios (por assim dizer).

    @Kether escreveu:Fala aê @LuizBaggio a mesa era bem bacana no passado.

    Você vai retornar com a mesa antiga ou vai começar do zero?

    Então, meu caro, temo que sim - mas nada impede, quem chegou a participar antes, de utilizar o mesmo personagem.

    Estou com um número grande de mesas e devo abrir uma de Call of Cthulhu, gostei muito da mesa e vamos me deixar numa lista de espera, caso não feche o coro para iniciar eu entro caso contrário eu fico aguardando uma vaguinha no futuro.

    Pode ser?

    Combinado, meu caro Smile

    Quem mais teria interesse? Preciso passar para o moderado =D
    Pikapool
    Cavaleiro Jedi
    Pikapool
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 209
    Reputação : 27

    Penumbra Empty Re: Penumbra

    Mensagem por Pikapool em Qui Maio 09, 2019 11:19 am

    Gosto da temática. Se tiver espaço para mais um. Olha eu aqui.
    Claude Speedy
    Garou de Posto Cinco
    Claude Speedy
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2134
    Reputação : 49

    Penumbra Empty Re: Penumbra

    Mensagem por Claude Speedy em Qui Maio 09, 2019 11:33 am

    Sò veio toda galera que estava em férias, menos a primeira vítima.

    Assim que morrermos eu tenho certeza que ninguém vai querer participar de terror de novo hahaha.
    Kether
    Garou de Posto Cinco
    Kether
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2171
    Reputação : 89
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh34.png

    Penumbra Empty Re: Penumbra

    Mensagem por Kether em Qui Maio 09, 2019 11:47 am

    @Claude Speedy escreveu:Sò veio toda galera que estava em férias, menos a primeira vítima.

    Assim que morrermos eu tenho certeza que ninguém vai querer participar de terror de novo hahaha.

    Verdade Claude.
    Caelestia
    Samurai Urbano
    Caelestia
    Samurai Urbano

    Mensagens : 105
    Reputação : 16

    Penumbra Empty Re: Penumbra

    Mensagem por Caelestia em Qui Maio 09, 2019 11:56 am

    @LuizBaggio

    Gosto bastante dessa proposta de ambientação mais sombria.

    Como seria com os personagens? Todos seriam maus, todos seriam bons ou fica livre essa escolha?

    Fique interessada em participar.
    Claude Speedy
    Garou de Posto Cinco
    Claude Speedy
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2134
    Reputação : 49

    Penumbra Empty Re: Penumbra

    Mensagem por Claude Speedy em Qui Maio 09, 2019 12:10 pm

    @nahna escreveu:@LuizBaggio, Oi oi!
    Como planeja a ambientação? Seria nos tempos atuais com toques de sobrenatural?
    Ambientação:


    Penumbra Pic_e1507754251405

    "O oculto sempre esteve presente. Independente de cor, credo, ou poder aquisitivo, o ser humano vive em meio hostil, em que a maioria sequer imagina a extensão das sombras que os envolve e os permeia. O meio hostil, alimentado pelo ódio ou indiferença entre aqueles que venceram a cadeia alimentar, fez emergir a mais escura de todas as ameaças. Quem é você pra impedir?"

    "Thiago chegou na pequena cidade de Barbacena, Minas Gerais. Lá funcionava um hospício há muito tempo atrás e, apesar de Thiago adorar estudar sobre os arcaicos métodos de tratamento empregados nos antigos manicômios, não estava lá para isso. Ele estava alí, e Thiago podia sentir. Passou o dia todo vagando pela cidade, comeu e rememorou todos os passos que o antigo Caçador deu. Ele morreu, portanto, a ele restava tentar fazer completamente diferente do que fez seu predecessor. E assim fez.

    No fim do dia, estava diante do Hospital das Clínicas; entrou pela porta de vidro, passando pela portaria, entrou no elevador. Lá dentro, por mais uma vez, repassou seu plano mentalmente. O elevador parou no subsolo. De lá, desceu por uma escadaria até chegar numa outra espécie de hospital, mais mofado e escuro. Chegando à mesa da recepção, foi logo interpelado pelo bom dia mais sincero que já ouvira, de uma elegante ruiva em uniformes de enfermagem. Chacoalhou a cabeça, "não era possível que estava realmente acontecendo", pensou. Pediu para visitar alguém que se chama “O Portador do Fim”. A expressão alegre da belíssima enfermeira se transfigurou, em um inquieto vidrar de olhos e morder de lábios. Ela indicou o caminho e, decidido, Thiago seguiu.

    Tudo que lá havia, parecia o som de alguém falando sozinho ecoando pelos corredores. Era uma língua impossível de se entender, mas  Thiago sentira seu peito congelando e a vida desejando afastar-se de si. Então o medo. Subtamente a voz parou de falar e, imediatamente, a memória trouxe ao Caçador a informação: Pare de andar. Confiava no seu aprendizado e na sua linhagem e sabia que, caso não seguisse o instinto, assim como seu plano, acabaria como seu predecessor.

    A voz, no entanto, continuava silenciosa, deixando Thiago nervoso. Ele sabia que, quando estivesse próximo do Portador do Fim, este deveria falar e falar, como sinal de que poderia se aproximar. "Foda-se!", pensou Thiago, "Estou apenas de passagem! Eu desejo conversar!", gritou. Silêncio... mas após o silêncio, o alívio. A voz voltara a tagarelar e, concluindo sua caminhada pelo corredor, chegara à última cela. Era uma sala sem janelas, com móveis antigos de madeira já apodrecida pela umidade. Mas também havia uma pessoa em um dos cantos, segurando algo. Logo que a viu, Thiago fez a pergunta que, segundo a lenda, era a única que responderia: “O que acontece quando todos se unem?”. A pessoa virou-se e seu sexo era indefinido. Olhando nos olhos de Thiago, respondeu sua pergunta em detalhes horripilantes, contando sobre toda a dor, toda a depravação, toda a tortura, todas as frustrações, todos os medos. Muitos ficaram loucos nesta cela, outros desapareceram após este encontro, e poucos encerraram suas vidas. Mas a maioria delas sempre faz a pior coisa, que é querer olhar para o objeto que a pessoa carrega. O Caçador queria olhar também, mas sabia que não poderia... ao menos, sentia que não devia. De fato, não ter olhado fora sua maior conquista do dia; caso houvesse caído em tentação, sua morte estará naquela cela, nas mãos daquela pessoa.

    Esse objeto é o primeiro de 538. Eles nunca devem se unir. Nunca."



    A história se passa no mundo moderno, contemporâneo a nós, onde as relações da humanidade com o oculto tornaram-se, tal qual entre si, superficiais demais. No entanto, o desdém, a cobiça, a violência, as perversões e todos os aspectos mais tétricos das sombras que espreitam o homem nunca foram tão profundos.

