Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).

Links úteis Anúncios Redes Sociais
31/03 - Novo quadro de anúncios.
31/03 - Mesas com mais de 2 meses SEM postagens serão automaticamente arquivadas.

ATUALIZAÇÃO DO MÊS DE MAIO
Mesas que forem abertas para serem jogadas em outras plataformas
serão excluídas do fórum.

ATUALIZAÇÃO DO MÊS DE JUNHO
A partir de agora somente mestres com mesas ativas no fórum terão o nick laranja
para ficar mais fácil a distinção. Fiquem atentos que em breve teremos
um novo modelo de pedido de mesa!




 

    Morcego Negro - Andrade

    Alexyus
    Sacerdote de Cthulhu
    Alexyus
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2857
    Reputação : 136

    Morcego Negro - Andrade Empty Morcego Negro - Andrade

    Mensagem por Alexyus Sex Set 04, 2020 3:46 pm

    Morcego Negro - Andrade Um-viajante-nova-york-1280x720

    Andrade Gutierrez viu a aurora despontar no skyline da cidade de Nova York enquanto ainda olhava para a carta entregue a ele no dia anterior.

    Ele já estava hospedado na suíte presidencial do Four Seasons Plaza Hotel há algumas semanas. Era sua residência temporária enquanto fazia sua blietzkrieg financeira em Wall Street

    As investidas dele para tomar os ativos de empresários que ele acreditava serem de alguma forma corruptos já tinha lhe rendido alguns lucros formidáveis. Pequenas fortunas foram transferidas para suas contas, apesar de nem todos os meios usados serem estritamente legais. Na verdade, alguns atos que ele cometera eram crimes graves na visão dos homens. Mas ele não era um homem, não mais. Agora ele era o Morcego Negro.

    Mas há dois dias atrás, ele recebera aquele telegrama de seus pais no Brasil.

    Aquilo complicava tudo. Ele releu a carta mais uma vez:

    Telegrama escreveu:Querido filho,

    Suas ações chamaram a atenção da Interpol. Para manter nosso acordo com a Promotoria, tivemos que negar que você agisse em nome da empresa e desligá-lo dos cargos de direção.

    Há uma operação internacional investigando suas ações recentes, e você deve ser contactado a qualquer momento pelas autoridades americanas. Revise todos os eus documentos e comece a juntar evidências que possam provar sua inocência.


    O resto da carta eram bobagens familiares, exortações para que ele se cuidasse e abandonasse essa cruzada ecológica boba. Desde que a recebera, Andrade tinha estado analisando o cenário, pensando no que poderia fazer para impedir o inevitável.

    Várias sirenes soaram na avenida abaixo, e Gutierrez viu várias viaturas do FBI parando em frente ao hotel.

    Restavam poucos minutos para fazer alguma coisa.
    Claude Speedy
    Semi-Deus
    Claude Speedy
    Semi-Deus

    Mensagens : 5194
    Reputação : 82
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Morcego Negro - Andrade Empty Re: Morcego Negro - Andrade

    Mensagem por Claude Speedy Sex Set 04, 2020 7:40 pm



       
           
           
       

               

                   
                   
                       
                   
               

           

               

                   


    Os humanos livres do nosso controle desenvolveram o conceito de moral do rebanho para explicar uma dada realidade dos homens tristes, descaídos e, sobretudo, dos fracassados. As sirenes fazem me lembrar como que o rebanho respira obediência, isso historicamente, genealogicamente, se constrói, por meio de jogos de forças, com sua moral doutrinária e doutrinadora, que rege as relações de dominação sob as quais se desenvolve a vida em sociedade é, então, a partir das disputas de poder que se forjou a moral do rebanho: ressentimento.

    Sempre existiram rebanhos humanos; associações, raciais, comunidades, tribos, nações, Estado, Igreja... Eramos nós quem pastoriavamos o rebanho e era por nós que respira obediência, mas agora a moral do fraco é ensinada desde a primeira infância, transmitido às crianças pelos ressentidos, fracassados e tristes.

