Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Rascunho

    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 10510
    Reputação : 224
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    1º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Rascunho - Página 8 Empty Re: Rascunho

    Mensagem por Dycleal Sex Abr 28, 2023 9:36 pm

    O marquês entra no quarto sem pompa, embora faça uma meia reverência ao entrar, ele entra de forma impaciente, sem camisa e todo molhado, com diversos hematomas pelo corpo e alguns ferimentos menores parecendo ter acabado de sair de uma batalha. Ele empunhava uma espada, que logo larga no chão e era evidente o seu a ar de cansado e de muita irritabilidade. Ele parecia não se importar com nada ao seu redor, aliás parecia mais um soldado do que um nobre. Ele me ignora e vai direto ao guarda-roupa e diz: - Perdão lady Chrystina, mas diferente de você, tenho que me aprontar para o baile! Não imaginava que ia demorar tanto...

    Acho esta postura dele irritante e muito mal educada, eu me esforçara para mostrar gratidão a ele vestindo aquela roupa desconfortável, incomoda e apertada, mas ele ignora meu esforço e como se eu não estivesse ali, ele começa a atirar as roupas que escolhe do guarda-roupa em cima da cama de forma desordenada e um dos seus servos, que discretamente entrou com ele, foi organizando as peças que estavam arremessadas na cama de uma forma mais organizada e quando eu observo o seu torso nú, vejo que ele é repleto de cicatrizes e muita massa muscular. Seus músculos são muito bem definidos demonstrando ser o corpo de um guerreiro experiente, confirmando os rumores que corriam na corte, mas o que mais me chamou atenção foram duas marcas nas costas que lembravam feridas e parecendo que ele lia os meus pensamentos, ele de repente fala: - São marcas de tortura lady Chrystina, isso é o que acontece quando se é capturado no campo de batalha.

    Eu me sentia distratada. Era uma nova humilhação que me imputavam, com pouco tempo entre as duas situações. Ele faz um gesto para o serviçal nos deixar, veste uma camisa e puxando uma cadeira se senta e começa a relaxar e ao ver sem semblante vejo que começa também a descansar e ao abrir os olhos , ele agora me observa com mais atenção e diz: - Peço desculpas pela minha conduta myleide, sei que deveria ter a tratado de um modo diferente, porém no momento sinto-me fatigado de um assunto que tive que resolver a pouco. consigo compreender esse cansaço, pois é visível no seu rosto, inclusive. Mas não justifica. Ele aparentava tem uns 10 anos a mais que eu ,no máximo, e fazia os seus feitos, que não eram poucos, muito mais impressionantes e significativos, por serem realizados em tão pouco tempo, embora meu primo, o rei, sob esta ótica e raciocínio, também era um homem notável.

    Enquanto penso sobre essas coisas, ele me interrompe os pensamentos e diz: - Além disso, tem um assunto que eu gostaria de tratar com você, referente ao nosso casamento, não sei se você foi informada acerca disto, espero que sim, mas estamos prometidos um ao outro e tenho alguns retratos seus em cima da mesa aqui do meu quarto. Ele levanta e pega os retratos que eu vira a pouco e me entregou para que eu observasse. Eu agradeço com sobriedade e como se não soubesse do que se tratava fico admirando-o com se estivesse vendo pela primeira vez. Enquanto isso, ele continua: - Particularmente não aprecio esse tipo de situação, ao meu ver pessoas deviam se casar por sentimento e não por acordos e interesses políticos. Ele levanta a mão direita coça a nuca mostrando-se visivelmente desconfortável com a situação, talvez tanto quanto eu suponho.

    Apesar do mútuo constrangimento, logo ele continua: - Na verdade, estou aqui em Barcelona pois pretendia vir pessoalmente para o front de batalha, para procurá-la. Seu pai, logo após a vitoriosa batalha de Crécy, chegou ferido em Winchester e pouco tempo depois fiquei sabendo sobre o seu desaparecimento próximo da fronteira entre a França e a Espanha e sinceramente temi ter acontecido o pior e vim o mais rápido que pude para localiza-la e salva-la de algum perigo. Mas graças ao bom Deus, consegui encontra-la aqui e salva-la das garras da inquisição. Ele volta a se sentar e continua: - Não me entenda mal, fiz o que fiz, pois me senti responsável por conta do nosso compromisso e por zelar da sua segurança!