    Você ingressará num mundo em que, até então, parecia substancialmente conhecido, cujos perigos, do interior da casa murada e cercada, ou do apartamento com portaria 24 horas, pareciam distantes. No entanto, suas histórias os levarão para os núcleos de depravação, destruição e luxúria da humanidade mais corrupta que já existiu. A nossa.

    O que você conhecerá, muitos classificam como punição, outros como bênção e, ainda, alguns como oportunidade. Seja o qual for sua leitura, você precisará escolher seu lado, ou o lado escolherá você. Seja qual for seu lado, precisará decidir sobre o que fazer com eles. E, temo, seja qual for a decisão o resultado será o mesmo.


    @nahna escreveu:Me candidato a participar!  bounce
    Como vai ser a criação de personagem?

    Regras de Criação de Personagem:
    As fichas devem conter:

    A descrição (física e psicológica) dos personagens e seu histórico (incluindo idade, cor de olhos, cabelos, altura, peso, porte físico, comportamento, onde nasceu, onde mora, se possui algum tipo de relacionamento, etc). Lembre-se que, na história, deverão estar descritos os gostos, medos, alegrias, aversões, etc. Seja generoso com seu personagem. Como o jogo é interpretativo, quanto mais rico for seu background, melhor será para você poder interpretar.

    Raça: Embora haja a possibilidade disso mudar ao longo da história, você será humano, inicialmente.

    As fichas devem seguir o modelo abaixo. A pontuação inicial é de pessoas normais um pouquinho acima da média. Procurei usar exemplos bem interessantes, pra não deixar dúvidas. Quem joga RPG sabe como as fichas influenciam no que vocês pretendem fazer, então, escolha sabiamente. O mínimo dos atributos é zero, mas eles não são recomendados!

    ATRIBUTOS (20 pontos)

    Força: Mede o quão forte é o personagem. Também auxilia indiretamente na vitalidade.
    0- Criança: 10 anos
    1- Fraco: Idoso, adolescente ou mulher pequena
    2- Mediano: Adulto magro, Mulher comum
    3- Forte: Adulto atlético, Brad Pitt, Rhonda Rhousey
    4- Muito forte: Militares, Stallone, Van Damme
    5- Extremamente Forte: Levantador de Pesos Olímpico, The Rock, Schwarzzenegger

    Agilidade: A destreza, capacidade de esquivar-se, velocidade em corrida e boa parte dos atletismos.
    0- Aleijado: Incapaz de mover-se adequadamente
    1- Desajeitado: Pessoas obesas ou idosas
    2- Mediano: Ser Humano comum
    3- Ágil: Jogadores de Baseball, Atletas de Fins de Semana
    4- Muito ágil: Corredores profissionais, malabaristas
    5- Extremamente ágil: Ginastas, Corredores Olímpicos, Faixas Pretas de Tae Kwon Do

    Resistência: A capacidade do personagem de resistir a ferimentos, toxinas, manter-se acordado ou fazer esforço repetitivo.
    0- Doente: O personagem sofre de sérias debilidades, como um aidético próximo ao fim; ou uma criança asmática
    1- Criança: Uma criança de 10 anos saudável, adulto asmático
    2- Mediano: Pessoa com saúde relativamente normal, ficando doente 1 ou 2 vezes por ano.
    3- Saudável: Atletas e pessoas com boa alimentação.
    4- Resistente: Lutadores de boxe profissionais, maratonistas
    5- Corpo Fechado: O personagem poderia sobreviver à alguns tiros e talvez até a ser degolado. Forrest Bondurant (Tom Hardy - Os Infratores)

    Carisma: A capacidade de fazer com que os outros gostem de você. Também auxilia a manipular os outros, sedução e barganha.
    0- Odiável: É praticamente impossível gostar do personagem. Nem a mãe dele gosta dele e nem prostitutas topam sair com ele.
    1- Sem sal: O personagem não desperta simpatia de quase ninguém, salvo quando ajuda aquela pessoa, Mad Max.
    2- Mediano: As pessoas podem interagir com o personagem de forma amigável se ele for amigável.
    3- Amigável: As pessoas acham-no agradável. Você é uma pessoa de fácil acesso.
    4- Muito amigável: O personagem atrai as pessoas para perto dele. É comum as mulheres darem atenção à ele e as pessoas pagarem uma bebida para ele.
    5- Encantador: Todos se voltam quando o personagem entra na cena. Todos querem estar à sua volta. Marilyn Monroe, James Dean.

    Inteligência: Envolve o conhecimento do personagem, além de sua capacidade analítica e influenciar INDIRETAMENTE os pontos mentais.
    0- Retardado: O personagem não fala normalmente coisa com coisa e conhece poucas palavras. Hordor, Sloth.
    1- Ignorante: O personagem não é retardado, mas nunca teve acesso à uma educação e possivelmente ele é analfabeto.
    2- Mediano: Pessoa de inteligência normal. Frequentou a escola, aprendeu a ler, matemática, mas nada brilhante.
    3- Inteligente: O personagem pode ter feito uma faculdade e mostrar-se muito sagaz com as coisas. Sua inteligência pode impressionar.
    4- Brilhante: O personagem é muito inteligente, podendo ser um professor, médico renomado, ou coisa do gênero. Quando ele fala, normalmente as pesoas param para escutar.
    5- Gênio: O personagem é uma autoridade em um (ou mais) assuntos. Poucas vezes está enganado e seu conhecimento causa inveja. Einstein, Tesla.

    Percepção: Envolve a capacidade do personagem de analisar o ambiente à volta. Pode auxiliar na esquiva e em encontrar pistas que os outros nunca veriam. Envolve os 5 sentidos.
    0- Deplorável: O personagem além de desligado, não possui um destes dois sentidos, podendo ser cego ou surdo.
    1- Leso: O personagem se distrai fácil e quase tudo passa desapercebido por ele. Ele pode ter um alto grau de miopia ou ter um ouvido péssimo.
    2- Mediano: As coisas que não escapam às pessoas comuns, não escapam ao personagem.
    3- Perceptivo: O personagem tende a perceber as coisas primeiro que os outros. Ele pode se tocar que o volume no casaco de um homem é uma pistola, ou ouvir um tiro no quarteirão do lado e identificar de onde veio o disparo.
    4- Esperto: O personagem é extremamente perceptivo, sendo que poucas coisas passam desapercebidas. Ele poderia se tocar pelo barulho do balançar de um case de violão que lá dentro teria uma metralhadora Thompson, ou ouvir no quarto do lado uma pessoa se debatendo por ser enforcada.
    5- Radar Humano: O personagem é ligado em tudo que acontece ao seu redor. Ele consegue conversar com uma pessoa ao mesmo tempo em que ouve a conversa de outra, poderia ouvir a pessoa enforcada do exemplo acima mesmo se estivesse escutando música e poderia acordar simplesmente por alguém tentar girar em silêncio a maçaneta de sua porta.

