Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Canção de Luna - Juno

    Alexyus
    Mutante
    Alexyus
    Mutante

    Mensagens : 616
    Reputação : 35

    Canção de Luna - Juno Empty Canção de Luna - Juno

    Mensagem por Alexyus em Sex Maio 01, 2020 4:13 pm

    Já fazia meses que Juno estava morando com Edgar e Valentine.

    Eles eram anfitriões legais, sempre rindo, cantando, meditando e fazendo de tudo para que Juno se sentisse à vontade com eles. Sem precisar dizer nada sobre a tragédia do incêndio que vitimara a família dela, eles agiam para ajudá-la a superar o episódio.

    Tanto Edgar quanto Valentine eram membros de matilhas, cada um na sua, e às vezes eram chamados para alguma missão junto com elas. Essas ocasiões sempre rendiam despedidas emotivas, mas os dois pareciam estar sempre em paz. Infelizmente, o nível de ameças que eles enfrentavam era muito elevado para que Juno pudesse participar, ou assim eles diziam, e assim ela continuava como uma filhote em treinamento, mesmo depois de passar por seu Rito de Passagem e conquistar o posto de cliath.

    Mas naquele dia, tanto Edgar quanto Valentine esperavam Juno do lado de fora, esquentando o motor de uma van que deveria ser tão velha quanto o festival de Woodstock dos anos 70. Edgar estava na direção enquanto Valentine explicava que os Filhos de Gaia tinham combinado uma grande assembleia tribal, que deveria acontecer na Filadélfia, Pensilvânia.

    - Todas as tribos têm o costume de, de vez em quando, reunirem-se em assembleias, convocando todos os garous daquela tribo das proximidades. Mas nós, Filhos de Gaia, convidamos todas as tribos para se reunirem conosco, assim como todos os Parentes que considerarmos estar preparados para isso. Você vai poder conhecer não apenas Filhos de Gaia de toda a parte, mas também muitos garous das outras tribos! E como acreditamos na harmonia com a humanidade, nossa assembleia vai acontecer ao mesmo tempo que o Festival Songs of Peace, no Fairmount Park!

    A animação de Valentine era quase infantil, mas Juno já a conhecia havia tempo suficiente para perceber a importância do que ela dizia. Edgar deu a partida e a van acelerou em direção ao leste, pegando a rodovia interestadual. Era uma viagem de mais de 9 horas, passando perto de Cleveland e Pittsburgh.

    (Fique à vontade para puxar conversa durante a viagem)

    Quando finalmente chegaram a Filadélfia, Juno pôde ver pela janela diversas paisagens da Cidade do Amor Fraternal, como Philly era conhecida.

    Spoiler:
    Canção de Luna - Juno 800px-Philadelphia_Montage_by_Jleon_0310

    Edgar estacionou próximo do parque Fairmount, e de lá seguiram a pé, misturando-se à multidão que afluía ao Festival Musical.

    Spoiler:
    Canção de Luna - Juno Images?q=tbn%3AANd9GcQxV8xLtfps5kdxSFpLd3Ccva4-IknAnCH5UMjF8A9q4jLOXCHf&usqp=CAUCanção de Luna - Juno Images?q=tbn%3AANd9GcT8t_ByEkfkzX9ryFw50Yv0kXRmii24N0eFLMqPM5yQXbMDlPmt&usqp=CAUCanção de Luna - Juno Images?q=tbn%3AANd9GcTUs1_eQNvjoNEO1lqEgJw6eHBtdksnWexwncYqI46uIv7-K5gC&usqp=CAU

    Um palco fôra montado  para os artistas se apresentarem, enquanto o público podia sentar-se nos extensos gramados à volta. Nas calçadas ao redor havia várias barracas de bebida e comida, muitas delas veganas. Os cantores e bandas do lineup eram todos conhecidos ativistas ecológicos, e todo aquele festival anunciava-se como beneficente. Em alguns lugares, era possível encontrar stands de ONGs como Greenpeace e Médicos Sem Fronteiras.

    Valentine disse pra Juno:

    - Nossa assembleia será só à noite, de madrugada, lá pelo fim do festival. Nós vamos cumpriemntar alguns amigos, você pode vir com a gente ou então se quiser explorar o festival por aí, podemos marcar um ponto de encontro para mais tarde...
    thendara_selune
    Investigador
    thendara_selune
    Investigador

    Mensagens : 62
    Reputação : 1

    Canção de Luna - Juno Empty Re: Canção de Luna - Juno

    Mensagem por thendara_selune em Sex Maio 01, 2020 9:45 pm

    Juno se permitiu apreciar toda viagem, encantou-se com as conversas e sua mente se deixava levar por músicas transcendentais que elevavam o seu espirito, a vida Garou despertou nela um desejo primitivo de conectar-se com forças maiores que sua existência, talvez fosse uma fuga inquietante do que aconteceu, mas de certa forma era permitir a entrada de sentimentos curadores.  Seu gosto musical atualmente refletia muito de se nova vida variando desde a melancólica Anoushka Shankar - Bright Eyes ft. Alev Lenz, indo para Fatoumata Diawara - Nterini, navegando ainda pelo som primitivo entoado pelo grupo Heilung Norupo, dançando ao som Light in Babylon - Ya Sahra e vez ou outra lendo sobre a força da grande mãe personificada dentro do Tribal Dance que estimulava nela os mais variados sentimentos.
    Ao chegar parque Fairmount, ela admirou os detalhes, a movimentação local a deixou ansiosa por misturar-se com os outros ali, mas opto em caminhar juntamente com Edgar e Valentine.