    Com essas falas do marquês que ouvi, penso comigo mesma e vejo que apesar de pecar nas sua ações de etiqueta ou falta dela e atitudes pouco dignas de um Nobre, ele é evidentemente forte no campo do caráter e mostra um forte senso de dever, coisa rara entre os cortesãos da corte e, novamente meu pensamento e reflexão é interrompido novamente por sua fala: - Não que a senhora seja desamparada, muito pelo contrário é uma mulher forte e creio que o que foi feito em relação ao compromisso de casamento, não foi correto, seja por parte da sua família e também por minha parte... E neste momento, ele baixa a cabeça por um instante, respirou fundo e suspirou pesadamente e voltou a me encarar e continua com o seu discurso: - Porém não nego que estou surpreso em te conhecer pessoalmente, eu acreditava que as informações que vinham da corte eram só boatos sobre você e que no fundo você não passava de uma menininha mimada, mas creio que nessa eu caí do cavalo.

    Agora o jovem Marquês esboça um sorriso e pela primeira vez foi possível ver a sua verdadeira beleza e ele tinha um sorriso gentil, o que me agradava a principio. Ele volta a arrazoar comigo: - Não nego que pela primeira vez estou feliz e surpreso por estar enganado. E ele nesse ponto dá uma risada alegre, descontraindo o ambiente e continua: - Mas como eu disse antes, para mim o casamento deveria ser por sentimentos e nesse aspecto eu invejo um pouco a plebe, que não tem essas responsabilidades que nós, os nobres temos.

    E começa a listar estas responsabilidades que os nobres tem, como a coroa, com a nobreza e principalmente com o povo e lembra que não há um rei sem a sua nação, que é o povo e me diz que é principalmente nisso que pensa antes de dormir, neste descaso que os nobres tem, no trato com os mais humildes e afirma que esses cidadãos comuns são como nós somos e sem eles nós não estaríamos onde estamos e sinceramente eu sinto sabedoria em suas palavras e acolho essas palavras por afinidade parcial com meus pensamentos e ideais. Quando volto a mim, me vejo observada por ele, que começa a falar novamente e diz: - Mas enfim, o que quero dizer com isso, Lady Chrystina... Neste momento, ele começou a chorar e ficar constrangido e tenta introduzir um ponto aparentemente delicado, pela forma que se expressa como pisando em ovos: - Não me entenda mal, não estou desconsiderando a senhorita nem nada do tipo mas eu não quero um casamento de aparências... E ele se levanta andando mais como uma criança, meio sem rumo e envergonhado foi até meigo, analisando as suas ações, mas tive que me conter para não rir.

    Então finalmente ele encontra um ponto no espaço dele, para, e volta a falar: - Eu sei que tenho minhas responsabilidades como nobre, bem como a senhorita também tem, porém, não quero forçar uma pessoa a viver uma vida triste e infeliz da mesma forma que meus pais viveram... Ao falar dos pais noto que o seu semblante cai e evidencia que deve ser um assunto triste e difícil para ele e começo a entender que ele tinha um grande medo, ele não quer ter o mesmo destino dos pais.

    E de repente sou tomada por uma visão, enquanto olhava para ele. Eu vejo uma coroa sobre a sua cabeça e ao seu lado esquerdo, estava eu vestida com um belíssimo traje que parecia ser feito de rosas vermelhas e brancas, sentada em um Jardim florido e iluminado. Uma visão bela e paradisíaca, mas estava usando algemas e correntes feitas de ouro. Desvio a minha visão e olho para o seu lado direito e vejo a minha imagem novamente, porém vestida com meus antigos e confortáveis trajes e andando em direção ao que parecia um buraco negro que consumia toda a luz, e era muito assustador aquela visão e nenhuma daquelas variações das minhas visões, me agradava e enquanto estou absorvida na visão e na tentativa de compreende-las, sou despertada pela voz do marquês: - Lady Chrystina! E eu logo me recomponho e volto a atenção para o meu interlocutor e ele diz: - Eu sei que se trata de uma decisão difícil afinal tem muita coisa em jogo, mas a decisão final é sua, seja qual for a sua resposta, eu vou aceitar e respeitar!