    Força de Vontade: Determina a capacidade de resistir à intimidação, provocação ou sedução, além de ser a coragem. Influencia DIRETAMENTE os pontos mentais do personagem.
    0- Sem vontade: O personagem tem a mentalidade de servo para com todos. Theon Geryjoy (Reek)
    1- Vontade Fraca: Criança. Mulher constantemente violentada pelo marido que não conseguiria abandoná-lo. Servos menores dos Deuses
    2- Mediano: Pessoa normal, com capacidade de resistir à maioria das coisas que um homem normal resistiria.
    3- Determinado: O personagem não se dobra facilmente e normalmente consegue resistir à coisas que homens normais não resistiriam.
    4- Corajoso: O personagem teme poucas coisas na vida. Ele também é capaz de resistir à quase todo o tipo de manipulação.
    5- Indobrável: O personagem possivelmente nunca sentiu medo na vida e nada no mundo é capaz de manipulá-lo. Até mesmo tortura e um controle mental dificilmente afetariam este personagem.

    Perícias: (6 pontos) Escolham perícias que os personagens de vocês teriam, mas tentem não ser tão abrangentes (Ciências, Armas de Fogo, Combate Desarmado), nem tão específicos (cirurgia cardiológica, Colt Python .22, Arremessar Pessoas)... o meio termo é o melhor (Medicina, Astronomia, Física, Pistolas, Metralhadoras, Boxe)...
    As perícias possuem 3 níveis, sendo que inicialmente vocês só poem ter até o nível 2. Cada nível custa 1 ponto.

    Níveis:
    0- Não sabe usar/fazer
    1- Treinamento básico (policial cadete com uma pistola, enfermeiro com a perícia medicina)
    2- Competente (militar treinado com metralhadoras, cirurgião com medicina)
    3- Autoridade no assunto (Einstein com física, Muhamad Ali com boxe)

    Vantagens: (2 pontos) Vantagens são características que os personagens de vocês compram e que podem beneficiar suas fichas em certas situações. Todas as vantagens devem ser explicadas e, eventualmente, conversaremos sobre ajustes. Além disso, algumas vantagens mais fortes podem custar os 2 pontos. Também é possível gastar 1 ponto de vantagem para ganhar 1 ponto em atributo ou então 2 pontos de perícias.

    Alguns exemplos são:

    "Sortudo: Eventualmente a sorte sorri com bastante efusividade para Thiago. Ele, mesmo sem saber, acaba acertando uma combinação, ou conta com a ajuda inesperada de algo ou alguém."

    "DNA Neandertal: Marcus é bastante resistente a substâncias que afetem sua cognição ou coordenação, além de seu organismo expelir substâncias estranhas bem mais rapidamente que o normal"

    "Aparência inofensiva: Anna não aparenta trazer qualquer perigo (Carregar algo que apresente perigo anula essa vantagem), nunca sendo suspeito de atos graves a não ser que tenha mais de uma testemunha."

    "Malícia nativa: Ricardo conhece tudo sobre sua cidade. Se não souber onde encontrar, ao menos conhece quem sabe, todo o tipo de coisa (de um molho de pimenta a um rifle). Em outras regiões que não a sua, consegue se familiarizar rapidamente, alcançando facilidade proficiência nessa cidade também."

    "Premonição: Elizabeth é capaz de, eventualmente, adivinhar perigos ou planos ruins que os outros tem contra si."

    "Pouso forçado: Otávio é capaz de manter-se absolutamente calmo e resoluto, em situações de risco. Seu corpo consegue controlar os impulsos que, nos outros seriam naturais, de correr, congelar ou lutar; ele, do contrário, consegue racionalizar e agir conforme sua própria consciência."

    Etc...

    Observação: Os nomes das vantagens e perícias são criados pelo jogador. Via de regra, só as vantagens necessitam de uma descrição (já que as perícias, usualmente, serão bastante objetivas e óbvias, mas se achar que uma perícia sua é pouco óbvia, faça uma descrição.)

    Observação 2: Cada vantagem, a princípio, custa um ponto; quando entregar sua ficha, caso haja alguma vantagem que possa ser um pouco Over Power demais, a gente conversa e acerta (ou tira uma, ou reduz os efeitos da outra).

    Corpo: Quando o personagem estiver doente, ferido, perder um braço (pode ocorrer, ué...), morrer ou sob qualquer outra condição, isso estará descrito na narração.

    Mente: Condição de sanidade e controle mental do personagem que, conforme regras de "Corpo", serão descritas pela narração.


    Esquema das Fichas:

    Imagem: Fotografias, ou artes realistas. Pode ser apenas uma, todavia, sinta-se à vontade para colocar mais.

    Nome: O nome do personagem.

    Ocupação: médico, professor, cientista, mafioso, policial, detetive, ladrão, golpista, sacerdote, etc...

    Atributos: Na ordem que eu os coloquei ali em cima, por favor.

    Perícias: Coloquem o nome da perícia e quantos pontos foram gastos em cada.

    Vantagens: Idem à perícias.

    Histórico: Poste o seu histórico/descrição.

    Se for igual à anterior é isso aí...
    LuizBaggio
    Investigador
    LuizBaggio
    Investigador

    Mensagens : 67
    Reputação : 4

    Penumbra Empty Re: Penumbra

    Mensagem por LuizBaggio em Qui Maio 09, 2019 1:39 pm

    @Claude Speedy escreveu:
    @nahna escreveu:@LuizBaggio, Oi oi!
    Como planeja a ambientação? Seria nos tempos atuais com toques de sobrenatural?
    Ambientação:


    Penumbra Pic_e1507754251405

    "O oculto sempre esteve presente. Independente de cor, credo, ou poder aquisitivo, o ser humano vive em meio hostil, em que a maioria sequer imagina a extensão das sombras que os envolve e os permeia. O meio hostil, alimentado pelo ódio ou indiferença entre aqueles que venceram a cadeia alimentar, fez emergir a mais escura de todas as ameaças. Quem é você pra impedir?"

    "Thiago chegou na pequena cidade de Barbacena, Minas Gerais. Lá funcionava um hospício há muito tempo atrás e, apesar de Thiago adorar estudar sobre os arcaicos métodos de tratamento empregados nos antigos manicômios, não estava lá para isso. Ele estava alí, e Thiago podia sentir. Passou o dia todo vagando pela cidade, comeu e rememorou todos os passos que o antigo Caçador deu. Ele morreu, portanto, a ele restava tentar fazer completamente diferente do que fez seu predecessor. E assim fez.