    Cumpre à tradição familiar, igrejas ou escolas formar um indivíduo para o rebanho social, para fins de dominação e poder, gerando uma necessidade de obedecer, preencher sua forma por algum conteúdo, aceitando tudo que as instâncias de comando sussurram aos ouvidos. A obediência é a própria constituição da moral e está intrinsecamente ligada aos costumes, a obediência do rebanho é cega, não permite que apareçam dúvidas nem tolera questionamentos dentro da “sagrada” tradição.

    Eu ajeito as roupas, enquanto telefono calmamente para o recepcionista.

    —Meu caro, Vince. Creio que meus pais insistentes pretendem jogar o FBI e a Interpol na minha cola. Se possível, eu gostaria de dizer que irei colaborar com as autoridades.  

    Uma mentira.

    É claro que nenhum desses homens precisará sair vivo daqui.

    Servos da Wyrm. Criados para substituir os Garou e meus pais instrumentos contra minha grandeza.

    Dessa maneira, a valoração moral do rebanho, herdeira e perpetuadora da moral do escravo se origina a partir do outro. A valoração da moral do rebanho ao olhar para o outro acaba negando a si mesma. É típico desses homens negarem a grandeza...

    Sempre baseados em puro ressentimento.

    Há um ensinamento claro que temos de manter se não respeitar os inferiores...

    Mas um orgulhoso filho do Avô Trovão nascido sobre a Lua Cheia, não pode deixar esse respeito o limitar.

    E com isso uma parte da Gnose do próprio Morcego Negro o coloca em comunhão com Augúrio, para saber o que fazer diante do avanço das forças do rebanho. Graças ao seu dom espiritual ensinado pelo próprio Marte, Andrade saberia inclusive sentir se o recepcionista iria ser um aliado nessa batalha que viria...


    Dom usado.:


               

           
    Alexyus
    Sacerdote de Cthulhu
    Alexyus
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2857
    Reputação : 136

    Morcego Negro - Andrade Empty Re: Morcego Negro - Andrade

    Mensagem por Alexyus Seg Set 07, 2020 10:59 am

    —Meu caro, Vince. Creio que meus pais insistentes pretendem jogar o FBI e a Interpol na minha cola. Se possível, eu gostaria de dizer que irei colaborar com as autoridades.

    O atendente da recepção pareceu aliviado ao ouvir o recado do senhor Gutierrez e respondeu:

    - Eu direi a eles, senhor. Vou acompanhá-los até sua suíte.

    Enquanto Vince guiava os agentes, o Morcego Negro teve tempo para se preparar.

    AG escreveu:E com isso uma parte da Gnose do próprio Morcego Negro o coloca em comunhão com Augúrio, para saber o que fazer diante do avanço das forças do rebanho. Graças ao seu dom espiritual ensinado pelo próprio Marte, Andrade saberia inclusive sentir se o recepcionista iria ser um aliado nessa batalha que viria...

    Empenhando sua gnose, o ahroun expandiu sua consciência de batalha num alcance sobrenatural.

    Vince, o recepcionista, era um serviçal solícito, mas absolutamente covarde. Ele não ajudaria os agentes contra o hóspedes, nem vice-versa. Era confiável, mas totalmente limitado.

    Foram quatro veículos SUVs que estacionaram para o desembarque dos homens da lei. Cada veículo teria 4 ocupantes, mas os motoristas provavelmente não desceriam, iam ficar montando guarda nos carros; isso eliminava 4 dos 16 agentes.

    Embora todos os agentes estivessem armados com armas de baixo calibre, pelos menos 4 deles eram mais burocratas que combatentes, representando uma ameaça menor. Isso deixava 8 policiais que teriam prontidão suficiente para reagir rapidamente a uma situação de conflito.

    A suíte de Andrade era ampla, mas possuía apenas uma porta de saída para o corredor; era por ali que os inimigos viriam. A estreiteza do corredor concederia uma vantagem momentânea ao garou se ele tentasse impôr uma defesa, já que enfrentaria apenas dois de cada vez. A possibilidade de alguns dos agentes que estivessem atrás dos dois primeiros atirar não poderia ser descartada, mas a possibilidade de atingirem seus companheiros em vez do alvo era bem elevada.