    Eu ouço a sua fala e tento equilibrar os dois lados da questão. Eu fiquei sabendo daquela situação e compromisso há poucos minutos e não me sinto à vontade ainda com ela, pois é muito recente na minha mente e preciso pensar em uma resposta que não magoe, mas que não prejudique a minha família e o meu povo e digo a ele: - Caro Marquês, entenda que tudo que falaste para mim é novo, esse compromisso entre nos, bem sabes que não sabia desta tratativa. Porém, compreendo que como nobres temos funções e sacrifícios a fazer... Nosso início, com sua chegada no quarto, foi um pouco tempestuoso, porém mesmo começando com o pé esquerdo, ao ouvir tuas palavras que saíram diretamente do coração, eu me identifiquei com muitas delas e eu, em algumas delas vi muita sabedoria, apesar da sua juventude e proponho então que, se temos alguns pontos em comum, que nos conheçamos um pouco mais, que possamos desenvolver uma admiração mútua se tivermos um pouco de paciência, um verdadeiro amor pode nascer pela convivência, afinal temos muito em comum, somos nobres altivos e independentes, temos como foco o bem do povo, pelo respeito e luta pelos seus interesses e vale esse esforço, porque a nossa união, trará prosperidade e paz para o nosso povo! Proponho que convivamos como amigos por um tempo, dividindo nossos pensamentos e nosso dia a dia, para fortalecer nossos vínculos. Peço que leve em conta, que ainda sou muito jovem e a ideia de casamento, nem passava pela minha cabeça, porém podemos começar com uma troca, você me conta um segredo seu e me fala dos seus propósitos de vida e interesses pessoais e eu conto um segredo meu e compartilho com você os meus propósitos e interesses e aí teremos mais do que quando cheguei aqui e construiremos, não uma promessa de União, mas uma semente que por certo frutificará... espero que aceite esta proposta honesta que te apresento, pois sei que você respeitará minha pureza, autonomia e dignidade neste processo.
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 10510
    Reputação : 224
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    1º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Rascunho - Página 8 Empty Re: Rascunho

    Mensagem por Dycleal Sex Abr 28, 2023 9:41 pm

    O marquês entra no quarto sem pompa, embora faça uma meia reverência ao entrar, ele entra de forma impaciente, sem camisa e todo molhado, com diversos hematomas pelo corpo e alguns ferimentos menores parecendo ter acabado de sair de uma batalha. Ele empunhava uma espada, que logo larga no chão e era evidente o seu a ar de cansado e de muita irritabilidade. Ele parecia não se importar com nada ao seu redor, aliás parecia mais um soldado do que um nobre. Ele me ignora e vai direto ao guarda-roupa e diz: - Perdão lady Chrystina, mas diferente de você, tenho que me aprontar para o baile! Não imaginava que ia demorar tanto...

    Acho esta postura dele irritante e muito mal educada, eu me esforçara para mostrar gratidão a ele vestindo aquela roupa desconfortável, incômoda e apertada, mas ele ignora meu esforço e como se eu não estivesse ali, ele começa a jogar as roupas que escolhe do guarda-roupa em cima da cama de forma desordenada e um dos seus servos, que discretamente entrou com ele, foi organizando as peças que estavam arremessadas na cama de uma forma mais organizada e quando eu observo o seu torso nu, vejo que ele é repleto de cicatrizes e muita massa muscular. Seus músculos são muito bem definidos demonstrando ser o corpo de um guerreiro experiente, confirmando os rumores que corriam na corte, mas o que mais me chamou atenção foram duas marcas nas costas que lembravam feridas e parecendo que ele lia os meus pensamentos, ele de repente fala: - São marcas de tortura lady Chrystina, isso é o que acontece quando se é capturado no campo de batalha.

    Eu me sentia distratada. Era uma nova humilhação a que me submetiam, com pouco tempo entre as duas situações. Ele faz um gesto para o serviçal nos deixar, veste uma camisa e puxando uma cadeira se senta e começa a relaxar e ao ver seu semblante noto que começa também a descansar. E ao abrir os olhos, ele agora me observa com mais atenção e diz: - Peço desculpas pela minha conduta milady, sei que deveria ter a tratado de um modo diferente, porém no momento sinto-me fatigado de um assunto que tive que resolver a pouco. consigo compreender esse cansaço, pois é visível no seu rosto, inclusive. Mas não justifica. Ele aparentava tem uns 10 anos a mais que eu, no máximo, e fazia os seus feitos, que não eram poucos, muito mais impressionantes e significativos, por serem realizados em tão pouco tempo, embora meu primo, o rei, sob esta ótica e raciocínio, também era um homem notável.

    Enquanto penso sobre essas coisas, ele me interrompe os pensamentos e diz: - Além disso, tem um assunto que eu gostaria de tratar com você, referente ao nosso casamento, não sei se você foi informada acerca disto, espero que sim, mas estamos prometidos um ao outro e tenho alguns retratos seus em cima da mesa aqui do meu quarto. Ele levanta e pega os retratos que eu vira a pouco e me entrega para que eu os observasse. Eu agradeço com sobriedade e como se não soubesse do que se tratava fico admirando-o como se estivesse vendo pela primeira vez. Enquanto isso, ele continua: - Particularmente não aprecio esse tipo de situação, ao meu ver pessoas deviam se casar por sentimento e não por acordos e interesses políticos. Ele levanta a mão direita coça a nuca mostrando-se visivelmente desconfortável com a situação, talvez tanto quanto eu suponho.