    - As danças femininas existem a milênios, e foram passada de mulher a mulher, antes da escrita ou da luz elétrica, oralmente, intuitivamente. A aprendiz lembrava com o corpo aquilo que já sabia com a alma, e assim, a Deusa se manifestava e se manifesta até hoje dentro de nós quando dançamos. A Tribal Fusion Bellydance, ou Dança do Ventre Fusão Tribal, busca manter esta linhagem ancestral manifestada no momento presente.

    Através de movimentos oriundos de danças femininas tribais, ciganas, da Índia, do Egito, do norte da África, dos Balkans, da Asia Central, do Brasil, cria-se conexão com o arquétipo sagrado feminino, que se vale das individualidades, dos caminhos e dos contextos pessoais para manifestar de forma plural e conectada, as diversas faces da Deusa.-



    Alexyus
    Mutante
    Alexyus
    Mutante

    Mensagens : 616
    Reputação : 35

    Canção de Luna - Juno Empty Re: Canção de Luna - Juno

    Mensagem por Alexyus em Sab Maio 09, 2020 11:51 pm

    Juno ficou próxima a Edgar e Valentine durante todo o tempo.

    Os dois estavam muito ativos. A todo momento, avistavam coisas de interesse, dirigiam-se a stands de ONGs para saber como podiam ajudar, indagavam os vendedores sobre a procedência de cada produto e a destinação da renda antes de comprar, ouviam palestras improvisadas de algum ativista mais empolgado. Tudo isso enquanto ainda curtiam as diversas músicas ressoando por todo o parque.

    E também tratavam de assuntos garous. Havia muitos Filhos de Gaia ali que eles conheciam, que por sua vez passavam a apresentá-los a membros da tribo que eles ainda não conheciam. Alguns já eram bem idosos, mas a maioria eram jovens adultos, e havia também muitos jovens filhotes como Juno, recém-saídos da adolescência ou pouco mais do que isso. Alguns garous mostravam interesse especial nela enquanto Edgar e Valentine conversavam com outros.

    * Uma mulher entre trinta e quarenta anos, usando um chamativo manto branco com marcas vermelhas e portando uma espécie de bastão enfeitado com flores apresentou-se, falando com um sotaque britânico característico, como Celeste Pearson, a theurge Tempestade Tranquila. Ela se dirigiu a Juno de forma maternal e afetuosa:
    Spoiler:
    Canção de Luna - Juno 11180622_830759890362459_839065916093313597_n_original
    - Então você é uma galliard, sim? Muita Fúria, né? Eu e outros Filhos de Gaia temos trabalhado há algum tempo em formas de controlar a Fúria através de dons e formas de luta não-letais. Podemos ensiná-la se quiser...

    * Um jovem de sobretudo preto, um tanto sério e soturno, apresentou-se como Abe Everlong, o phillodox Unidos Venceremos, e falou com Juno de forma muito formal e oficial:
    Spoiler:
    Canção de Luna - Juno Img_Sy96tBtFZaw7mnFk
    - Há necessidade urgente de reconstruir as pontes entre as tribos, uni-las num único objetivo, fazê-las trabalhar em harmonia. Sua ajuda e empenho seriam muito apreciadas, minha jovem.

    * Um homem muito bonito de cabelos longos despenteados e barba ligeiramente desfeita sorriu sedutoramente para Juno ao se apresentar como Adam Dickens, o galliard Sonata ao Luar. Ele explicou suas atividades:
    Spoiler:
    Canção de Luna - Juno Cc4878442b28979fe6506b29d7dad961
    - É um prazer inenarrável conhecê-la, bela Juno! Você é uma filhote fascinante! Eu mesmo já tenho alguns filhos, mas nenhum de tamanha beleza! Sabe, é importante que os garous tenham muitos filhos, só assim podemos ter gerações futuras para levar nosso legado adiante... Até mesmo impuros são valiosos, afinal são garous como nós! A Litania tem sido terrivelmente mal-interpretada sobre isso. Acho que você, como uma galliard, pode avaliar muito bem isso...

    * Uma mulher asiática cumprimentou Juno com uma reverência e identificou-se como Mari Kanto, theurge chamada Flor-de-Cerejeira. Ela manteve uma conversa amena com Juno antes de revelar suas opiniões:
    Spoiler:
    Canção de Luna - Juno 635719713094048191
    - Eu partilho da perspectiva de que é preciso educar não apenas garous e parentes, mas também todas as tribos, as outras raças metamórficas, os magos... e principalmente os humanos. Mostrar a importância de preservar a Terra em que vivemos. Eu e outros Filhos de Gaia também exploramos a Umbra Astral para descobrir mais conhecimentos sobre toda a criação de Gaia. É uma missão nobre e difícil, mas ainda pouco reconhecida.

