Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    ON - Herbanário Van Richten

    Nimaru Souske
    Garou de Posto Cinco
    Nimaru Souske
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2185
    Reputação : 88
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    ON - Herbanário Van Richten - Página 3 Empty Re: ON - Herbanário Van Richten

    Mensagem por Nimaru Souske Sab Maio 29, 2021 11:08 am

    Ao escutar a explicação de Laurie sobre sua família e aquele encontro, Therak, um tanto aliviado, assente com sua cabeça como se entendesse suas palavras.

    Adentrando pela cidade, a dupla se encantava com as tão distintas imagens que conseguiam ver na paisagem. A área rural em contraste com a urbanização trazia em Therak um sentimento estranho, ruim e bom ao mesmo tempo, e ver a variedade de formas e rostos até lhe trazia um pouco menos de desconforto por se sentir um tanto deslocado da população local. A principal diferença ali eram as roupas que Vinn trajava e isso era algo que o fazia andar com orgulho por aquelas ruas. Ele carregava em si todo orgulho de sua tribo.

    Ao receber cumprimentos por onde andava, Therak apenas respondia com um movimento leve de cabeça e um som quase como um grunhido. Onke, por sua vez, não respondia, apenas ficava seguindo com os olhos todos aqueles que lhes cumprimentavam.

    Ao chegar no Herbanário, Therak se espanta ao ver a grande semelhança entre as irmãs e tenta agir normalmente, cumprimentando-a.

    - Um prazer em conhecê-la, senhorita Genniffer. Ele, cordialmente, abaixa a cabeça em um cumprimento. Era um movimento um pouco travado, não muito natural, como se aquilo fosse algo que Therak havia sido obrigado a aprender no passado. - Se vossas semelhanças forem além do visual, já sei que seremos muito bem recepcionados. Tenta fazer uma brincadeira desajeitada.

    Onke, por sua vez, estava parado. Assustado. Olhava diretamente para o rosto de uma das irmãs e depois de volta para o rosto da outra irmã. Procurava entender o que estava acontecendo mesmo que sua cabeça não parecia estar entendendo que ali estavam duas pessoas diferentes com uma aparência semelhante.

    Ambos entraram, em passos cuidadosos, e passaram até a sala de espera. Lá, sentaram-se e se fizeram confortáveis. Therak observava ao redor, procurando ervas ou plantas que reconhecesse. Ao menos era isso que ele esperava ver quando leu o nome Herbanário na frente do estabelecimento.

    - Um chá seria ótimo. Sorri com a oferta. - Mas nossa história não é muito complexa. Eu e meu companheiro estávamos procurando uma companheira nossa que fora vendida como escrava para uma família por essas terras e como não conhecemos a região, acabamos andando perdidos por aí. Então, foi aí que fomos agraciados pela própria terra que nos enviou uma ajuda tão grande que tem sido a sua irmã. Nós, então, chegamos em um acordo para que possamos nos ajudar com nossos interesses. Estou aqui para tentar ser útil na causa de vocês e em troca peço apenas ajuda para encontrar meus companheiros que foram separados por essas terras.
    Alexyus
    Mestre Jedi
    Alexyus
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1291
    Reputação : 61

    ON - Herbanário Van Richten - Página 3 Empty Re: ON - Herbanário Van Richten

    Mensagem por Alexyus Qui Jun 03, 2021 4:06 pm

    Genniffer era tão cordial quanto sua irmã Laurie, mas era muito mais atenciosa e prestativa.

    O chá servido por ela era de uma coloração vermelha terrosa com um agradável gosto bastante forte. Para acompanhar, havia grandes pães que eram comidos fatiados, recheados com manteiga ou geleias de frutas . 

    Naquela sala de estar não havia muitas ervas como no andar térreo onde ficava a loja, mas o cheiro de diversas plantas cortadas, masseradas, misturadas e conservadas de muitas formas diferentes. As xícaras de porcelana decoradas com motivos florais eram familiares a Therak, mas Onke não conseguiu se entender com ela, e Genniffer lhe deu um copo de cerâmica para ele saborear o chá.

    Enquanto Therak contava sua história, Genniffer colocou seus pequenos óculos de leitura e apanhou um caderninho de notas onde passou a escrever. Ela fez perguntas sobre a história de Therak, confirmando cada nome, data e localidade. Agia de modo bastante metódico e organizado, com mais atenção aos detalhes do que sua tranquila irmã.