    Apesar do mútuo constrangimento, logo ele continua: - Na verdade, estou aqui em Barcelona pois pretendia vir pessoalmente para o front de batalha, para procurá-la. Seu pai, logo após a vitoriosa batalha de Crécy, chegou ferido em Winchester e pouco tempo depois fiquei sabendo sobre o seu desaparecimento próximo da fronteira entre a França e a Espanha e sinceramente temi ter acontecido o pior e vim o mais rápido que pude para localiza-la e salva-la de algum perigo. Mas graças ao bom Deus, consegui encontra-la aqui e salva-la das garras da inquisição. Ele volta a se sentar e continua: - Não me entenda mal, fiz o que fiz, pois me senti responsável por conta do nosso compromisso e para zelar pela sua segurança!

    Com essas falas do marquês que ouvi, penso comigo mesma e vejo que apesar de pecar nas suas ações de etiqueta ou falta dela e atitudes pouco dignas de um Nobre, ele é evidentemente forte no campo do caráter e mostra um forte senso de dever, coisa rara entre os cortesãos do palácio do meu primo, em Londres e, novamente meu pensamento e reflexão é interrompido novamente por sua fala: - Não que a senhora seja desamparada, muito pelo contrário é uma mulher forte e creio que o que foi feito em relação ao compromisso de casamento, não foi correto, seja por parte da sua família e também por minha parte... E neste momento, ele baixa a cabeça por um instante, respirou fundo e suspirou pesadamente e voltou a me encarar e continua com o seu discurso: - Porém não nego que estou surpreso em te conhecer pessoalmente, eu acreditava que as informações que vinham da corte eram só boatos sobre você e que no fundo você não passava de uma menininha mimada, mas creio que nessa eu caí do cavalo.

    Agora o jovem Marquês esboça um sorriso e pela primeira vez foi possível ver a sua verdadeira beleza e ele tinha um sorriso gentil, o que me agradava a princípio. Ele volta a arrazoar comigo: -  Não nego que pela primeira vez estou feliz e surpreso por estar enganado. E ele nesse ponto dá uma risada alegre, descontraindo o ambiente e continua: - Mas como eu disse antes, para mim o casamento deveria ser por sentimentos e nesse aspecto eu invejo um pouco a plebe, que não tem essas responsabilidades que nós, os nobres temos.

    E começa a listar estas responsabilidades que os nobres tem, como a coroa, com a nobreza e principalmente com o povo e lembra que não há um rei sem a sua nação, que é o povo e me diz que é principalmente nisso que pensa antes de dormir, neste descaso que os nobres tem, no trato com os mais humildes e afirma que esses cidadãos comuns são como nós somos e sem eles nós não estaríamos onde estamos e sinceramente eu sinto sabedoria em suas palavras e acolho essas palavras por afinidade parcial com meus pensamentos e ideais. Quando volto a mim, me vejo observada por ele, que começa a falar novamente e diz: - Mas enfim, o que quero dizer com isso, Lady Chrystina... Neste momento, ele começou a corar a face e ficar constrangido. Ele parece tentar introduzir um ponto aparentemente delicado, pela forma que se expressa como pisando em ovos: - Não me entenda mal, não estou desconsiderando a senhorita nem nada do tipo mas eu não quero um casamento de aparências... E ele se levanta andando mais como uma criança, meio sem rumo e envergonhado foi até meigo, analisando as suas ações, mas tive que me conter para não rir.

    Então finalmente ele encontra um ponto no espaço dele, para, e volta a falar: - Eu sei que tenho minhas responsabilidades como nobre, bem como a senhorita também tem, porém, não quero forçar uma pessoa a viver uma vida triste e infeliz da mesma forma que meus pais viveram... Ao falar dos pais noto que o seu semblante cai e evidencia que deve ser um assunto triste e difícil para ele e começo a entender que ele tinha um grande medo, ele não quer ter o mesmo destino dos pais.

    E de repente sou tomada por uma visão, enquanto olhava para ele. Eu vejo uma coroa sobre a sua cabeça e ao seu lado esquerdo, estava eu vestida com um belíssimo traje que parecia ser feito de rosas vermelhas e brancas, sentada em um Jardim florido e iluminado. Uma visão bela e paradisíaca, mas estava usando algemas e correntes feitas de ouro. Desvio a minha visão e olho para o seu lado direito e vejo a minha imagem novamente, porém vestida com meus antigos e confortáveis trajes e andando em direção ao que parecia um buraco negro que consumia toda a luz, e era muito assustador aquela visão e nenhuma daquelas variações das minhas visões, me agradava e enquanto estou absorvida na visão e na tentativa de compreende-las, sou despertada pela voz do marquês: - Lady Chrystina! E eu logo me recomponho e volto a atenção para o meu interlocutor e ele diz: - Eu sei que se trata de uma decisão difícil afinal tem muita coisa em jogo, mas a decisão final é sua, seja qual for a sua resposta, eu vou aceitar e respeitar!