    No fim do dia, estava diante do Hospital das Clínicas; entrou pela porta de vidro, passando pela portaria, entrou no elevador. Lá dentro, por mais uma vez, repassou seu plano mentalmente. O elevador parou no subsolo. De lá, desceu por uma escadaria até chegar numa outra espécie de hospital, mais mofado e escuro. Chegando à mesa da recepção, foi logo interpelado pelo bom dia mais sincero que já ouvira, de uma elegante ruiva em uniformes de enfermagem. Chacoalhou a cabeça, "não era possível que estava realmente acontecendo", pensou. Pediu para visitar alguém que se chama “O Portador do Fim”. A expressão alegre da belíssima enfermeira se transfigurou, em um inquieto vidrar de olhos e morder de lábios. Ela indicou o caminho e, decidido, Thiago seguiu.

    Tudo que lá havia, parecia o som de alguém falando sozinho ecoando pelos corredores. Era uma língua impossível de se entender, mas  Thiago sentira seu peito congelando e a vida desejando afastar-se de si. Então o medo. Subtamente a voz parou de falar e, imediatamente, a memória trouxe ao Caçador a informação: Pare de andar. Confiava no seu aprendizado e na sua linhagem e sabia que, caso não seguisse o instinto, assim como seu plano, acabaria como seu predecessor.

    A voz, no entanto, continuava silenciosa, deixando Thiago nervoso. Ele sabia que, quando estivesse próximo do Portador do Fim, este deveria falar e falar, como sinal de que poderia se aproximar. "Foda-se!", pensou Thiago, "Estou apenas de passagem! Eu desejo conversar!", gritou. Silêncio... mas após o silêncio, o alívio. A voz voltara a tagarelar e, concluindo sua caminhada pelo corredor, chegara à última cela. Era uma sala sem janelas, com móveis antigos de madeira já apodrecida pela umidade. Mas também havia uma pessoa em um dos cantos, segurando algo. Logo que a viu, Thiago fez a pergunta que, segundo a lenda, era a única que responderia: “O que acontece quando todos se unem?”. A pessoa virou-se e seu sexo era indefinido. Olhando nos olhos de Thiago, respondeu sua pergunta em detalhes horripilantes, contando sobre toda a dor, toda a depravação, toda a tortura, todas as frustrações, todos os medos. Muitos ficaram loucos nesta cela, outros desapareceram após este encontro, e poucos encerraram suas vidas. Mas a maioria delas sempre faz a pior coisa, que é querer olhar para o objeto que a pessoa carrega. O Caçador queria olhar também, mas sabia que não poderia... ao menos, sentia que não devia. De fato, não ter olhado fora sua maior conquista do dia; caso houvesse caído em tentação, sua morte estará naquela cela, nas mãos daquela pessoa.

    Esse objeto é o primeiro de 538. Eles nunca devem se unir. Nunca."



    A história se passa no mundo moderno, contemporâneo a nós, onde as relações da humanidade com o oculto tornaram-se, tal qual entre si, superficiais demais. No entanto, o desdém, a cobiça, a violência, as perversões e todos os aspectos mais tétricos das sombras que espreitam o homem nunca foram tão profundos.

    Você ingressará num mundo em que, até então, parecia substancialmente conhecido, cujos perigos, do interior da casa murada e cercada, ou do apartamento com portaria 24 horas, pareciam distantes. No entanto, suas histórias os levarão para os núcleos de depravação, destruição e luxúria da humanidade mais corrupta que já existiu. A nossa.

    O que você conhecerá, muitos classificam como punição, outros como bênção e, ainda, alguns como oportunidade. Seja o qual for sua leitura, você precisará escolher seu lado, ou o lado escolherá você. Seja qual for seu lado, precisará decidir sobre o que fazer com eles. E, temo, seja qual for a decisão o resultado será o mesmo.


    @nahna escreveu:Me candidato a participar!  bounce
    Como vai ser a criação de personagem?

    Regras de Criação de Personagem:
    As fichas devem conter:

    A descrição (física e psicológica) dos personagens e seu histórico (incluindo idade, cor de olhos, cabelos, altura, peso, porte físico, comportamento, onde nasceu, onde mora, se possui algum tipo de relacionamento, etc). Lembre-se que, na história, deverão estar descritos os gostos, medos, alegrias, aversões, etc. Seja generoso com seu personagem. Como o jogo é interpretativo, quanto mais rico for seu background, melhor será para você poder interpretar.

    Raça: Embora haja a possibilidade disso mudar ao longo da história, você será humano, inicialmente.

    As fichas devem seguir o modelo abaixo. A pontuação inicial é de pessoas normais um pouquinho acima da média. Procurei usar exemplos bem interessantes, pra não deixar dúvidas. Quem joga RPG sabe como as fichas influenciam no que vocês pretendem fazer, então, escolha sabiamente. O mínimo dos atributos é zero, mas eles não são recomendados!

    ATRIBUTOS (20 pontos)

    Força: Mede o quão forte é o personagem. Também auxilia indiretamente na vitalidade.
    0- Criança: 10 anos
    1- Fraco: Idoso, adolescente ou mulher pequena
    2- Mediano: Adulto magro, Mulher comum
    3- Forte: Adulto atlético, Brad Pitt, Rhonda Rhousey
    4- Muito forte: Militares, Stallone, Van Damme
    5- Extremamente Forte: Levantador de Pesos Olímpico, The Rock, Schwarzzenegger

    Agilidade: A destreza, capacidade de esquivar-se, velocidade em corrida e boa parte dos atletismos.
    0- Aleijado: Incapaz de mover-se adequadamente
    1- Desajeitado: Pessoas obesas ou idosas
    2- Mediano: Ser Humano comum
    3- Ágil: Jogadores de Baseball, Atletas de Fins de Semana
    4- Muito ágil: Corredores profissionais, malabaristas
    5- Extremamente ágil: Ginastas, Corredores Olímpicos, Faixas Pretas de Tae Kwon Do

    Resistência: A capacidade do personagem de resistir a ferimentos, toxinas, manter-se acordado ou fazer esforço repetitivo.
    0- Doente: O personagem sofre de sérias debilidades, como um aidético próximo ao fim; ou uma criança asmática
    1- Criança: Uma criança de 10 anos saudável, adulto asmático
    2- Mediano: Pessoa com saúde relativamente normal, ficando doente 1 ou 2 vezes por ano.
    3- Saudável: Atletas e pessoas com boa alimentação.
    4- Resistente: Lutadores de boxe profissionais, maratonistas
    5- Corpo Fechado: O personagem poderia sobreviver à alguns tiros e talvez até a ser degolado. Forrest Bondurant (Tom Hardy - Os Infratores)

    Carisma: A capacidade de fazer com que os outros gostem de você. Também auxilia a manipular os outros, sedução e barganha.
    0- Odiável: É praticamente impossível gostar do personagem. Nem a mãe dele gosta dele e nem prostitutas topam sair com ele.
    1- Sem sal: O personagem não desperta simpatia de quase ninguém, salvo quando ajuda aquela pessoa, Mad Max.
    2- Mediano: As pessoas podem interagir com o personagem de forma amigável se ele for amigável.
    3- Amigável: As pessoas acham-no agradável. Você é uma pessoa de fácil acesso.
    4- Muito amigável: O personagem atrai as pessoas para perto dele. É comum as mulheres darem atenção à ele e as pessoas pagarem uma bebida para ele.
    5- Encantador: Todos se voltam quando o personagem entra na cena. Todos querem estar à sua volta. Marilyn Monroe, James Dean.