    Já era noite quando Genniffer se deu por satisfeita com a coleta de todas as informações que Therak poderia fornecer, e Laurie já tinha cuidado de seu cavalo e até trocado de roupa, embora ainda usasse trajes mais masculinos que o refinado vestido de sua irmã. Geniffer e Laurie começaram a debater o que fazer memso em frente de Therak, convidando-o a participar do debate.

    - O nome dessa família, Petit-Dubois, parece característico do reino de Dementlieu, o país vizinho ano norte. Se eles têm recursos para comprar escravos exóticos, provavelmente trata-se de uma família aristocrática de algum destaque. Há poucos dias nós enviamos um grupo para lá, para a cidade de Mortigny. Talvez seja possível alcançá-los e juntar Therak à missão deles enquanto investigam o paradeiro de Huayna Then.

    - E como faríamos para levar Therak e Onke até o grupo de Mortigny? A única maneira de guiá-los seria se eu fosse junto.

    - Não, Laurie, você não pode ir, acabou de voltar! Além do mais, o vovô Jules quer falar com você.

    - Sim, eu encontrei um dos criados dele na estrada. Pedi para marcar a reunião para amanhã.

    - Então você tem que comparecer, junto comigo. Podemos até tentar conseguir um convite que inclua Therak.

    Laurie abanou com a cabeça, descrente:

    - Não acho que conseguiremos incluir pessoas de fora da família nessa reunião.

    - Mas podemos tentar!  

    Com isso, Genniffer então passou para considerações mais práticas:

    - Agora precisamos decidir onde Therak e Onke vão dormir. Não pode ser aqui, os aposentos do tio Rudolph não estão disponíveis.

    - Acho que vocês chamariam muita atenção numa estalagem, principalmente Onke...

    - Bom, então nos resta apenas levá-los conosco para nossa casa.

    - Pra casa? Duvido que o papai vai gostar disso...

    - Talvez ele não precise saber... Já é tarde, duvido que ele ainda estaria acordado a essa hora... Vamos, Therak, Onke, vou lhes mostrar nossa casa!

    Com isso, Genniffer levou todos para fora do herbanário, trancando a loja enquanto Laurie pegava as rédeas de seu cavalo, sem montar nele. Assim, se puseram a caminhar pelas ruas da cidade.

    A noite em Mordentshire era fria e ventosa, com brumas formando bancos de névoas pelas ruas e espaços mais abertos. Alguém tinha aceso pequenas lâmpadas a óleo no alto de postes, dando alguma iluminação para os poucos transeuntes que circulavam na úmida escuridão noturna.

    As duas irmãs levaram Therak e Onke a uma das mais imponentes casas da cidade, um casarão decadente mas bem conservado. 

    Mansão Weathermay:
    ON - Herbanário Van Richten - Página 3 00c29308e78deca0d4bee9c1da428383

    Assim que entraram, alguns empregados vieram recepcionar as irmãs, admirando-se com a chegada de Laurie, e mais ainda com seus rústicos acompanhantes convidados, mas não fizeram comentários. 

    Genniffer cuidou pessoalmente de preparar o quarto de Therak e Onke, com a maior cama que Therak já vira, com um colchão bastante macio. Depois de checar se eles precisavam de alguma coisa, Genniffer deixou-os deitados e apagou a luz.

    Nessa noite, Therak não sonhou com seus companheiros de tribo vivos. Em vez disso, ele viu cada um dos que tinham morrido, revivendo as mortes horríveis e sofridas de cada um deles. Seu sono intranquilo parecia impedi-lo de despertar, mantendo imerso naquela série de pesadelos macabros.

    Em toda aquela noite, Therak tinha uma sensação de haver uma presença maligna dentro de seu sonho, conjurando fantasmas que reviviam suas mortes junto com o xamã.

    Ele finalmente acordou, suado e arfante, ouvindo o canto de um galo anunciando a iminência da aurora.
    Nimaru Souske
    Garou de Posto Cinco
    Nimaru Souske
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2185
    Reputação : 88
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    ON - Herbanário Van Richten - Página 3 Empty Re: ON - Herbanário Van Richten

    Mensagem por Nimaru Souske Sex Jun 04, 2021 11:08 am

    Enquanto Therak bebia e apreciava o gosto do chá, Onke mais uma vez se encontrava entretido com os pães. Comia-os um atrás do outro enquanto aproveitava o copo que lhe fora trazido com o mesmo chá.