    Numa visão geral, as chances de Andrade não eram muito boas. Eram muitos oponentes para derrotar antes que pudessem se defender. A fuga subsequente ou a chance de ocultar os cadáveres também eram opções difíceis, bem improváveis.
    Claude Speedy
    Semi-Deus
    Claude Speedy
    Semi-Deus

    Mensagens : 5194
    Reputação : 82
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Morcego Negro - Andrade Empty Re: Morcego Negro - Andrade

    Mensagem por Claude Speedy Ter Set 08, 2020 12:24 pm



     
         
         
     

             

                 
                 
                     
                 
             

         

             

                 



    Eu me lembro quando vi o deus Marte e ele me contou o que fazer.
    O Deus da Guerra do Império Romano, que protegeu os mafiosos italianos até aqui...  
    ...mesmo todos ele sendo católicos.

    Bom, nos evangelhos Jesus diz que veio trazer guerra e espada, talvez ele seja o novo Senhor dos Exércitos. E pelo visto, ele me sugere alguns detalhes até que eu tinha pensado.

    É evidente o que um combate contra eles iria gerar, não seria possível esconder isso.
    Então eu só precisava friamente ocultar minha autoria nisso.

    Nesses dois dias, além de manter minha posição que eu apenas cumpria ordens dos donos da empresa, os meus pais que agora jogaram todo peso dos homens da lei que podem comprar contra mim, eu também sabia que seria a palavra deles contra a minha e que provavelmente não importa o que eu faça não teria como esconder o que eu fiz. Tudo que eu preciso fazer é realmente admitir que meu trabalho para lavar dinheiro para políticos democratas e republicanos é a base de tudo que eles fazem e esses mesmos irão me defender.

    Claro, que se eu for preso nesse meio tempo, os gastos com a imensa batalha judicial vão me colocar sozinho na prisão por falta de recursos.
    Por isso é fundamental aumentar as peças no meu tabuleiro de xadrez para o jogo ser como eu quiser e não como o rebanho quer.

    Criar um mito, uma lenda.
    Certamente eu poderia ter ido embora há dois dias.
    Certamente as ovelhas subindo tem certeza absoluta, que vão docilmente me conduzir.

    Ah, se tem algo que os evangelhos cristãos me ensinaram é algo que as ovelhas nunca vão perceber.

    A traição é eficiente para por na cruz até o mais poderoso Filho de Deus. E ao invés de uma tropa apressada para chegar até o último andar, agora eu tenho um grupo de entusiasmados policiais que acreditam que irão meramente conduzir um suspeito que quer cooperar.

    Eles querem crer nisso.
    Afinal não há como alguém resistir nessa cobertura sozinho.

    Eles tinham algumas suspeitas, mas tendo em vista que iriam primeiro tentar me prender, eu teria tempo inicialmente para ser julgado.

    Mas a força policial que trouxeram já era suficiente para me acusarem de todos crimes que a empresa cometeu.  
    Meus pais estão desesperados...

    Mas irei testemunhar com uma delação de modo muito similar ao dono da JBS, fazendo as ações deles caírem e eu retomando parte de meu espaço na empresa como dono, não só como CEO. Especialmente quando hoje... Surgir uma lenda que há um mercenário contratado para proteger a família com mais ardor do que Dom Corleone poderia sonhar.

    Eles tem de subir até o meu andar...
    Nesse meio tempo, eu evocarei um segundo dom...

    Enquanto com a outra eu deixo em viva voz o celular. Ligo para meu advogado, certamente a conversa esta sendo gravada, como era típico do ministro da justiça fazer e depois vazar para imprensa para gerar revolta na população contra políticos que ele não gostava. E isso é que vai me ajudar.  O crimininalista Frederick Wassef é conhecido como "Anjo" por alguns políticos brasileiros, nada mais justo a ser ele o primeiro a ouvir a voz do demônio...

    —Frederick, eu vou testemunhar sim contra meus pais como me sugeriu e tentar a delação premiada... Mas... Ei, espere! Tem alguém aqui ... nas sombras ele parece um...

    Me transformo na forma Glabro e começo a falar com uma voz animalesca como alguém respondendo com ódio... enquanto vou me transformando até chegar na forma lupina.
    Ela é mais ágil para poder moldar a escuridão ao meu redor ao saltar e rodiar...