    Inteligência: Envolve o conhecimento do personagem, além de sua capacidade analítica e influenciar INDIRETAMENTE os pontos mentais.
    0- Retardado: O personagem não fala normalmente coisa com coisa e conhece poucas palavras. Hordor, Sloth.
    1- Ignorante: O personagem não é retardado, mas nunca teve acesso à uma educação e possivelmente ele é analfabeto.
    2- Mediano: Pessoa de inteligência normal. Frequentou a escola, aprendeu a ler, matemática, mas nada brilhante.
    3- Inteligente: O personagem pode ter feito uma faculdade e mostrar-se muito sagaz com as coisas. Sua inteligência pode impressionar.
    4- Brilhante: O personagem é muito inteligente, podendo ser um professor, médico renomado, ou coisa do gênero. Quando ele fala, normalmente as pesoas param para escutar.
    5- Gênio: O personagem é uma autoridade em um (ou mais) assuntos. Poucas vezes está enganado e seu conhecimento causa inveja. Einstein, Tesla.

    Percepção: Envolve a capacidade do personagem de analisar o ambiente à volta. Pode auxiliar na esquiva e em encontrar pistas que os outros nunca veriam. Envolve os 5 sentidos.
    0- Deplorável: O personagem além de desligado, não possui um destes dois sentidos, podendo ser cego ou surdo.
    1- Leso: O personagem se distrai fácil e quase tudo passa desapercebido por ele. Ele pode ter um alto grau de miopia ou ter um ouvido péssimo.
    2- Mediano: As coisas que não escapam às pessoas comuns, não escapam ao personagem.
    3- Perceptivo: O personagem tende a perceber as coisas primeiro que os outros. Ele pode se tocar que o volume no casaco de um homem é uma pistola, ou ouvir um tiro no quarteirão do lado e identificar de onde veio o disparo.
    4- Esperto: O personagem é extremamente perceptivo, sendo que poucas coisas passam desapercebidas. Ele poderia se tocar pelo barulho do balançar de um case de violão que lá dentro teria uma metralhadora Thompson, ou ouvir no quarto do lado uma pessoa se debatendo por ser enforcada.
    5- Radar Humano: O personagem é ligado em tudo que acontece ao seu redor. Ele consegue conversar com uma pessoa ao mesmo tempo em que ouve a conversa de outra, poderia ouvir a pessoa enforcada do exemplo acima mesmo se estivesse escutando música e poderia acordar simplesmente por alguém tentar girar em silêncio a maçaneta de sua porta.

    Força de Vontade: Determina a capacidade de resistir à intimidação, provocação ou sedução, além de ser a coragem. Influencia DIRETAMENTE os pontos mentais do personagem.
    0- Sem vontade: O personagem tem a mentalidade de servo para com todos. Theon Geryjoy (Reek)
    1- Vontade Fraca: Criança. Mulher constantemente violentada pelo marido que não conseguiria abandoná-lo. Servos menores dos Deuses
    2- Mediano: Pessoa normal, com capacidade de resistir à maioria das coisas que um homem normal resistiria.
    3- Determinado: O personagem não se dobra facilmente e normalmente consegue resistir à coisas que homens normais não resistiriam.
    4- Corajoso: O personagem teme poucas coisas na vida. Ele também é capaz de resistir à quase todo o tipo de manipulação.
    5- Indobrável: O personagem possivelmente nunca sentiu medo na vida e nada no mundo é capaz de manipulá-lo. Até mesmo tortura e um controle mental dificilmente afetariam este personagem.

    Perícias: (6 pontos) Escolham perícias que os personagens de vocês teriam, mas tentem não ser tão abrangentes (Ciências, Armas de Fogo, Combate Desarmado), nem tão específicos (cirurgia cardiológica, Colt Python .22, Arremessar Pessoas)... o meio termo é o melhor (Medicina, Astronomia, Física, Pistolas, Metralhadoras, Boxe)...
    As perícias possuem 3 níveis, sendo que inicialmente vocês só poem ter até o nível 2. Cada nível custa 1 ponto.

    Níveis:
    0- Não sabe usar/fazer
    1- Treinamento básico (policial cadete com uma pistola, enfermeiro com a perícia medicina)
    2- Competente (militar treinado com metralhadoras, cirurgião com medicina)
    3- Autoridade no assunto (Einstein com física, Muhamad Ali com boxe)

    Vantagens: (2 pontos) Vantagens são características que os personagens de vocês compram e que podem beneficiar suas fichas em certas situações. Todas as vantagens devem ser explicadas e, eventualmente, conversaremos sobre ajustes. Além disso, algumas vantagens mais fortes podem custar os 2 pontos. Também é possível gastar 1 ponto de vantagem para ganhar 1 ponto em atributo ou então 2 pontos de perícias.

    Alguns exemplos são:

    "Sortudo: Eventualmente a sorte sorri com bastante efusividade para Thiago. Ele, mesmo sem saber, acaba acertando uma combinação, ou conta com a ajuda inesperada de algo ou alguém."

    "DNA Neandertal: Marcus é bastante resistente a substâncias que afetem sua cognição ou coordenação, além de seu organismo expelir substâncias estranhas bem mais rapidamente que o normal"

    "Aparência inofensiva: Anna não aparenta trazer qualquer perigo (Carregar algo que apresente perigo anula essa vantagem), nunca sendo suspeito de atos graves a não ser que tenha mais de uma testemunha."

    "Malícia nativa: Ricardo conhece tudo sobre sua cidade. Se não souber onde encontrar, ao menos conhece quem sabe, todo o tipo de coisa (de um molho de pimenta a um rifle). Em outras regiões que não a sua, consegue se familiarizar rapidamente, alcançando facilidade proficiência nessa cidade também."

    "Premonição: Elizabeth é capaz de, eventualmente, adivinhar perigos ou planos ruins que os outros tem contra si."

    "Pouso forçado: Otávio é capaz de manter-se absolutamente calmo e resoluto, em situações de risco. Seu corpo consegue controlar os impulsos que, nos outros seriam naturais, de correr, congelar ou lutar; ele, do contrário, consegue racionalizar e agir conforme sua própria consciência."

    Etc...

    Observação: Os nomes das vantagens e perícias são criados pelo jogador. Via de regra, só as vantagens necessitam de uma descrição (já que as perícias, usualmente, serão bastante objetivas e óbvias, mas se achar que uma perícia sua é pouco óbvia, faça uma descrição.)

    Observação 2: Cada vantagem, a princípio, custa um ponto; quando entregar sua ficha, caso haja alguma vantagem que possa ser um pouco Over Power demais, a gente conversa e acerta (ou tira uma, ou reduz os efeitos da outra).