    OFF: O post estava ficando muito comprido, então vou dividir os contatos da Juno no festival em três partes. Pode interagir o quanto quiser com esses npcs, sozinha ou chamando Edgar ou Valentine. Na próxima rodada eu respondo o que você falar com eles e incluo os outros NPCs.
    thendara_selune
    Investigador
    thendara_selune
    Investigador

    Mensagens : 62
    Reputação : 1

    Canção de Luna - Juno Empty Re: Canção de Luna - Juno

    Mensagem por thendara_selune em Seg Maio 11, 2020 12:10 pm

    Juno olhou atenciosamente em direção de Celeste Pearson, a Theurge Tempestade Tranquila.


    - Eu realmente sinto que todos nós nascemos influenciados não apenas por nossas luas, mas também pelo desejo coletivo de proteger a nossa mãe diante da realidade cinzenta que cresce diariamente, porém a fúria incontrolável nos leva a cegueira e a nossa tribo tem feito o seu melhor em prol de aprender a conter a fera maior dentro de nós.


    A voz de Juno é suave, e ao falar ela olha fixamente nos olhos de Celeste abrindo então seu sorriso caloroso.
    thendara_selune
    Investigador
    thendara_selune
    Investigador

    Mensagens : 62
    Reputação : 1

    Canção de Luna - Juno Empty Re: Canção de Luna - Juno

    Mensagem por thendara_selune em Seg Maio 11, 2020 12:39 pm

    Ao ouvir o homem, Juno sorriu e pensou em uma resposta por segundos até sentir que tinha algo a dizer.

    -De fato a necessidade de reconstruir elos perdidos, temos a grande a necessidade de unirmos nossas lutas e agirmos de maneira a defender nossa mãe.  O meu coração, voz e fúria estão ao dispor da tribo!


    Ela olhou bem para Abe Everlong, o phillodox Unidos Venceremos e ficou feliz em ver tantos de sua tribo emanando aquela essência pura e forte em prol da grande mãe.
    thendara_selune
    Investigador
    thendara_selune
    Investigador

    Mensagens : 62
    Reputação : 1

    Canção de Luna - Juno Empty Re: Canção de Luna - Juno

    Mensagem por thendara_selune em Seg Maio 11, 2020 12:48 pm

    Juno arqueou as sobrancelhas surpresa ao ouvir as palavras gentis de Adam Dickens, o galliard Sonata ao Luar. Corou por segundos e respondeu sorridente como qualquer garota de sua idade faria ao ouvir palavras bonitas e ao escutar sobre os impuros suas palavras finais eram carregadas de seriedade poética.

    - É um prazer conhecer um irmão de tribo e ainda por cima nascido sob a mesma lua. Eu agradeço as palavras gentis, acho que não sou tão fascinante assim ou tão bonita e o senhor com toda certeza tem filhos lindos que contribuem maravilhosamente para nossa causa. Todos nós somos filhos da grande mãe, ela derrama seu amor e todos merecem repousar em seu colo. Não podemos esquecer-nos do amor que nela flui e deságua em cada um de nós!

    thendara_selune
    Investigador
    thendara_selune
    Investigador

    Mensagens : 62
    Reputação : 1

    Canção de Luna - Juno Empty Re: Canção de Luna - Juno

    Mensagem por thendara_selune em Seg Maio 11, 2020 12:54 pm

    - Eu compartilho de sua visão Mari, mas ao mesmo tempo sei que os tempos são complexos e alcançar todos é uma missão muito maior que nossa própria visão de mundo. Eu sou uma filhote, mas é notório que vocês inspiram em mim e em outros o forte desejo de fazer parte dessa luta maior, de nos unificarmos e decifrarmos o mundo além do véu espero poder aprender sobre tudo que você falou agora e também sobre mim mesma com serva de Gaia.
    Peço até desculpas pela informalidade em minhas palavras, mas estou imensamente feliz em conhecer cada e aprender com vocês seria maravilhoso!


    A voz de Juno era cheia de energia e vontade de fazer parte de algo maior que ela mesma.
    Alexyus
    Mutante
    Alexyus
    Mutante

    Mensagens : 616
    Reputação : 35

    Canção de Luna - Juno Empty Re: Canção de Luna - Juno

    Mensagem por Alexyus em Sex Maio 15, 2020 4:29 pm

    Canção de Luna - Juno Celest10Celeste - Tempestade Tranquila

    Juno escreveu:- Eu realmente sinto que todos nós nascemos influenciados não apenas por nossas luas, mas também pelo desejo coletivo de proteger a nossa mãe diante da realidade cinzenta que cresce diariamente, porém a fúria incontrolável nos leva a cegueira e a nossa tribo tem feito o seu melhor em prol de aprender a conter a fera maior dentro de nós

    Celeste sorriu, parecendo uma tia condescendente:

    - É verdade, Juno, mas por mais que todos nós sempre tenhamos a necessidade de melhorar, alguns de nós estão mais avançados que outros. Controlar a Fúria é uma forma de arte, e os Ungidos entre os Filhos de Gaia são os mais aperfeiçoados nela. Se estiver disposta a aprender, nos procure, teremos prazer em ajudá-la...