    Therak se sentia de certa forma confortável naquele ambiente, com duas pessoas que pareciam bastante gentis e prestativas. Enquanto contava sua história, Vinn fez questão de responder cada questionamento de Genniffer da forma mais completa possível. Cada detalhe poderia ser importante para que ambos conseguissem se ajudar da melhor forma.

    - Eu preferiria focar em um modo de me juntar a essa equipe que foi enviada para onde vocês desconfiam estar minha companheira. Não sei ao certo se tenho interesse em participar dessa reunião. Falou, calmo.

    Já em relação a discussão sobre onde iriam dormir, o homem não tinha muito o que dizer já que não conhecia o local e não teria como sugerir nada.

    - Não precisam fazer muita questão conosco. Somos acostumados a dormir na floresta, então dificilmente iremos ter problema para nos acomodar onde quer que vocês nos levem. Exibe um pequeno sorriso de satisfação e olha para Onke que ainda parece apenas focado em comer e tomar seu chá.

    Agora nas ruas, a dupla seguia as irmãs até onde seria a casa da família. Therak estava cada vez mais ansioso para finalmente seguir uma direção que realmente parecia ser a correta para encontrar Huayna e fazia sempre algumas preces em pensamento para que os espíritos estivessem protegendo-a.

    Chegando na casa, Therak e Onke fizeram questão de não interagir muito com os demais residentes na casa e seguiram seu caminho até o quarto de forma rápida. Queriam evitar mais agitação do que a presença deles ali já estava causando. Já nos quartos, Therak e Onke se deitaram na cama, tendo ambos dificuldade de dormir por falta de costume com tanto conforto, mas, ao cair no sono, novamente a intranquilidade reinara na mente do homem.

    Pela manhã, exausto pelos sonhos, Therak passara alguns momentos em meditação para se reconectar com seus antepassados e com a própria natureza, enquanto recebia alguns raios de sol que entravam pela janela do quarto. Tentava equilibrar sua mente e corpo para estarem preparados para o dia que viria a seguir.

    Já Onke, por sua vez, passara um bom tempo "capotado" na cama, como se aquela maciez nunca antes experimentada pelo símio lhe estivesse prendendo em um reino de conforto e sono.

    Therak esperava algum sinal vindo de fora do quarto que os chamassem, mas caso não ocorresse por um por tempo, iria tentar acordar seu companheiro de aventura e ambos sairiam para falar com as irmãs.
    Alexyus
    Mestre Jedi
    Alexyus
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1291
    Reputação : 61

    ON - Herbanário Van Richten - Página 3 Empty Re: ON - Herbanário Van Richten

    Mensagem por Alexyus Qua Jun 09, 2021 10:10 pm

    Therak escreveu:- Eu preferiria focar em um modo de me juntar a essa equipe que foi enviada para onde vocês desconfiam estar minha companheira. Não sei ao certo se tenho interesse em participar dessa reunião. Falou, calmo.

    Laurie assentiu e disse:

    - Eu entendo, Therak, eu também não estou animada para essa reunião familiar, mas tenho que comparecer a ela, e só poderia guiá-lo depois disso.

    Mais tarde, quando foi admitido na Mansão Weathermay junto com Onke, Therak pensaria ter sentido algo de estranho naquela atmosfera que parecia reinar no casarão.

    Depois da noite intranquila que Therak passara, ele ainda teve que esperar por algumas horas após a alvorada até que alguém batesse na porta do quarto.

    Eram Laurie e Genniffer. As duas trazendo uma bandeja com o desjejum saboroso que prepararam para ele e Onke.

    - Bom dia! Dormiram bem? Espero que estejam com fome!

    As duas esperaram até que Therak e Onke terminassem de quebrar o jejum para entabular assuntos sérios.

    - Temos boas e más notícias! Qual vocês querem primeiro?

    Sem esperar a resposta, Genniffer complementou a deixa da irmã:

    - Como esperávamos, a reunião de família foi vetada para qualquer um de fora, então vocês não poderão participar.

    - Podem acreditar, vocês não vão perder nada de bom!