    Corpo: Quando o personagem estiver doente, ferido, perder um braço (pode ocorrer, ué...), morrer ou sob qualquer outra condição, isso estará descrito na narração.

    Mente: Condição de sanidade e controle mental do personagem que, conforme regras de "Corpo", serão descritas pela narração.


    Esquema das Fichas:

    Imagem: Fotografias, ou artes realistas. Pode ser apenas uma, todavia, sinta-se à vontade para colocar mais.

    Nome: O nome do personagem.

    Ocupação: médico, professor, cientista, mafioso, policial, detetive, ladrão, golpista, sacerdote, etc...

    Atributos: Na ordem que eu os coloquei ali em cima, por favor.

    Perícias: Coloquem o nome da perícia e quantos pontos foram gastos em cada.

    Vantagens: Idem à perícias.

    Histórico: Poste o seu histórico/descrição.

    Se for igual à anterior é isso aí...


    Exatamente igual, Claude! Muito obrigado, inclusive pela postagem do texto original.



    @Caelestia escreveu:@LuizBaggio

    Gosto bastante dessa proposta de ambientação mais sombria.

    Como seria com os personagens? Todos seriam maus, todos seriam bons ou fica livre essa escolha?

    Fique interessada em participar.

    A forma de agir do personagem fica livre, sem prejuízos.

    @Pikapool escreveu:Gosto da temática. Se tiver espaço para mais um. Olha eu aqui.

    Seja bem-vinda.


    Galera, só pra fechar: Posso considerar Claude, Caelestia, nahna, Pikapool e Kether (este, no banco de reservas)?
    Artorias
    Troubleshooter
    Artorias
    Troubleshooter

    Mensagens : 801
    Reputação : 49
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Penumbra Empty Re: Penumbra

    Mensagem por Artorias em Qui Maio 09, 2019 1:40 pm

    @Claude Speedy escreveu:Sò veio toda galera que estava em férias, menos a primeira vítima.

    Assim que morrermos eu tenho certeza que ninguém vai querer participar de terror de novo hahaha.


    HUHAUHAUAHUAHAU


    Espero que não seja um indício de que queiram fugir da minha campanha antes de morrerem XD


    -----

    Lembro dessa campanha, não participarei por estar comprometido em um número maior que deveria de jogos, mas desejo sorte, essa equipe toda de jogadores é muito boa!
    Kether
    Garou de Posto Cinco
    Kether
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2171
    Reputação : 89
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh34.png

    Penumbra Empty Re: Penumbra

    Mensagem por Kether em Qui Maio 09, 2019 2:06 pm

    @LuizBaggio escreveu:
    @Claude Speedy escreveu:
    @nahna escreveu:@LuizBaggio, Oi oi!
    Como planeja a ambientação? Seria nos tempos atuais com toques de sobrenatural?
    Ambientação:


    Penumbra Pic_e1507754251405

    "O oculto sempre esteve presente. Independente de cor, credo, ou poder aquisitivo, o ser humano vive em meio hostil, em que a maioria sequer imagina a extensão das sombras que os envolve e os permeia. O meio hostil, alimentado pelo ódio ou indiferença entre aqueles que venceram a cadeia alimentar, fez emergir a mais escura de todas as ameaças. Quem é você pra impedir?"

    "Thiago chegou na pequena cidade de Barbacena, Minas Gerais. Lá funcionava um hospício há muito tempo atrás e, apesar de Thiago adorar estudar sobre os arcaicos métodos de tratamento empregados nos antigos manicômios, não estava lá para isso. Ele estava alí, e Thiago podia sentir. Passou o dia todo vagando pela cidade, comeu e rememorou todos os passos que o antigo Caçador deu. Ele morreu, portanto, a ele restava tentar fazer completamente diferente do que fez seu predecessor. E assim fez.

    No fim do dia, estava diante do Hospital das Clínicas; entrou pela porta de vidro, passando pela portaria, entrou no elevador. Lá dentro, por mais uma vez, repassou seu plano mentalmente. O elevador parou no subsolo. De lá, desceu por uma escadaria até chegar numa outra espécie de hospital, mais mofado e escuro. Chegando à mesa da recepção, foi logo interpelado pelo bom dia mais sincero que já ouvira, de uma elegante ruiva em uniformes de enfermagem. Chacoalhou a cabeça, "não era possível que estava realmente acontecendo", pensou. Pediu para visitar alguém que se chama “O Portador do Fim”. A expressão alegre da belíssima enfermeira se transfigurou, em um inquieto vidrar de olhos e morder de lábios. Ela indicou o caminho e, decidido, Thiago seguiu.

    Tudo que lá havia, parecia o som de alguém falando sozinho ecoando pelos corredores. Era uma língua impossível de se entender, mas  Thiago sentira seu peito congelando e a vida desejando afastar-se de si. Então o medo. Subtamente a voz parou de falar e, imediatamente, a memória trouxe ao Caçador a informação: Pare de andar. Confiava no seu aprendizado e na sua linhagem e sabia que, caso não seguisse o instinto, assim como seu plano, acabaria como seu predecessor.

    A voz, no entanto, continuava silenciosa, deixando Thiago nervoso. Ele sabia que, quando estivesse próximo do Portador do Fim, este deveria falar e falar, como sinal de que poderia se aproximar. "Foda-se!", pensou Thiago, "Estou apenas de passagem! Eu desejo conversar!", gritou. Silêncio... mas após o silêncio, o alívio. A voz voltara a tagarelar e, concluindo sua caminhada pelo corredor, chegara à última cela. Era uma sala sem janelas, com móveis antigos de madeira já apodrecida pela umidade. Mas também havia uma pessoa em um dos cantos, segurando algo. Logo que a viu, Thiago fez a pergunta que, segundo a lenda, era a única que responderia: “O que acontece quando todos se unem?”. A pessoa virou-se e seu sexo era indefinido. Olhando nos olhos de Thiago, respondeu sua pergunta em detalhes horripilantes, contando sobre toda a dor, toda a depravação, toda a tortura, todas as frustrações, todos os medos. Muitos ficaram loucos nesta cela, outros desapareceram após este encontro, e poucos encerraram suas vidas. Mas a maioria delas sempre faz a pior coisa, que é querer olhar para o objeto que a pessoa carrega. O Caçador queria olhar também, mas sabia que não poderia... ao menos, sentia que não devia. De fato, não ter olhado fora sua maior conquista do dia; caso houvesse caído em tentação, sua morte estará naquela cela, nas mãos daquela pessoa.

    Esse objeto é o primeiro de 538. Eles nunca devem se unir. Nunca."



    A história se passa no mundo moderno, contemporâneo a nós, onde as relações da humanidade com o oculto tornaram-se, tal qual entre si, superficiais demais. No entanto, o desdém, a cobiça, a violência, as perversões e todos os aspectos mais tétricos das sombras que espreitam o homem nunca foram tão profundos.