    Canção de Luna - Juno Abe_ev10Abe - Unidos Venceremos

    Juno escreveu:-De fato a necessidade de reconstruir elos perdidos, temos a grande a necessidade de unirmos nossas lutas e agirmos de maneira a defender nossa mãe.  O meu coração, voz e fúria estão ao dispor da tribo!

    Abe fitava-a fixamente enquanto ela respondia e demorou um pouco para voltar a falar depois dela, usando cautelosamente as palavras:

    - Provavelmente, você será designada para uma matilha multitribal, o mais comum nos dias de hoje. Se isso acontecer, procure o melhor de cada tribo no intuito de fazê-los trabalhar juntos. Quando estiver nos domínios de outras tribos, seja respeitosa e comporte-se bem, mas não deixe de exortá-las a cooperar com o restante da Nação Garou. União é a chave. Cada um de nós pode contribuir muito para esse objetivo. Se precisar de ajuda, procure pelos Feitos Pacientes, nós trabalhamos na mesma direção.


    Canção de Luna - Juno Adam_d10Adam - Sonata ao Luar

    Juno escreveu:- É um prazer conhecer um irmão de tribo e ainda por cima nascido sob a mesma lua. Eu agradeço as palavras gentis, acho que não sou tão fascinante assim ou tão bonita e o senhor com toda certeza tem filhos lindos que contribuem maravilhosamente para nossa causa. Todos nós somos filhos da grande mãe, ela derrama seu amor e todos merecem repousar em seu colo. Não podemos esquecer-nos do amor que nela flui e deságua em cada um de nós!

    A distância entre Adam e Juno não era grande, e ele falava ada vez mais perto do rosto dela, mesmo que ela não percebesse nenhum passo À frente dele. A voz de Adam era melodiosa e suas palavras rolavam suaves pela língua, acariciando o ouvido de Juno:

    - Cada um de nós é uma maravilha da Mãe! Eu sempre fico admirado com a beleza e poesia que cada Filho de Gaia contém dentro de si... especialmente quando se trata de uma jovem tão brilhante e graciosa quanto você, Canção-de-Gaia! Eu gostaria de passear com você num lugar mais calmo e ouvir toda a sua história... estou realmente curioso com os mistérios que você guarda...

    Juno podia ser jovem e um pouco inexperiente, mas tinha a nítida impressão de que Sonata-ao-Luar estava flertando com ela...  


    Canção de Luna - Juno Mari_k10Mari - Flor de Cerejeira

    Juno escreveu:- Eu compartilho de sua visão Mari, mas ao mesmo tempo sei que os tempos são complexos e alcançar todos é uma missão muito maior que nossa própria visão de mundo. Eu sou uma filhote, mas é notório que vocês inspiram em mim e em outros o forte desejo de fazer parte dessa luta maior, de nos unificarmos e decifrarmos o mundo além do véu espero poder aprender sobre tudo que você falou agora e também sobre mim mesma com serva de Gaia.
    Peço até desculpas pela informalidade em minhas palavras, mas estou imensamente feliz em conhecer cada e aprender com vocês seria maravilhoso!

    Mari sorriu com o entusiasmo de Juno e falou:

    - Já ouviu falar da Árvore-Mundo, Juno? Antes que os campos tribais fossem formalmente abolidos, a Árvore-Mundo era um campo que se dedicava a procurar os outros Feras e fazer a paz com eles, buscando amizades e alianças. Mesmo não sendo formalmente um campo, alguns Filhos de Gaia ainda fazem isso. Se quiser se juntar a nós nesses esforços, precisamos de toda a ajuda possível... e se alguma vez encontrar algum de nossos irmãos metamorfos, por favor nos informe! Qualquer novo relato seria bom para nossos projetos...
    thendara_selune
    Investigador
    thendara_selune
    Investigador

    Mensagens : 62
    Reputação : 1

    Canção de Luna - Juno Empty Re: Canção de Luna - Juno

    Mensagem por thendara_selune em Seg Maio 18, 2020 8:03 pm

    Juno sorriu para Celeste tal como uma criança ao ouvir algo agradável de um parente que lhe é querido:

    -Agradeço sinceramente pela receptividade de cada irmão de tribo e logicamente adoraria ter a chance de aprender com a senhora!
     



    thendara_selune
    Investigador
    thendara_selune
    Investigador

    Mensagens : 62
    Reputação : 1

    Canção de Luna - Juno Empty Re: Canção de Luna - Juno

    Mensagem por thendara_selune em Seg Maio 18, 2020 8:05 pm

    - Estou a dispor da mãe, darei meu melhor e estarei sempre atenta às regras de comportamento e especialmente respeitar a individualidade de cada irmão em Gaia senhor Adam - Sonata ao Luar·.
     
    Ao falar com Adam, ela preocupava-se em usar as palavras certas e por segundos pensou nas tribos, augúrios e especialmente na vivencia de cada Garou. De fato era algo complicado, lidar com seres feitos de fúria, de amor, de sentimentos negativos, positivos, mas em essência selvagens e ela precisaria aprender como lidar com todos os que cruzassem seu caminho.
    thendara_selune
    Investigador
    thendara_selune
    Investigador

    Mensagens : 62
    Reputação : 1

    Canção de Luna - Juno Empty Re: Canção de Luna - Juno

    Mensagem por thendara_selune em Seg Maio 18, 2020 8:06 pm

    - Árvore-Mundo, Juno? Irmãos metamorfos? Quantas coisas, histórias e elos foram perdidos por nós? Eu gostaria de saber mais sobre isso senhora Mari - Flor de Cerejeira, quando puder eu adoraria aprender sobre isso que falou.
     