    Eu ouço a sua fala e tento equilibrar os dois lados da questão. Eu fiquei sabendo daquela situação e compromisso há poucos minutos e não me sinto à vontade ainda com ela, pois é muito recente na minha mente e preciso pensar em uma resposta que não magoe, mas que não prejudique a minha família e o meu povo e digo a ele: - Caro Marquês, entenda que tudo que falastes para mim é novo, esse compromisso entre nós, bem sabes que não sabia desta tratativa entre nossas famílias. Porém, compreendo que como nobres temos funções e sacrifícios a fazer... Nosso início, com sua chegada no quarto, foi um pouco tempestuoso, porém mesmo começando com o pé esquerdo, ao ouvir tuas palavras que saíram diretamente do coração, eu me identifiquei com muitas delas e eu, em algumas delas vi muita sabedoria, apesar da sua juventude e proponho então que, se temos alguns pontos em comum, que nos conheçamos um pouco mais, que possamos desenvolver uma admiração mútua se tivermos um pouco de paciência, um verdadeiro amor pode nascer pela convivência, afinal temos muito em comum, somos nobres altivos e independentes, temos como foco o bem do povo, pelo respeito e luta pelos seus interesses e vale esse esforço, porque a nossa união, trará prosperidade e paz para o nosso povo! Proponho que convivamos como amigos por um tempo, dividindo nossos pensamentos e nosso dia a dia, para fortalecer nossos vínculos. Peço que leve em conta, que ainda sou muito jovem e a ideia de casamento, nem passava pela minha cabeça, porém podemos começar com uma troca, você me conta um segredo seu e me fala dos seus propósitos de vida e interesses pessoais e eu conto um segredo meu e compartilho com você os meus propósitos e interesses e aí teremos mais do que quando cheguei aqui e construiremos, não uma promessa de União, mas uma semente que por certo frutificará... espero que aceite esta proposta honesta que te apresento, pois sei que você respeitará minha pureza, autonomia e dignidade neste processo.
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 10510
    Reputação : 224
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    1º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Rascunho - Página 8 Empty Re: Rascunho

    Mensagem por Dycleal Qua maio 03, 2023 5:46 pm

    Após a minha fala pensei que teria como resposta um posicionamento sensato do Marquês, porém apesar dele achar minhas falas realmente muito sensatas e sábias, ficando até surpreso com elas, me surpreende, entretanto, que ele alega que o tempo está contra a minha proposição, apesar de concordar com o meu pensamento, mas afirma que no mundo real as coisas não são tão simples como eu penso, embora ele lamente muito isto.

    Ele então compartilha o segredo pedido, na minha proposta, mas de forma tão pífia, que me incomoda a maneira como ele pensa que eu devo ser uma tola. O Jovem nobre diz que tem um parente em Barcelona, mas que o parente não sabe desde vínculo parental e mostra um porta-retrato, mas o guarda bem rápido sem dar chance para eu ver e poder identificar quem era, na imagem. Fala ainda que o propósito de vida dele é restaurar o nome da sua família e que seu interesse pessoal é adquirir poder para mudar o mundo, mas não diz como e objetivando que mudanças seriam essas...

    Ele espera agora que essas revelações que me fez de forma pontual e sem sentido, de forma tão genérica e não pessoal, me sejam úteis! E me aperta e constrange muito fortemente, dizendo que precisa que eu me decida já, agora, pois ou ele entra no baile comigo sendo sua noiva ou ele entra no baile como se eu fosse apenas uma convidada, a prima do rei que o visita, a filha do marquês de Winchester, seu aliado, e faz questão de ixalar em cada uma dessas suas palavras a urgência da decisão não me dando muitas opções e diz que precisa de uma resposta direta minha e coloca tudo num nível de aceita não aceita casar com ele.

    Eu fico horrorizada com tudo que eu ouvi e preciso dar uma resposta contundente para ele hoje. Fui humilhada por aquele monstro, aquele padre que é o satanás das profundezas. Porque um homem de Deus não faz aquilo que ele fez, aquilo é o ato de um canalha. Ele me humilhou tanto física quanto emocionalmente, mas eu fui forte e resisti a agressão e sai por cima. Porém quando isto vem de um Nobre, um igual ,um conterrâneo, é mais difícil de suportar! Ele me tratou muito mal quando eu cheguei a sua torre, ele sabia que eu estava fragilizada e não teve piedade. E quando as coisas estavam se equilibrando, quando eu estava começando a achar que podia confiar nele e dá uma oportunidade de chegarmos a um termo comum, ele vem com essa urgência inexplicável e de uma forma inaceitável para uma lady filha de marquês! Como não me dar opções e tempo de ter que escolher em cima da hora e sem explicações, algo tão fundamental na minha vida e para o destino da minha família? isso é humilhante e inaceitável.