    Você ingressará num mundo em que, até então, parecia substancialmente conhecido, cujos perigos, do interior da casa murada e cercada, ou do apartamento com portaria 24 horas, pareciam distantes. No entanto, suas histórias os levarão para os núcleos de depravação, destruição e luxúria da humanidade mais corrupta que já existiu. A nossa.

    O que você conhecerá, muitos classificam como punição, outros como bênção e, ainda, alguns como oportunidade. Seja o qual for sua leitura, você precisará escolher seu lado, ou o lado escolherá você. Seja qual for seu lado, precisará decidir sobre o que fazer com eles. E, temo, seja qual for a decisão o resultado será o mesmo.


    @nahna escreveu:Me candidato a participar!  bounce
    Como vai ser a criação de personagem?

    Regras de Criação de Personagem:
    As fichas devem conter:

    A descrição (física e psicológica) dos personagens e seu histórico (incluindo idade, cor de olhos, cabelos, altura, peso, porte físico, comportamento, onde nasceu, onde mora, se possui algum tipo de relacionamento, etc). Lembre-se que, na história, deverão estar descritos os gostos, medos, alegrias, aversões, etc. Seja generoso com seu personagem. Como o jogo é interpretativo, quanto mais rico for seu background, melhor será para você poder interpretar.

    Raça: Embora haja a possibilidade disso mudar ao longo da história, você será humano, inicialmente.

    As fichas devem seguir o modelo abaixo. A pontuação inicial é de pessoas normais um pouquinho acima da média. Procurei usar exemplos bem interessantes, pra não deixar dúvidas. Quem joga RPG sabe como as fichas influenciam no que vocês pretendem fazer, então, escolha sabiamente. O mínimo dos atributos é zero, mas eles não são recomendados!

    ATRIBUTOS (20 pontos)

    Força: Mede o quão forte é o personagem. Também auxilia indiretamente na vitalidade.
    0- Criança: 10 anos
    1- Fraco: Idoso, adolescente ou mulher pequena
    2- Mediano: Adulto magro, Mulher comum
    3- Forte: Adulto atlético, Brad Pitt, Rhonda Rhousey
    4- Muito forte: Militares, Stallone, Van Damme
    5- Extremamente Forte: Levantador de Pesos Olímpico, The Rock, Schwarzzenegger

    Agilidade: A destreza, capacidade de esquivar-se, velocidade em corrida e boa parte dos atletismos.
    0- Aleijado: Incapaz de mover-se adequadamente
    1- Desajeitado: Pessoas obesas ou idosas
    2- Mediano: Ser Humano comum
    3- Ágil: Jogadores de Baseball, Atletas de Fins de Semana
    4- Muito ágil: Corredores profissionais, malabaristas
    5- Extremamente ágil: Ginastas, Corredores Olímpicos, Faixas Pretas de Tae Kwon Do

    Resistência: A capacidade do personagem de resistir a ferimentos, toxinas, manter-se acordado ou fazer esforço repetitivo.
    0- Doente: O personagem sofre de sérias debilidades, como um aidético próximo ao fim; ou uma criança asmática
    1- Criança: Uma criança de 10 anos saudável, adulto asmático
    2- Mediano: Pessoa com saúde relativamente normal, ficando doente 1 ou 2 vezes por ano.
    3- Saudável: Atletas e pessoas com boa alimentação.
    4- Resistente: Lutadores de boxe profissionais, maratonistas
    5- Corpo Fechado: O personagem poderia sobreviver à alguns tiros e talvez até a ser degolado. Forrest Bondurant (Tom Hardy - Os Infratores)

    Carisma: A capacidade de fazer com que os outros gostem de você. Também auxilia a manipular os outros, sedução e barganha.
    0- Odiável: É praticamente impossível gostar do personagem. Nem a mãe dele gosta dele e nem prostitutas topam sair com ele.
    1- Sem sal: O personagem não desperta simpatia de quase ninguém, salvo quando ajuda aquela pessoa, Mad Max.
    2- Mediano: As pessoas podem interagir com o personagem de forma amigável se ele for amigável.
    3- Amigável: As pessoas acham-no agradável. Você é uma pessoa de fácil acesso.
    4- Muito amigável: O personagem atrai as pessoas para perto dele. É comum as mulheres darem atenção à ele e as pessoas pagarem uma bebida para ele.
    5- Encantador: Todos se voltam quando o personagem entra na cena. Todos querem estar à sua volta. Marilyn Monroe, James Dean.

    Inteligência: Envolve o conhecimento do personagem, além de sua capacidade analítica e influenciar INDIRETAMENTE os pontos mentais.
    0- Retardado: O personagem não fala normalmente coisa com coisa e conhece poucas palavras. Hordor, Sloth.
    1- Ignorante: O personagem não é retardado, mas nunca teve acesso à uma educação e possivelmente ele é analfabeto.
    2- Mediano: Pessoa de inteligência normal. Frequentou a escola, aprendeu a ler, matemática, mas nada brilhante.
    3- Inteligente: O personagem pode ter feito uma faculdade e mostrar-se muito sagaz com as coisas. Sua inteligência pode impressionar.
    4- Brilhante: O personagem é muito inteligente, podendo ser um professor, médico renomado, ou coisa do gênero. Quando ele fala, normalmente as pesoas param para escutar.
    5- Gênio: O personagem é uma autoridade em um (ou mais) assuntos. Poucas vezes está enganado e seu conhecimento causa inveja. Einstein, Tesla.

    Percepção: Envolve a capacidade do personagem de analisar o ambiente à volta. Pode auxiliar na esquiva e em encontrar pistas que os outros nunca veriam. Envolve os 5 sentidos.
    0- Deplorável: O personagem além de desligado, não possui um destes dois sentidos, podendo ser cego ou surdo.
    1- Leso: O personagem se distrai fácil e quase tudo passa desapercebido por ele. Ele pode ter um alto grau de miopia ou ter um ouvido péssimo.
    2- Mediano: As coisas que não escapam às pessoas comuns, não escapam ao personagem.
    3- Perceptivo: O personagem tende a perceber as coisas primeiro que os outros. Ele pode se tocar que o volume no casaco de um homem é uma pistola, ou ouvir um tiro no quarteirão do lado e identificar de onde veio o disparo.
    4- Esperto: O personagem é extremamente perceptivo, sendo que poucas coisas passam desapercebidas. Ele poderia se tocar pelo barulho do balançar de um case de violão que lá dentro teria uma metralhadora Thompson, ou ouvir no quarto do lado uma pessoa se debatendo por ser enforcada.
    5- Radar Humano: O personagem é ligado em tudo que acontece ao seu redor. Ele consegue conversar com uma pessoa ao mesmo tempo em que ouve a conversa de outra, poderia ouvir a pessoa enforcada do exemplo acima mesmo se estivesse escutando música e poderia acordar simplesmente por alguém tentar girar em silêncio a maçaneta de sua porta.