    A voz de Juno transbordava curiosidade e ao mesmo tempo um forte desejo de ser útil a sua tribo que acolheu com tamanho amor e especialmente dado as circunstâncias de sua primeira mudança, ela agarra-se a sua tribo com carinho e admiração.
    thendara_selune
    Investigador
    thendara_selune
    Investigador

    Mensagens : 62
    Reputação : 1

    Canção de Luna - Juno Empty Re: Canção de Luna - Juno

    Mensagem por thendara_selune em Seg Maio 18, 2020 8:10 pm

    - Eu não acho que eu tenha muito a dizer sobre mim, hoje me vejo exclusivamente como uma Filha de Gaia e uma criança diante de tudo que me foi apresentado, mas se você quiser compartilhar boas canções ou se conhece mais irmãos nascidos sob nosso augúrio adoraria conhece-los.

    A voz de Juno era suave, ela agia com a cortesia típica que herdara dos pais, embora desconfiasse que ele pudesse flertar com ela, manteve um sorriso agradável e a postura de uma jovem que jamais seria ríspida, mas ao mesmo tempo não retribuiria qualquer interesse romântico de alguém de sua espécie, era muito jovem e ainda tinha muito a entender sobre as relações sociais de sua espécie.
    Alexyus
    Mutante
    Alexyus
    Mutante

    Mensagens : 616
    Reputação : 35

    Canção de Luna - Juno Empty Re: Canção de Luna - Juno

    Mensagem por Alexyus em Sex Maio 22, 2020 6:35 pm

    Carisma 5 + Etiqueta 1:
    Juno rolls 6 dice to Carisma + Etiqueta 5,6,2,8,1, 9 [2 successes]

    Mari e Celeste despediram-se de Juno deixando seus contatos e a porta aberta para quando precisasse falar com elas. Abe tinha uma face indecifrável e afastou-se dela sem dizer nada. Adam deu um daqueles belos sorrisos brilhantes, acenou com a cabeça e deixou-a em paz.

    Mas Juno também conheceu outros Filhos de Gaia durante o dia.

    Num stand de educação ambiental, Edgar e Valentine a apresentaram a dois deles, Patricia Apple e Angelo de Luca.

    Angelo e Patricia:
    Canção de Luna - Juno Casal-educacao

    Eles faziam uma palestra misturando direito das crianças com educação ambiental, mas suas palavras tocavam fundo na assistência e pareciam fazer um bom papel de conscientização. Edgar explicou que ela era uma galliard, Dama das Palavras, e ele um phillodox, Resgatador. Ao redor deles havia muitas crianças e adolescentes, mas também uma boa quantidade de adultos.

    Com o fim da palestra e antes do início de outra, eles vieram cumprimentar Edgar e Valentine e conhecer Juno:

    - Prazer em conhecer você, Juno! Como galliard, você vai ter que aprender a falar bem em público, se ainda não sabe, mas com certeza já sabe do que falar, né? Patricia faz parte do campo das Filhas de Démeter, que basicamente procuram educar a humanidade para respeitar e preservar o meio ambiente. Esse trabalho se toca em vários pontos com as atividades do meu campo, os Anjos no Jardim, já que nós protegemos crianças vítimas de abusos e trabalhamos para ensiná-las a ser melhores do que seu passado. Você é médica, não? Nada mais apropriado para uma Filha de Gaia! Se quiser nos ajudar a qualquer momento, nossas portas estão sempre abertas.


    ***

    Mais tarde, Juno encontrou-se com um homem alto de pele negra usando um uniforme camuflado branco, parecendo muito emburrado e impaciente. Edgar aprensetou-o a JUno como Gerald Moyo, Posto-Avançado, ahroun, mas o outro bateu uma rápida continência para Juno e queixou-se:

    - Isso aqui é uma perda de tempo, e até você, filhote, deve saber disso! Estamos às portas do Apocalipse! Devíamos estar treinando para combater os servos da Corruptora! Armazenando armas e equipamentos! Filhote, se você quer realmente aprender a lutar, devia procurar o campo do Ataque Iminente! Só assim você vai realmente conseguir defender Gaia.

    Gerald Moyo Posto-Avançado:
    Canção de Luna - Juno Gerald10
    thendara_selune
    Investigador
    thendara_selune
    Investigador

    Mensagens : 62
    Reputação : 1

    Canção de Luna - Juno Empty Re: Canção de Luna - Juno

    Mensagem por thendara_selune em Sex Maio 29, 2020 3:11 pm

    @Alexyus escreveu:
    Carisma 5 + Etiqueta 1:
    Juno rolls 6 dice to Carisma + Etiqueta 5,6,2,8,1, 9 [2 successes]

    Mari e Celeste despediram-se de Juno deixando seus contatos e a porta aberta para quando precisasse falar com elas. Abe tinha uma face indecifrável e afastou-se dela sem dizer nada. Adam deu um daqueles belos sorrisos brilhantes, acenou com a cabeça e deixou-a em paz.