    Porém eu serei mais forte e mostrarei para ele quem é a Chrystina a futura marquesa de Winchester. Responderei as três perguntas que propus, de volta, cumprindo minha parte do acordo, e as quais ele me respondeu de maneira tão indecente e descompromissada. Mostrarei para ele qual o meu lugar, quem eu sou e o que eu quero do mundo e aí dependendo do que ele me falar e da sua colocação veremos a minha resposta.

    - Marquês David Nortúndria, da nobre casa de Nortúndria, Eu sou Chrystina Macgrill Lancaster, filha de Guilherme Lancaster, o Marquês de Winchester e de Mary Macgrill. Sou a Leoa Indomável do sul, e o que você ouviu sobre mim, não é a décima parte da minha força e caráter.  Sou herdeira da minha casa, e se me der a oportunidade, o surpreenderei positivamente, ainda muitas vezes. Seu olhar gélido de lobo do norte, não me assusta, de fato gostei das suas palavras sobre o povo e a sua preocupação e valorização deles e o nosso lugar e responsabilidades como nobres. Ganhou meu respeito por isso, mas não gostei de ser ameaçada pela bandeira da urgência que me colocastes, sem me explicar o porque dela ou quais fatos a geram, mas é o que tenho para hoje e mastigo, o pão que tenho que enfrentar e o digiro. Vou cumprir minha parte do acordo e vou responder com objetividade e precisão as três perguntas que lhe pedi, e que não me respondestes a contento. Eu paro um pouco e respiro fundo, pois eu preciso me equilibrar e me fazer forte. 

    Após este breve prazo, continuo: - Vou lhe responder, embora o senhor me respondeu de forma insatisfatória, eu começarei com o meu segredo, que é este: Eu tive uma visão enquanto falava com vossa excelência e eu vi vossa excelência e a minha pessoa tanto do seu lado direito quanto do lado esquerdo porém em duas situações diferentes de um lado, o esquerdo, eu estava com roupas de Nobre assim como eu estou agora, em um ambiente confortável, claro, mas com algemas e correntes de ouro reluzente e do outro lado, o direito, estava eu com as minhas roupas que você viu que eu usava quando foi resgatada, porém eu me aproximava de um espaço semelhante a um buraco negro, uma escuridão que absorvia toda a luz. Nenhuma destas condições me agrada e quero que você me diga em cima desta visão, qual posição eu terei, na sua vida e ao seu lado, no seu coração quanto a sua lealdade, quanto ao seu respeito ou seria uma boneca sem vida e sem autonomia ou seria apenas um trunfo em suas mãos? Porque eu não nasci para isto, eu nasci para reinar, para comandar e acho que a nossa relação seria satisfatória se eu reinasse e você fosse o meu campeão! Com isso, nós dominaríamos o cenário, faríamos que nossas casas se levassem ao mais alto grau possível e conquistaríamos tudo que sonhamos e nosso filho, fruto de uma futura relação, seria o homem mais poderoso do mundo e nós atingiríamos o que nos propomos atingir e dar aos homem e mulheres do povo, tudo que lhe é de direito, os insumos necessários para sua subsistência, lhes garantir a dignidade de vida e a paz harmoniosa para as pessoas poderem construir as suas vidas em segurança, porque nós garantiríamos juntos isso para eles e eu e você realizaria os nossos sonhos e lhe desafio agora então a você me dizer, se você cumprirá com a palavra e discurso que você falou e aceitar meus termos para que possamos noivar e eu quero em torno de noventa dias para eu poder conquistar seu coração e você conquistar o meu, com você respeitando a minha pureza e estado de donzela. Ai, então, poderíamos entrelaçar, não só as nossas lealdades, mas nos respeitando e com amor verdadeiro um pelo outro! Você aceita meus termos? Si sim, você terá uma noiva, hoje a noite ao seu lado e uma aliada por todo o tempo que o meu celeste senhor me permitir.
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 10510
    Reputação : 224
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    1º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Rascunho - Página 8 Empty Re: Rascunho

    Mensagem por Dycleal Qui maio 04, 2023 9:18 pm

    Arthur estava ao lado de sua noiva e de seu mentor e futuro sogro, vendo seu pai partir para confrontar seu tio Cornell e deixando a ele, Arthur, o comando do acampamento Felinight.

    Embora sua mãe desse ordens aos servos quase tão bem quanto seu pai, o comando deles e também dos soldados da casa Felinight que tinham permanecido recaía agora sobre os ombros de Arthur. Ele deveria desempenhar o papel de capitão da guarda que Gylen vinha fazendo, organizar os servos como seu pai fazia e manter as coisas em ordem tanto quanto pudessem.