    Força de Vontade: Determina a capacidade de resistir à intimidação, provocação ou sedução, além de ser a coragem. Influencia DIRETAMENTE os pontos mentais do personagem.
    0- Sem vontade: O personagem tem a mentalidade de servo para com todos. Theon Geryjoy (Reek)
    1- Vontade Fraca: Criança. Mulher constantemente violentada pelo marido que não conseguiria abandoná-lo. Servos menores dos Deuses
    2- Mediano: Pessoa normal, com capacidade de resistir à maioria das coisas que um homem normal resistiria.
    3- Determinado: O personagem não se dobra facilmente e normalmente consegue resistir à coisas que homens normais não resistiriam.
    4- Corajoso: O personagem teme poucas coisas na vida. Ele também é capaz de resistir à quase todo o tipo de manipulação.
    5- Indobrável: O personagem possivelmente nunca sentiu medo na vida e nada no mundo é capaz de manipulá-lo. Até mesmo tortura e um controle mental dificilmente afetariam este personagem.

    Perícias: (6 pontos) Escolham perícias que os personagens de vocês teriam, mas tentem não ser tão abrangentes (Ciências, Armas de Fogo, Combate Desarmado), nem tão específicos (cirurgia cardiológica, Colt Python .22, Arremessar Pessoas)... o meio termo é o melhor (Medicina, Astronomia, Física, Pistolas, Metralhadoras, Boxe)...
    As perícias possuem 3 níveis, sendo que inicialmente vocês só poem ter até o nível 2. Cada nível custa 1 ponto.

    Níveis:
    0- Não sabe usar/fazer
    1- Treinamento básico (policial cadete com uma pistola, enfermeiro com a perícia medicina)
    2- Competente (militar treinado com metralhadoras, cirurgião com medicina)
    3- Autoridade no assunto (Einstein com física, Muhamad Ali com boxe)

    Vantagens: (2 pontos) Vantagens são características que os personagens de vocês compram e que podem beneficiar suas fichas em certas situações. Todas as vantagens devem ser explicadas e, eventualmente, conversaremos sobre ajustes. Além disso, algumas vantagens mais fortes podem custar os 2 pontos. Também é possível gastar 1 ponto de vantagem para ganhar 1 ponto em atributo ou então 2 pontos de perícias.

    Alguns exemplos são:

    "Sortudo: Eventualmente a sorte sorri com bastante efusividade para Thiago. Ele, mesmo sem saber, acaba acertando uma combinação, ou conta com a ajuda inesperada de algo ou alguém."

    "DNA Neandertal: Marcus é bastante resistente a substâncias que afetem sua cognição ou coordenação, além de seu organismo expelir substâncias estranhas bem mais rapidamente que o normal"

    "Aparência inofensiva: Anna não aparenta trazer qualquer perigo (Carregar algo que apresente perigo anula essa vantagem), nunca sendo suspeito de atos graves a não ser que tenha mais de uma testemunha."

    "Malícia nativa: Ricardo conhece tudo sobre sua cidade. Se não souber onde encontrar, ao menos conhece quem sabe, todo o tipo de coisa (de um molho de pimenta a um rifle). Em outras regiões que não a sua, consegue se familiarizar rapidamente, alcançando facilidade proficiência nessa cidade também."

    "Premonição: Elizabeth é capaz de, eventualmente, adivinhar perigos ou planos ruins que os outros tem contra si."

    "Pouso forçado: Otávio é capaz de manter-se absolutamente calmo e resoluto, em situações de risco. Seu corpo consegue controlar os impulsos que, nos outros seriam naturais, de correr, congelar ou lutar; ele, do contrário, consegue racionalizar e agir conforme sua própria consciência."

    Etc...

    Observação: Os nomes das vantagens e perícias são criados pelo jogador. Via de regra, só as vantagens necessitam de uma descrição (já que as perícias, usualmente, serão bastante objetivas e óbvias, mas se achar que uma perícia sua é pouco óbvia, faça uma descrição.)

    Observação 2: Cada vantagem, a princípio, custa um ponto; quando entregar sua ficha, caso haja alguma vantagem que possa ser um pouco Over Power demais, a gente conversa e acerta (ou tira uma, ou reduz os efeitos da outra).

    Corpo: Quando o personagem estiver doente, ferido, perder um braço (pode ocorrer, ué...), morrer ou sob qualquer outra condição, isso estará descrito na narração.

    Mente: Condição de sanidade e controle mental do personagem que, conforme regras de "Corpo", serão descritas pela narração.


    Esquema das Fichas:

    Imagem: Fotografias, ou artes realistas. Pode ser apenas uma, todavia, sinta-se à vontade para colocar mais.

    Nome: O nome do personagem.

    Ocupação: médico, professor, cientista, mafioso, policial, detetive, ladrão, golpista, sacerdote, etc...

    Atributos: Na ordem que eu os coloquei ali em cima, por favor.

    Perícias: Coloquem o nome da perícia e quantos pontos foram gastos em cada.

    Vantagens: Idem à perícias.

    Histórico: Poste o seu histórico/descrição.

    Se for igual à anterior é isso aí...


    Exatamente igual, Claude! Muito obrigado, inclusive pela postagem do texto original.



    @Caelestia escreveu:@LuizBaggio

    Gosto bastante dessa proposta de ambientação mais sombria.

    Como seria com os personagens? Todos seriam maus, todos seriam bons ou fica livre essa escolha?

    Fique interessada em participar.

    A forma de agir do personagem fica livre, sem prejuízos.

    @Pikapool escreveu:Gosto da temática. Se tiver espaço para mais um. Olha eu aqui.

    Seja bem-vinda.


    Galera, só pra fechar: Posso considerar Claude, Caelestia, nahna, Pikapool e Kether (este, no banco de reservas)?

    Isso aí!
    Pikapool
    Cavaleiro Jedi
    Pikapool
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 209
    Reputação : 27

    Penumbra Empty Re: Penumbra

    Mensagem por Pikapool em Qui Maio 09, 2019 2:12 pm

    @LuizBaggio escreveu:Galera, só pra fechar: Posso considerar Claude, Caelestia, nahna, Pikapool e Kether (este, no banco de reservas)?

    Yep
    Caelestia
    Samurai Urbano
    Caelestia
    Samurai Urbano

    Mensagens : 105
    Reputação : 16

    Penumbra Empty Re: Penumbra

    Mensagem por Caelestia em Qui Maio 09, 2019 2:30 pm

    @LuizBaggio escreveu:Galera, só pra fechar: Posso considerar Claude, Caelestia, nahna, Pikapool e Kether (este, no banco de reservas)?

    Vamos nessa!
    Conteúdo patrocinado


    Penumbra Empty Re: Penumbra

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Dom Jul 21, 2019 3:58 pm