    Enquanto passo por entre as sombras ao meu redor com giros e piruetas.  Começo  redesenhar as sombras e trevas com uma das garras enquanto salto, cada sombra nesse quarto começa a tomar outra forma... Todos são como morcegos! Um revoada.

    ...inclusive eu faço um morcego maior, mais parecido com tipo de demônio morcego que vi no México, que mordeu e me transformou. Com o quarto cheio de figuras sombrias, eu finalmente retorno para forma de guerra Crinos. Para eu ficar do lado da porta... Quando eles chegarem e a porta for destrancada uma horda voadora de trevas sombrias aparentemente de roedores alados irá os "atacar" enquanto mantenho a sombra maior se formará como asas das trevas ao meu redor... Me tornando um imenso morcego humano capaz de induzir o Delírio nos corações dos homens.

    Sem ressentimentos, mas os humanos são covardes e supersticiosos.

    Eu bem sei, eu já fui humano.

    Dom Usado:




             

         
    Claude Speedy
    Semi-Deus
    Claude Speedy
    Semi-Deus

    Mensagens : 5194
    Reputação : 82
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Morcego Negro - Andrade Empty Re: Morcego Negro - Andrade

    Mensagem por Claude Speedy Seg Set 14, 2020 11:51 am

    Destreza + Ocultismo (dificuldade 7)
    Claude Speedy efetuou 6 lançamento(s) de dados Morcego Negro - Andrade D10 (d10.) :
    5 , 1 , 5 , 10 , 7 , 4
    Alexyus
    Sacerdote de Cthulhu
    Alexyus
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2857
    Reputação : 136

    Morcego Negro - Andrade Empty Re: Morcego Negro - Andrade

    Mensagem por Alexyus Qua Set 16, 2020 3:41 pm

    Andrade preparou sua armadilha de sombras para os policiais e ficou aguardando. 

    Ele ouviu a batida educada na porta, depois um chamado respeitoso. Uma batida violenta na porta, duas. Um chamado mais forte, rude. Finalmente, o aviso de que tinham um mandato e iam entrar de qualquer maneira.

    Quando a porta se abriu, os agentes entraram  rapidamente, postando-se como uma equipe de assalto, até que a maioria estivesse dentro da suíte.

    Enquanto os últimos se posicionavam, os primeiros já observavam a cena trevosa e reagiam de maneira diversa. 
    Quatro agentes arregalaram os olhos choramingando até desmaiarem.

    Um deles saiu correndo desesperadamente como se sua vida dependesse disso.

    Outro deles recolheu-se no canto, encarando com descrença e murmurando para si mesmo "é uma alucinação, é só uma alucinação, estou só vendo coisas, vai passar...".

    Dois deles estavam bastante assustados, balbuciando "por favor, não me machuque, eu vou à igreja, eu juro.."

    Dois agentes saíram correndo e puxaram a porta atrás deles, isolando o recepcionista e o corredor para fora do apartamento.

    Outros dois agentes apontaram armas diretamente para o lobo/morcego gigante, gritando: "Parados, FBI!"

    Ainda havia um agente bastante calmo, apontando a arma enquanto dizia calmamente: "Vamos, senhor, pare com isso! Temos um mandato, por que não colabora?"

    Mas um outro agente ficou muito irritado com a visão e disparou.

    Rolagem do tiro:
    Alexyus
    Sacerdote de Cthulhu
    Alexyus
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2857
    Reputação : 136

    Morcego Negro - Andrade Empty Re: Morcego Negro - Andrade

    Mensagem por Alexyus Qua Set 16, 2020 3:48 pm

    Andrade sentiu as balas do revólver penetrando seu corpo, causando um pouco da dor esperada, mas a forma crinos concedia uma resistência espantosa e instantânea.

    O agente que disparou (vermelho) parecia estar num delírio furioso e agressivo e ia continuar disparando.

    O agente ao lado dele (azul) continuava calmo e racional, mas tinha se incomodado com o tiro do colega.

    Os dois agentes atrás dele ainda apontavam as armas com medo, murmurando desculpas.

    Ainda havia mais um agente no canto da sala choramingando.