    Lady Maria estava grávida e precisava repousar depois de um dia de tão fortes emoções quanto fôra aquele. A governanta Elisabeth a acompanhara para a tenda e se certificaria de que ela ficasse bem e confortável.

    A irmã Lícia estava mais arredia que nunca, mantendo-se à distância e de cara amuada, e assim que a mãe foi acomodada, a própria Lícia foi para sua tenda sem dar nem um olhar para Arthur, desprezando por completo sua presença.

    A mão de Inês segurara a de Arthur durante todo o caminho desde a arena de justas e ainda não a soltara, mas Arthur se dava conta disso agora, e ela apertou-a ainda mais forte e gentilmente. Uma mão mais forte caiu sobre o ombro de Arthur, a de Henry Allafante, que lhe disse:

    Rascunho - Página 8 Henry_10- Sabemos que tem muitas coisas para fazer. Podemos partir de volta para a cidade se quiser.

    Inês contrapôs:

    Rascunho - Página 8 Inzos_10- Ou podemos ficar aqui para ajudá-lo, se for o seu desejo.

    O que Arthur desejava agora?
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 10510
    Reputação : 224
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    1º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Rascunho - Página 8 Empty Re: Rascunho

    Mensagem por Dycleal Qui maio 04, 2023 9:37 pm

    Arthur estava um tanto abalado com a derrota do irmão. Não que ele pensasse que ele seria o campeão ou coisa assim, mas a luta ser contra um parente, e ter sido tão violenta, o chocou. Agora tinha que administrar o acampamento, estava recuperado fisicamente e isso não seria uma novidade, pois era ele quem fazia tal tarefa, até ficar machucado no torneio, embora o desfalque dos que seu pai destacara para procura o animal de confiança do tio e para a visita, nada amistosa para o outro tio, deixava no limite, as suas opções de material humano para trabalhar.

    Estava feliz em ter sua amada Inês ao seu lado e o seu sábio mentor e futuro sogro por perto era uma garantia de boa companhia. A sua experiência e expertise em negócios e administração, eram invejáveis e incomparáveis e quando ambos, principalmente o seu futuro sogro ventila a possibilidade de se retirarem do acampamento para não atrapalhar, ele aproveita a deixa de Inês, com sua oferta de ajuda e diz: - Bem, vocês nunca atrapalham, muito pelo contrário, são uma forte de sabedoria e ajuda neste momento difícil para a família. Apesar de estar com meu plantel de soldados e servos desfalcados para acompanhar meu pai, posso chamar Wilford Whitehill para liderar a tropa e ser meu lugar tenente e colocar o Thomas Aurelly para comandar os servos, enquanto Mama Elizabeth, cuida da minha convalescente genitora, o que acham das minha escolhas? Veem, outras opções?
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 10510
    Reputação : 224
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    1º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Rascunho - Página 8 Empty Re: Rascunho

    Mensagem por Dycleal Sáb maio 06, 2023 9:01 am

    Pergunta do Mestre einherji


    Então, me diz como seu personagem responde a isso aqui:

    "Via seu corpo sair e volta, projetando-se de forma astral, como se estivesse em total sintonia com o universo. Algo que os monges demoravam uma vida inteira para alcançar, muitos mesmo assim ainda não conseguiam tal fato. O mais leve movimento de seus dedos gerava fisgadas de vento que pareciam navalhas. Via a sua frente, Kamai, o homem que ordenara a destruição de sua vila e a morte de todos os seus conhecidos. As lâminas de vento percorriam seu espaço e restava uma decisão."


    Minha resposta:

    Bem, mesmo com todo meu poder, de com um estalar de dedos retalhar o assassino de meus pais e meus amigos e concidadões da minha aldeia, eu ainda daria a oportunidade de arrependimento e perdão, antes de executar uma sentença contra os seus mãos feitos, pois para o equilíbrio do cosmos, o seu perdão alimentaria a energia vital que rege os mundos... Embora os elementos peçam o pagamento pela ação, se não houver o arrependimento sincero. Com o arrependimento sincero, ele poderá praticar o suicídio voluntário, como oferta de sacrifício, resgatando a sua alma.
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 10510
    Reputação : 224
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    1º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Rascunho - Página 8 Empty Re: Rascunho

    Mensagem por Dycleal Dom maio 07, 2023 1:05 am

    Uma tempestade se desencadeia sobre o mar
    Cujo olho está manchado de lágrimas
    Um miserável condenado ao Inferno e empenhado em sangue
    Os fundamentos dos medos dos medrosos