    - Mas recebi notícias de que um... aliado nosso... está na cidade. Oliver Allard. Ele é um anacoreta viajante, isso é, ele é um clérigo de Ezra, uma deusa que não apenas combate as criaturas malignas como também consegue viajar por entre as Brumas. Assim que estiverem prontos, podemos ir falar com eles.

    O modo efusivo com que Genniffer falava daquele aliado, bem como a expressão levemente divertida de Laurie, aguçou a curiosidade de Therak.

    Assim que ele e Onke se dispuseram, as duas irmãs, ainda mais idênticas à luz do dia, os conduziram pelas ruas da cidade de Mordentshire, rumando para o norte. O céu levemente enevoado deixava vários raios de sol da manhã vazarem por todos os lados, iluminando as construções elegantes, porém rústicas, do vilarejo. As pessoas cumprimentavam as irmãs com sorrisos discretos e tons educados, desejando bom dia até mesmo a Therak e ao encapuzado Onke.

    Nos limiares da cidade, já próximo ao penhasco, havia uma construção de pedra grande e imponente, porém com um ar convidativo e acolhedor, se é que aquilo fazia sentido. 

    Spoiler:
    ON - Herbanário Van Richten - Página 3 Cph_110ON - Herbanário Van Richten - Página 3 Cph_210
     

    A estrutura tinha uma parte à margem da água, mas a maior parte dela estava em terra firme. Após um portal situado entre duas torres, chegava-se a um pátio com pequenos jardins que mais pareciam hortas cultivadas. O tamanho do lugar parecia rivalizar com a Mansão Weathermay, mas com menos luxo, parecendo quase uma fortaleza aberta.

    Genniffer foi explicando:

    - Essa é a Capela dos Corações Puros, o quartel-general da fé de Ezra em Mordent. Veja, aquele é o símbolo dela.

    A jovem ruiva apontou para um símbolo que se repetia por todo lado, em flâmulas, bandeiras, pinturas, esculturas, e principalmente nas vestes das muitas pessoas que eles encontravam por ali.

    Símbolo de Ezra:
    ON - Herbanário Van Richten - Página 3 Ezra_s10

    As duas irmãs tiveram de perguntar a várias pessoas para encontrar a pessoa que buscavam, e isso deu a chance para Therak observar mais livremente as pessoas que andavam por ali.

    Algumas eram aldeões comuns realizando trabalhos braçais, ostentando apenas pequenas imagens ou amuletos com o símbolo da deusa. Outros com roupas com símbolos mais vistosos pareciam estar pregando para pequenos grupos em alguns lugares. Havia também alguns com roupas bastante formais, de aparência muito séria e sacra. E, o que assustou muito Therak, havia pessoas armadas com armaduras, espadas e principalmente escudos.

    Spoiler:
    ON - Herbanário Van Richten - Página 3 Anacor10 ON - Herbanário Van Richten - Página 3 AcquilinaON - Herbanário Van Richten - Página 3 02_05_01

    Finalmente, eles avistaram um homem de constituição forte, envergando uma armadura e com uma capa tremulando perto da margem, e Genniffer soltou um pequeno grito incontido, muito pouco característico das maneiras educadas e formais que lhe eram habituais:

    - Oliver! Finalmente te achamos!

    O homem virou-se e Therak viu um jovem de cabelos castanho-escuros e olhos verdes, com uma expressão alegre e bondosa. Ele pareceu gostar de ver Genniffer e Laurie.

    Oliver Allard:
    ON - Herbanário Van Richten - Página 3 Oliver10

    - Ora, bom dia, senhoritas Weathermay-Foxgrove! É um prazer recebê-las aqui! Como estão? E quem é esse com vocês?

    Ele tomou as mãos das duas uma de cada vez e inclinou-se numa saudação cortês. Depois ofereceu a mão para apertar a de Therak, e surpreendeu-se quando notou que Onke era um gorila. Antes que ele dissesse algo, Laurie explicou, pois Genniffer parecia distraída:

    - Esses são Therak e Onke. Eles estão em busca de algumas pessoas, e nós precisamos da sua ajuda para ajudá-los. Onde podemos conversar em particular?


    Oliver conduziu o grupo para um conjunto de bancos de pedra um pouco distantes do prédio, com vista para a lagoa aos pés do penhasco. Ele sentou-se de frente para Laurie e Therak, enquanto Genniffer sentou-se à direita dele, e Onke ficou incerto entre qual banco sentar, revezando-se entre dois ou três.