    Mas Juno também conheceu outros Filhos de Gaia durante o dia.

    Num stand de educação ambiental, Edgar e Valentine a apresentaram a dois deles, Patricia Apple e Angelo de Luca.

    Angelo e Patricia:
    Canção de Luna - Juno Casal-educacao

    Eles faziam uma palestra misturando direito das crianças com educação ambiental, mas suas palavras tocavam fundo na assistência e pareciam fazer um bom papel de conscientização. Edgar explicou que ela era uma galliard, Dama das Palavras, e ele um phillodox, Resgatador. Ao redor deles havia muitas crianças e adolescentes, mas também uma boa quantidade de adultos.

    Com o fim da palestra e antes do início de outra, eles vieram cumprimentar Edgar e Valentine e conhecer Juno:

    - Prazer em conhecer você, Juno! Como galliard, você vai ter que aprender a falar bem em público, se ainda não sabe, mas com certeza já sabe do que falar, né? Patricia faz parte do campo das Filhas de Démeter, que basicamente procuram educar a humanidade para respeitar e preservar o meio ambiente. Esse trabalho se toca em vários pontos com as atividades do meu campo, os Anjos no Jardim, já que nós protegemos crianças vítimas de abusos e trabalhamos para ensiná-las a ser melhores do que seu passado. Você é médica, não? Nada mais apropriado para uma Filha de Gaia! Se quiser nos ajudar a qualquer momento, nossas portas estão sempre abertas.


    ***

    Mais tarde, Juno encontrou-se com um homem alto de pele negra usando um uniforme camuflado branco, parecendo muito emburrado e impaciente. Edgar aprensetou-o a JUno como Gerald Moyo, Posto-Avançado, ahroun, mas o outro bateu uma rápida continência para Juno e queixou-se:

    - Isso aqui é uma perda de tempo, e até você, filhote, deve saber disso! Estamos às portas do Apocalipse! Devíamos estar treinando para combater os servos da Corruptora! Armazenando armas e equipamentos! Filhote, se você quer realmente aprender a lutar, devia procurar o campo do Ataque Iminente! Só assim você vai realmente conseguir defender Gaia.

    Gerald Moyo Posto-Avançado:
    Canção de Luna - Juno Gerald10




    Juno esboçou um sorrio quando de despediu dos novos irmãos e irmãs que conhecerá, caminhando com seus tutores ela observava tudo com atenção e animação de uma criança quando se deparou com Patrícia Apple e Ângelo de Luca sentiu-se tocada pelas palavras deles. Lembrou-se dos seus pais e irmão que tinham sempre bons valores pra lhe ensinar desde pequena sentia-se orgulhosa deles.
    - Com toda certeza adoraria ajudar quando o momento chegar e os parabenizo pela maneira tão inspiradora de usar as palavras e propagar mensagens de suma importância para todos nós especialmente quando isso envolve as crianças que muitas vezes são vistas como incapazes de entender tudo que acontece em seu entorno, elas são a como uma chave transformadora que pode sintonizar na mesma vibração de nossa grande Mãe!

    -Despertar os corações e mentes que há muito estão acorrentados pelo sistema que nos cega não é perder tempo, pois é uma luta necessária a ser travada, mas em certos momentos a sua fala também se faz necessária senhor Gerald Moo Posto-Avançado bem como sua coragem que com toda certeza inspira todos que o cercam, sou muito jovem, mas acredito que todos os caminhos que nos levem a concretizar nossa missão devem ser analisados com cuidado sempre!
    A voz de Juno era sempre tranquila, mas seus olhos brilhavam intensamente quando falava e seu respeito por cada um ali continuava a crescer cada vez mais .
    Alexyus
    Mutante
    Alexyus
    Mutante

    Mensagens : 616
    Reputação : 35

    Canção de Luna - Juno Empty Re: Canção de Luna - Juno

    Mensagem por Alexyus em Dom Jun 07, 2020 6:56 pm

    Juno estava se esforçando para ser amigável com todos os Filhos de Gaia que encontrava, mesmo aqueles que tinham opiniões diferentes.

    Enquanto Edgar e Valentine conversavam com conhecidos, a atenção da cliath foi atraída para um velho de aparência indiana caminhando lentamente e com olhos vidrados.

    Ele pareceu notar o olhar de Juno e virou-se para encará-la. Um longo momento passou-se antes que ele abrisse um sorriso e dissesse:

    - Ah, eis uma jovem que pode reconhecer o valor do segredo da Paz Eterna!

    Spoiler:
    Canção de Luna - Juno Indianas-sadhu-monge-banco-de-imagens_csp10225155
    thendara_selune
    Investigador
    thendara_selune
    Investigador

    Mensagens : 62
    Reputação : 1

    Canção de Luna - Juno Empty Re: Canção de Luna - Juno

    Mensagem por thendara_selune em Seg Jun 08, 2020 9:30 pm

    @Alexyus escreveu:Juno estava se esforçando para ser amigável com todos os Filhos de Gaia que encontrava, mesmo aqueles que tinham opiniões diferentes.

    Enquanto Edgar e Valentine conversavam com conhecidos, a atenção da cliath foi atraída para um velho de aparência indiana caminhando lentamente e com olhos vidrados.