    Mapa:
    Claude Speedy
    Semi-Deus
    Claude Speedy
    Semi-Deus

    Mensagens : 5194
    Reputação : 82
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Morcego Negro - Andrade Empty Re: Morcego Negro - Andrade

    Mensagem por Claude Speedy Qua Set 16, 2020 9:01 pm



     
         
         
     

             

                 
                 
                     
                 
             

         

             

                 




    Duas ovelhas fogem do lobo e das presas do morcego pela porta da frente, provavelmente elas e as que caem ao chão seriam essas as testemunhas que eu preciso.

    Avanço com uma das garras na direção do mais esquentado, ao que parece ele esta violando a lei ao simplesmente começar atirar, ataco com as unhas afiadas mirando o pescoço dele, rasgando e depois avanço e tiro as armas das mãos dos assustados.

    As peças no meu tabuleiro de xadrez...

    Enquanto me viro e eu chuto com as garras o "esquentadinho" pelas costas.

    Sou grato por terem trazido tantas armas, vou usar depois.

    Todas as sombras de morcegos locais se conectam às minhas asas sombrias, como se voltassem para o original.

    Ataques, ações e dano:

         


    Off: Estou rindo que você usou os Agentes Smith, eles são uma referência que usei também em Mutantes e Malfeitores que eu evocava em massa com um personagem que acreditava estar dentro da Matrix. Hahaha... De repente os vejo no mapa!
    Claude Speedy
    Semi-Deus
    Claude Speedy
    Semi-Deus

    Mensagens : 5194
    Reputação : 82
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Morcego Negro - Andrade Empty Re: Morcego Negro - Andrade

    Mensagem por Claude Speedy Qua Set 16, 2020 10:01 pm

    Rolagem Briga+Destreza, Desarme 1
    Claude Speedy efetuou 9 lançamento(s) de dados Morcego Negro - Andrade D10 (d10.) :
    9 , 5 , 10 , 3 , 7 , 8 , 2 , 4 , 2

    Rolagem Briga+Destreza, Desarme 2
    Claude Speedy efetuou 9 lançamento(s) de dados Morcego Negro - Andrade D10 (d10.) :
    2 , 3 , 8 , 10 , 4 , 6 , 2 , 10 , 10
    Alexyus
    Sacerdote de Cthulhu
    Alexyus
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2857
    Reputação : 136

    Morcego Negro - Andrade Empty Re: Morcego Negro - Andrade

    Mensagem por Alexyus Sex Out 02, 2020 9:29 am

    Rolagem do tiro:
    Alexyus
    Sacerdote de Cthulhu
    Alexyus
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2857
    Reputação : 136

    Morcego Negro - Andrade Empty Re: Morcego Negro - Andrade

    Mensagem por Alexyus Sex Out 02, 2020 9:42 am

    Enquanto o Morcego Negro avançava, o policial esquentadinho e o policial calmo dispararam.

    As balas causaram alguma dor, mas os ferimentos no corpo do crinos sumiram mais rápido do que apareceram.

    As garras dele zuniram pelo ar, puxando riscos de sangue quando Andrade abriu a garganta do esquentadinho e ele caiu segurando o próprio pescoço, engasgando-se até a morte com o próprio sangue. Guterrez concluiu a manobra chutando as costas do policial condenado.

    Ele desarmou os policiais assustados sem dificuldade, mas teve que abusar da força para tirar o revólver do policial que estava estranhamente calmo.

    O "calminho" ainda teve a presença de espírito de dizer:

    - Não deveria fazer isso, senhor Guterrez! Temos um mandado de prisão contra o senhor, e essa resistência só vai complicar sua situação perante a lei...

    Ainda havia outro policial armado, o que estava encolhido no canto da sala.

    Claude Speedy
    Semi-Deus
    Claude Speedy
    Semi-Deus

    Mensagens : 5194
    Reputação : 82
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Morcego Negro - Andrade Empty Re: Morcego Negro - Andrade

    Mensagem por Claude Speedy Sex Out 02, 2020 2:02 pm



     
         
         
     

             

                 
                 
                     
                 
             

         

             

                 




    A de discurso manso é mais perigosa de todas ovelhas...
    Ela tem a frieza lógica para entender o que esta acontecendo.

    E repetir o nome humano para que os demais saibam com quem estão falando não ajuda.
    Eu sou o Morcego Negro!