    Laurie contou toda a história deles a Oliver e disse:

    - Precisamos que alguém confiável acompanhe Therak e Onke até Dementlieu e então pensamos em você. Você poderia levá-los ao encontro dos nossos enviados, não poderia?

    O devoto da deusa Ezra ponderou um pouco, fitando a face de todos rapidamente antes de responder:

    - Seria uma honra servi-las, senhoritas, e também ter Therak e Onke como companheiros de viagem. Posso acompanhá-los quando estiverem prontos. Quando pretendem partir?

    Todos os olhares se voltaram para Therak, esperando a resposta dele.
    Nimaru Souske
    Garou de Posto Cinco
    Nimaru Souske
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2185
    Reputação : 88
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    ON - Herbanário Van Richten - Página 3 Empty Re: ON - Herbanário Van Richten

    Mensagem por Nimaru Souske Qua Jun 09, 2021 11:26 pm

    - Se essa é a única maneira, que assim seja. Respondeu sobre sua presença na reunião.

    No outro dia, enquanto esperava em seu quarto, após sua meditação, Therak resolve se concentrar no externo naquele momento. Tentava com seus sentidos alcançar e entender o que lhe poderia estar causando aquela sensação estranha vinda da casa.

    Com as anfitriãs adentrando o quarto, Therak se erguia para cumprimentá-las e aceitar a comida trazida, enquanto Onke ainda tinha dificuldade de se despedir da cama confortável. Vinn, aproveita para comer um pouco e, conhecendo seu companheiro, coloca a bandeja perto do gorila que, mesmo ainda em um estado de sono, pega algumas das opções e se põe a comer como se sonhasse com aquilo.

    Terminados, e com Onke já mais desperto mas ainda deitado, Therak ouve sobre as noticias que ambas pareciam trazer para a dupla.

    - Admito que não lamentarei muito sobre a reunião, mas não entendi muito bem qual ponto benéfico desse encontro com seu companheiro... Se pegava um pouco pensativo.

    Já a caminho do recém chegado na cidade, ambos seguiam as irmãs. Therak agora observava com mais atenção a cidade ao redor, enquanto Onke parecia se lamentar por ter deixado a tão confortável cama e, de vez em quando, soltava alguns bocejos longos. Para as pessoas que os cumprimentavam, Therak novamente as respondia com um leve movimento de cabeça.

    Chegando à capela, Therak analisou o símbolo lhe mostrado por algum tempo.

    - É realmente uma combinação bem interessante. Todo esse cinza do aço me preocuparia bem mais sem esse pequeno verde a frente. Faz um comentário praticamente solto, sem muito motivo além de demonstrar sua leitura do símbolo.

    Mas, a preocupação que o símbolo pareceu provocar no homem da mata em um primeiro momento, voltou a lhe atentar ao ver algumas pessoas que pareciam preparadas para um embate a qualquer momento. Decidiu não comentar mais nada, apenas ficar observativo.

    Novamente, ao se aproximar do desconhecido, Therak observou mais afastado a interação das guias com o homem. Como já estava se acostumando com suas maneiras, nem mesmo tentou se apresentar já que sabia que uma delas iria fazer as honras. Apenas fitou-lhe com o rosto mais amigável que conseguia construir naquele momento e acenou com um leve movimento de cabeça, apertando sua mão no cumprimento. Onke, por sua vez, continuava mais desconfiado que seu parceiro humano, apenas observando a todos.

    Logo, ambos estavam novamente acompanhando o grupo até um outro local e deixaram que suas histórias fossem contadas pelas irmãs ao seu conhecido. Esperavam que aquele homem pudesse ser mais uma ajuda valiosa. Então, diante da pergunta de Oliver, Therak usou sua voz pela primeira vez dentro da capela.

    - Nós já estamos prontos para quando lhe for possível. Nosso objetivo, como foi falado, é encontrar nossa companheira e, para isso, não queremos perder muito tempo. Palavras que poderiam parecer ríspidas, mas faladas do modo que Vinn falou não eram tão agressivas. - Agradecemos sua ajuda e mal podemos esperar para começarmos nosso caminho.
    Conteúdo patrocinado


    ON - Herbanário Van Richten - Página 3 Empty Re: ON - Herbanário Van Richten

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Seg Jun 14, 2021 3:53 pm