    Ele pareceu notar o olhar de Juno e virou-se para encará-la. Um longo momento passou-se antes que ele abrisse um sorriso e dissesse:

    - Ah, eis uma jovem que pode reconhecer o valor do segredo da Paz Eterna!

    Spoiler:
    Canção de Luna - Juno Indianas-sadhu-monge-banco-de-imagens_csp10225155


    Juno riu inocentemente, a sensação de familiaridade do tipo que faz você gostar imediatamente da pessoa a sua frente tomou-lhe o espírito.


    - Gaia demonstra a nós seu amor, cumprindo sua promessa e agindo como uma mãe calorosa. Ela não volta atrás em suas palavras, não nos nega seu amor e cuida de nós com carinho, espero que um dia todos nós possamos repousar em mundo mais harmônico!
    Alexyus
    Mutante
    Alexyus
    Mutante

    Mensagens : 616
    Reputação : 35

    Canção de Luna - Juno Empty Re: Canção de Luna - Juno

    Mensagem por Alexyus em Sab Jun 13, 2020 12:35 pm

    - Gaia demonstra a nós seu amor, cumprindo sua promessa e agindo como uma mãe calorosa. Ela não volta atrás em suas palavras, não nos nega seu amor e cuida de nós com carinho, espero que um dia todos nós possamos repousar em mundo mais harmônico!

    O velho acenou com a cabeça, pacientemente, escutando Juno. Então ele disse:

    - Nós podemos, criança! Precisamos alcançar a compreensão para isso, mas é possível! O que você sabe sobre a Tríade?
    thendara_selune
    Investigador
    thendara_selune
    Investigador

    Mensagens : 62
    Reputação : 1

    Canção de Luna - Juno Empty Re: Canção de Luna - Juno

    Mensagem por thendara_selune em Sex Jun 26, 2020 9:32 pm

    @Alexyus escreveu:
    - Gaia demonstra a nós seu amor, cumprindo sua promessa e agindo como uma mãe calorosa. Ela não volta atrás em suas palavras, não nos nega seu amor e cuida de nós com carinho, espero que um dia todos nós possamos repousar em mundo mais harmônico!

    O velho acenou com a cabeça, pacientemente, escutando Juno. Então ele disse:

    - Nós podemos, criança! Precisamos alcançar a compreensão para isso, mas é possível! O que você sabe sobre a Tríade?

    Juno exibiu o seu típico sorriso, aquele assunto muito lhe interessava e com animação de uma criança disse com suavidade.

    -Muito pouco, tenho tanto que quero aprender e entender... -Ela pausa um pouco e pergunta com certa doçura sobre o assunto que tanto lhe atrai- O senhor poderia me falar um pouco sobre a Tríade?
    Alexyus
    Mutante
    Alexyus
    Mutante

    Mensagens : 616
    Reputação : 35

    Canção de Luna - Juno Empty Re: Canção de Luna - Juno

    Mensagem por Alexyus em Seg Jun 29, 2020 4:28 pm

    O velho sorriu, sentando-se na grama de frente para Juno e começando a discorrer animadamente:

    - A Tríade é um conjunto de forças cósmicas que trabalham de forma entrelaçada. As culturas humanas as retrataram de muitas formas, como as Parcas, mandalas, ciclos de existência, céu-terra-inferno, início-meio-fim. Elas não estão totalmente erradas, mas apenas arranham a profundidade da verdade. Nós, garous, conhecemos essas entidades de maneira muito mais pessoal.

    Ele passou a mostrar nos dedos:

    - A Wyld, a entidade da criação, gera inúmeras formas e ideias a partir da energia bruta de Gaia. Ela abarca todos conceitos imagináveis, dando-lhes substância, trazendo à existência todas as possibilidades. É um caos criativo hiperdinâmico e quase insano.

    Ele ergueu o segundo dedo:

    - A Weaver personifica a Ordem. Ela sempre organizou as criações da Wyld, dando-lhes formas definitivas e costurando-as no tecido da cosmo, ordenando o que vivenciamos como realidade consensual. Nem todas as criações da Wyld tinham serventia, muitas deveriam ser descartadas, mas em algum momento a Weaver discordou disso e tentou abraçar toda a criação em suas Teias do Padrão; claro que a velha aranha não conseguiria isso, e na tentativa, ela enlouqueceu.

    Ele ergueu o terceiro dedo de modo sinistro:

    - A Wyrm deveria ser o equilíbrio entre a Criação e a Ordem, trazendo a Entropia a tudo que não pudesse existir, destruindo o que a Weaver não conseguisse ordenar. Como um grande dragão roendo as raízes do mundo, ela deveria trazer a morte de todas as coisas para reiniciar o ciclo de Gaia. Mas a loucura da Weaver confundiu a Wyrm, e a própria Weaver aprisionou a Wyrm para que ela não pudesse mais destruir todas as coisas que a Teia do Padrão continha. Presa, a Wyrm também enlouqueceu e decidiu destruir toda a existência.