    Avanço e sobre o "calminho" e ataco com a garra o maxilar dele para que se cale.

    Ataques, ações e dano:

         
    Alexyus
    Sacerdote de Cthulhu
    Alexyus
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2857
    Reputação : 136

    Morcego Negro - Andrade Empty Re: Morcego Negro - Andrade

    Mensagem por Alexyus Dom Out 11, 2020 2:54 pm

    O agente calminho levou as mãos à garganta quando Andrade golpeou seu pescoço, mas não pôde evitar o esguicho do sangue espirrando de suas artérias. Ele caiu no chão ofegando pela falta de ar.

    O agente encolhido na sala nem tinha sacado sua arma, e ainda não fazia nenhuma menção de reagir de qualquer modo.
    Claude Speedy
    Semi-Deus
    Claude Speedy
    Semi-Deus

    Mensagens : 5194
    Reputação : 82
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Morcego Negro - Andrade Empty Re: Morcego Negro - Andrade

    Mensagem por Claude Speedy Qui Out 15, 2020 4:57 pm

    [/quote]

     
         
         
     

             

                 
                 
                     
                 
             

         

             

                 



    Ao apontar uma das armas roubadas, o Morcego se aproveita do medo, e coberto por uma sombra aponta para o sujeito encolhido na outra sala.

    Ataques, ações e dano:

         
    Claude Speedy
    Semi-Deus
    Claude Speedy
    Semi-Deus

    Mensagens : 5194
    Reputação : 82
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Morcego Negro - Andrade Empty Re: Morcego Negro - Andrade

    Mensagem por Claude Speedy Sex Out 23, 2020 7:56 pm



     
         
         
     

             

                 
                 
                     
                 
             

         

             

                 



    Depois dos disparos erráticos, eu atiro de novo com toda munição que sobrou dessa mesma arma.

    Tanto do sujeito mais calmo quanto o mais nervoso estavam carregando em vida.

    Em seguida atiro com as balas dos dois agentes acovardados contra uma das janelas, para faze-las rachar e em seguida pego os corpos dos policiais mortos e quebro com eles uma das janelas voltadas para a rua e os seguro para que não caiam e prendo meticulosamente cacos de vidro nas gargantas jorrando sangue de ambos...

    Como se os cortes profundos tivessem sido feitos pelos cacos dessas mesmas janelas.

    Inicialmente seria isso, para depois gastar todas as munições que o "agressor" e o agente calmo carregavam contra os acovardados.

    Fazendo tudo isso na forma de Crinos...

    Entre sombras desenhando morcegos e asas...


             


         
    Alexyus
    Sacerdote de Cthulhu
    Alexyus
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2857
    Reputação : 136

    Morcego Negro - Andrade Empty Re: Morcego Negro - Andrade

    Mensagem por Alexyus Qua Nov 04, 2020 5:43 pm

    Andrade preparou a cena do crime o melhor que pôde.

    Quando terminou, estava cercado de cadáveres, e apenas os dois primeiros agentes tinham fugido, junto com o empregado do hotel.

    Ainda não havia sinais de reforços, mas era claro que eles viriam a qualquer momento.

    Agora competia a ele decidir o próximo passo.


    OFF: Resultado das rolagens ocultas.
    Claude Speedy
    Semi-Deus
    Claude Speedy
    Semi-Deus

    Mensagens : 5194
    Reputação : 82
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Morcego Negro - Andrade Empty Re: Morcego Negro - Andrade

    Mensagem por Claude Speedy Seg Nov 09, 2020 10:40 am



     
         
         
     

             

                 
                 
                     
                 
             

         

             

                 




    Mais uma ação da Wyrm é vencida, os lacaios dos ressentidos com a necessidade do Impergium.
    Coloco as armas nas mãos dos policiais depois de limpar as digitais.
    Qualquer perito iniciante irá ver que pela ausência de pólvora não foram eles que disparam, assim como também que não foram os pedaços de cacos de vidro.

    Era obviamente isso que eu esperava.

    Especialmente por isso desde o dia que soube que viriam aqui, eu havia preparado um bilhete sem digitais pintado com uma tinta vermelha que seria visualmente confundida com sangue. Mas que também será mais tempo perdido de investigação inútil que deslocaria recursos.

    Eu estou com o Senhor Gutierrez, exijo que retirem ele como testemunha válida contra o patrimônio ou não encontraram o corpo dele com vida, vocês não podem me deter. Ass: O Vampiro.


    Obviamente não vieram para cá com o objetivo de me levar como testemunha, mas uma bilhete como desses diante de uma pilha de corpos de servos da mais terrível afronta dos humanos contra os Lobisomens, uma polícia humana que tenta igualar os Garou a eles é uma ofensa a tudo que se tentou fazer, provavelmente irão trazer algum investigador achar que meus pais trouxeram um matador por desconhecer o processo.

    Hora de partir, avanço até o espelho do banheiro e tento chegar até a Umbra.


    Teste de Gnose
    Claude Speedy efetuou 3 lançamento(s) de dados Morcego Negro - Andrade D10 (d10.) :
    5 , 8 , 4



             

         
    Alexyus
    Sacerdote de Cthulhu
    Alexyus
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2857
    Reputação : 136

    Morcego Negro - Andrade Empty Re: Morcego Negro - Andrade

    Mensagem por Alexyus Seg Nov 23, 2020 5:31 pm

    Andrade preparou sua cena de crime, inclusive com a inscrição na parede, e depois foi para o banheiro.

    Olhando fixamente para seu reflexo, ele começou a atravessar a barreira entre o mundo físico e o espiritual.

    Não foi uma passagem fácil, e ele oscilou por vários minutos entre os dois mundos, vendo os dois mas sem conseguir se mover para nenhum, como se estivesse submerso num lago congelado e olhando para a superfície.

    Mas finalmente ele conseguiu concluir a passagem. Andrade não fazia ideia de porquê toda aquela dificuldade, mas tinha muitas coisas misteriosas que ele não entendia. 

    Ao olhar ao seu redor, o Morcego Negro percebeu que estava num ambiente bem diferente. O elegante quarto do mundo físico não era espelhado em sua versão espiritual. O andar inteiro parecia vazio e ligeiramente escuro. A visão para onde estaria a janela, um mero vão aberto em sua caracterização umbral, estava entrecortada por um enxadrezado de teias de aranha, grossas e brilhantes.

    A paisagem da cidade de Nova York mostrava a mesma coisa em outros edifícios: torres de armações escuras como tijolos negros, apenas preenchidas por lençóis de teias, entrecruzando-se infinitamente, mas de uma forma fria e organizada.

    Reparando bem nas teias, Andrade conseguia ver as estranhas aranhas que as teciam.

    Spoiler:

    Eram versões metálicas e mecânicas, imitações bizarras do aracnídeo que ele conhecia.

    Em seu andar, além de algumas paredes escuras, havia um fosso vazio onde estaria o elevador, ao lado de escadarias quew subiam e desciam, essas talvez as únicas coisas mais ou menos parecidas com sua versão física.
    Claude Speedy
    Semi-Deus
    Claude Speedy
    Semi-Deus

    Mensagens : 5194
    Reputação : 82
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Morcego Negro - Andrade Empty Re: Morcego Negro - Andrade

    Mensagem por Claude Speedy Seg Nov 30, 2020 6:57 pm



     
         
         
     

             

                 
                 
                     
                 
             

         

             

                 




    Weaver, sim. Era assim que eu ouvi chamar uma vez... A marca dos Lassombra estava ali na parede, como fui ensinado a fazer.
    Ao enfrentar o servos da Wyrm, sempre lembrar que os Vampiros Lassombra ainda são "señores" dos homens dentro dos currais das cidades
    Há entre os lobos quem a ame, há quem a odeie. Mais todos certamente odeiam a Wyrm.

    Havia pouca coisa que eu sabia sobre a Weaver, além de que ela era uma força de "petrificação" que enlouqueceu a destruição. Ou será que me lembrava?
    Seguindo pela trilha pela escada, preferindo evitar irritar aleatoriamente alguma daquelas aranhas  fosso do elevador, paro um pouco para tentar lembrar o caminho pelo atalho mental¹ e um pouco mais sobre aqueles seres.