    Ele fechou os olhos com um suspiro, mas um momento depois os abriu de modo alarmante e assustador:

    - Durante milênios, os garous foram levados a combater a Wyrm para impedir a destruição de tudo, mas nossas ações apenas pioraram a guerra entre as três forças da Tríade. Os Filhos de Gaia buscaram uma forma de trazer a paz ao cosmo, mas poucos deles atingiram a compreensão da única solução...

    Ele falou em voz baixa, quase um sussurro, bem perto do rosto de Juno:

    - Só existe um meio de acabar com essa guerra. Para alcançar a Paz Eterna, precisamos destruir as Teias do Padrão e tudo que ela contém, deixar que a Wyrm consuma tudo que há na criação, para que enfim Gaia e todas as suas criaturas conheçam de novo o equilíbrio e a paz universal. A iminente morte dos garous, a autodestruição da humanidade, a inevitável vitória da Wyrm, tudo isso deve acontecer, criança. Compreende isso?

    Os olhos do ancião estavam arregalados, encarando detidamente o rosto de Juno.
    thendara_selune
    Investigador
    thendara_selune
    Investigador

    Mensagens : 62
    Reputação : 1

    Canção de Luna - Juno Empty Re: Canção de Luna - Juno

    Mensagem por thendara_selune em Sex Jul 10, 2020 1:48 pm

    @Alexyus escreveu:O velho sorriu, sentando-se na grama de frente para Juno e começando a discorrer animadamente:

    - A Tríade é um conjunto de forças cósmicas que trabalham de forma entrelaçada. As culturas humanas as retrataram de muitas formas, como as Parcas, mandalas, ciclos de existência, céu-terra-inferno, início-meio-fim. Elas não estão totalmente erradas, mas apenas arranham a profundidade da verdade. Nós, garous, conhecemos essas entidades de maneira muito mais pessoal.

    Ele passou a mostrar nos dedos:

    - A Wyld, a entidade da criação, gera inúmeras formas e ideias a partir da energia bruta de Gaia. Ela abarca todos conceitos imagináveis, dando-lhes substância, trazendo à existência todas as possibilidades. É um caos criativo hiperdinâmico e quase insano.

    Ele ergueu o segundo dedo:

    - A Weaver personifica a Ordem. Ela sempre organizou as criações da Wyld, dando-lhes formas definitivas e costurando-as no tecido da cosmo, ordenando o que vivenciamos como realidade consensual. Nem todas as criações da Wyld tinham serventia, muitas deveriam ser descartadas, mas em algum momento a Weaver discordou disso e tentou abraçar toda a criação em suas Teias do Padrão; claro que a velha aranha não conseguiria isso, e na tentativa, ela enlouqueceu.

    Ele ergueu o terceiro dedo de modo sinistro:

    - A Wyrm deveria ser o equilíbrio entre a Criação e a Ordem, trazendo a Entropia a tudo que não pudesse existir, destruindo o que a Weaver não conseguisse ordenar. Como um grande dragão roendo as raízes do mundo, ela deveria trazer a morte de todas as coisas para reiniciar o ciclo de Gaia. Mas a loucura da Weaver confundiu a Wyrm, e a própria Weaver aprisionou a Wyrm para que ela não pudesse mais destruir todas as coisas que a Teia do Padrão continha. Presa, a Wyrm também enlouqueceu e decidiu destruir toda a existência.

    Ele fechou os olhos com um suspiro, mas um momento depois os abriu de modo alarmante e assustador:

    - Durante milênios, os garous foram levados a combater a Wyrm para impedir a destruição de tudo, mas nossas ações apenas pioraram a guerra entre as três forças da Tríade. Os Filhos de Gaia buscaram uma forma de trazer a paz ao cosmo, mas poucos deles atingiram a compreensão da única solução...

    Ele falou em voz baixa, quase um sussurro, bem perto do rosto de Juno:

    - Só existe um meio de acabar com essa guerra. Para alcançar a Paz Eterna, precisamos destruir as Teias do Padrão e tudo que ela contém, deixar que a Wyrm consuma tudo que há na criação, para que enfim Gaia e todas as suas criaturas conheçam de novo o equilíbrio e a paz universal. A iminente morte dos garous, a autodestruição da humanidade, a inevitável vitória da Wyrm, tudo isso deve acontecer, criança. Compreende isso?

    Os olhos do ancião estavam arregalados, encarando detidamente o rosto de Juno.


    Ao se deixar levar pela voz de seu interlocutor, Juno sentia uma imensidão de sentimentos adentrando seu coração, tornando as palavras proferidas por ele em um conto animado em sua mente e ela podia sentir em cada canto de sua alma o desejo de sanar todos os males, de salvar quantos ela pudesse, a inocência ainda habitava seu corpo, por isso agarrava-se ao desejo de ser parte de algo maior e preencher seus próprios vazio. Ouvindo como o mundo começou e como as forças interligavam-se e chocavam-se em turbilhão caótico deixando sua espécie e os humanos em meio a algo nebuloso. Quando ele parou de falar, ela olhou para o chão por uns momentos um tanto perdida após ouvir tudo ao mesmo tempo em que seu coração batia em um ritmo desejoso por dias cheios de esperança para todos os seres.
    Conteúdo patrocinado


    Canção de Luna - Juno Empty Re: Canção de Luna - Juno

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qua Set 30, 2020 1:05 am