    1-Atalho mental é como ele aprendeu que se chama o caminho via Umbra, como se fosse uma viagem de sua própria alma. Apesar de haver certa relação correta na ideia, filosoficamente é como se fosse um aspecto muito mais psicológico para ele fazer isso do que espiritual. Inclusive aprendendo que o reino umbral é algum tipo de memória coletiva dos seres vivos do mundo.

    Para caminhar por aqui, como mais sabedoria Andrade vai tentar "lembrar" o que sabe do lugar, o que na verdade é um teste de Vidas Passadas, com o objetivo de ser ajudado por algum espírito qualquer de um ancestral qualquer preocupado com a segurança de seu legado que conheça a Umbra para aumentar temporariamente minha perícia cosmologia. De certo modo Andrade foi ensinado que é como se os Garou tem Mnese dos Mokolé.


    Vou usar um ponto de força de Vontade para garantir um sucesso extra nesse teste. Dependendo do grau do quanto tirar, até mesmo parte da educação deturpada sobre a Umbra possa ser revista nessa caminhada.

    Claude Speedy efetuou 4 lançamento(s) de dados Morcego Negro - Andrade D10 (d10.) :
    10 , 8 , 7 , 10

    Ao tentar recordar, o objetivo é chegar em algum Caern próximo, onde outros lobos possam o encontrar.


             

         
    Alexyus
    Sacerdote de Cthulhu
    Alexyus
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2857
    Reputação : 136

    Morcego Negro - Andrade Empty Re: Morcego Negro - Andrade

    Mensagem por Alexyus Seg Dez 07, 2020 4:42 pm

    O Morcego Negro estava tentando se orientar na Penumbra de Nova York, percebendo a dificuldade daquela tarefa.

    Enquanto descia pelas escadas da estrutura umbral, Andrade se esforçava para lembrar qualquer coisa útil para navegar naquele lugar estranho e desconhecido.

    Ao chegar ao que seria o saguão do hotel, mas na umbra era apenas um imenso recinto vazio e imponente, o senhor das sombras enxergou com olhos que não eram seus, que pareciam vir de algum lugar esquecido de sua mente ou sua alma, um crinos negro de olhos verdes. Ele sabia quem era aquele lobisomem, instintivamente, um conhecimento que sempre estivera em sua mente, mas do qual ele nunca se dera conta.

    Bote Oculto, um senhor das sombras russo do início do século XX, falou com o Morcego Negro:

    - Você está perdido, meu descendente! Suas ações e seus pensamentos estão confusos, e a visão das obras da Weaver o assustaram ainda mais. Escute o que lhe digo: a Weaver é onde os humanos operam e onde nós os desafiamos, mas não é onde vivemos. Nesses tempos em que Gaia está enfraquecida pelo avanço da Weaver, devemos buscar forças onde a antecessora da aranha é forte. Busque a Wyld, meu jovem. Venha comigo, eu vou lhe mostrar!

    O ancestral Bote Oculto mudou para a forma lupina e saiu correndo pelas ruas penumbrais de Nova York, esperando que Morcego Negro o seguisse. 

    As ruas da cidade era assustadoras na Penumbra, suas semelhanças com suas contrapartes físicas erguendo-se imponentes e ameaçadoras ao redor dos dois garous. Mas Andrade não tinha tempo de reparar nos detalhes, pois seu ancestral corria em grande velocidade, percorrendo as ruas como se soubesse para onde ir, embora nunca tenha pisado na cidade de Nova York enquanto vivia.

    Por fim, chegaram a um lugar que Andrade identificou prontamente, pois sua aparência espiritual era praticamente idêntica ao do mundo físico: o Central Park.

    Estavam numa das entradas principais, e Guterrez podia sentir a força da Wyld ainda forte naquele lugar, um ambiente espiritual bem diferente do resto da cidade.

    - Aqui você encontrará um santuário de Gaia, descendente. E os outros garous também o encontrarão. Aja respeitosamente e dê orgulho aos seus ancestrais...

    A forma lupina de Bote Oculto já esvanecia, sua presença apagando-se do lugar, embora Andrade soubesse que ele sempre estaria com ele.
    Conteúdo patrocinado


    Morcego Negro - Andrade Empty Re: Morcego Negro - Andrade

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Dom Ago 14, 2022 12:40 am