    A maré roubou sua graça
    As profundezas, eles não a reivindicariam
    Uma labuta gerada pelo sangue de seu pai
    Este caminho foi colocado diante dela

    Redenção trazida pelo sangue do bandido
    Uma praga sobre a escuridão
    O pacto abraçado, uma estrada não procurada
    A Donzela da Morte não será inacabada

    Sua ira é conhecida por toda a escuridão
    Os jardins da morte ela está cuidando
    A vingança é sua única proteção
    Cuidado com o espinho da rosa vermelha de sangue
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 10510
    Reputação : 224
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    1º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Rascunho - Página 8 Empty Re: Rascunho

    Mensagem por Dycleal Dom maio 07, 2023 1:10 pm

    O que Chrystina acha nas gavetas do Marquês:

    Toda a historia sobre o passado dele que eu te contei, e que desde os seus 9 anos ja tinha que agir como adulto,
    sobre a morte dos pais por conta de intrigas e conspirações na corte, sobre uma vida sem carinhos ou afetos seja
    por parte do pai ou da mãe, sobre que com 12 para 13 anos ja tinha que ser um guerreiro e liderar seu povo no
    campo de batalha, como foi ser capturado e torturado, enfim, como a vida da sua personagem perto da dele foi
    um mar de rosas ^^
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 10510
    Reputação : 224
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    1º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Rascunho - Página 8 Empty Re: Rascunho

    Mensagem por Dycleal Dom maio 07, 2023 1:31 pm

    Nem interpretei a outra visão e já aparece essa... E as referencias do contexto do cenário são bem obscuras... Mas pode ser burrice minha...
    Não eu sou bem enigmatico mesmo, gosto de brincar com a palavras, mas vai uma dica,
    se atente as cores e na ordem que ela aparece ao olhar da colina depois nas cores do lobo
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 10510
    Reputação : 224
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    1º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Rascunho - Página 8 Empty Re: Rascunho

    Mensagem por Dycleal Dom maio 07, 2023 1:34 pm

    Como um sonho, com um piscar de olhos, você não estava mais na torre do Marques e sim um campo, no alto de um
    monte verdejante, era belissimo tinha frondosas arvores e era até possivel sentir a brisa de ar fresco batendo na sua pele
    e o cheiro das arvores, mas algo no ar te incomodara e quando você olhou para baixo uma visão terrivel, um rio azul com
    aguas correndo em alta velocidade, em sua margem jogados diversos corpos embranquecidos e a frente dos corpos a
    pastagem estava rubra manchada pelo sangue, e ao virar para trás afim de fugir daquela visão tenebrosa, tinha um
    gigantesco lobo branco a sua frente, com seus olhos brilhando tão rubros quanto o sangue, e a lua brilhando atrás
    dele, e toda a folhagem das arvores caira e se tornaram rubras, e você caira para trás e pela primeira vez em sua vida
    sentira medo, mas o que mais te assustara era o fato entre suas presas ele segurava uma coroa ensaguentada...
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 10510
    Reputação : 224
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    1º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Rascunho - Página 8 Empty Re: Rascunho

    Mensagem por Dycleal Dom maio 07, 2023 1:47 pm

    Como um sonho, em um piscar de olhos, eu não estava mais na torre do Marques e sim em um campo, no alto de um monte verdejante, e era belíssimo, tinha frondosas arvores e era até possível sentir a brisa de ar fresco batendo na sua pele e o cheiro das arvores... Mas algo no ar me incomodava e quando eu olho para baixo, uma visão terrível se mostra, um rio azul com suas águas correndo em alta velocidade, e em sua margem, estavam jogados, diversos corpos esbranquiçados e mais adiante dos corpos a pastagem estava rubra, manchada pelo sangue que escorria dos corpos, e ao me virar para trás, afim de fugir daquela visão tenebrosa, tinha um gigantesco lobo branco a minha frente, com seus olhos brilhando, tão rubros quanto o sangue, e a lua estava brilhando atrás dele, e toda a folhagem das arvores ali, tinham caído e se tornaram rubras no chão, e nesse momento eu caio para trás e pela primeira vez em minha vida eu sinto medo, mas o que mais me assusta, é o fato que entre suas presas, o lobo sinistro segura uma coroa ensanguentada...
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 10510
    Reputação : 224
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    1º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Rascunho - Página 8 Empty Re: Rascunho

    Mensagem por Dycleal Dom maio 07, 2023 6:01 pm

    Após minha fala ele, o marquês, se mantém inalterado, parecendo um ser de pedra e se levanta nos seus um metro e oitenta, mantendo o olhar intimidador, mas me mantenho firme e não recuou nem um milímetro sequer. Ele, percebendo isso me olha de cima para baixo e fala comigo como se eu fosse uma peça do mobiliário: - sois uma mulher forte Lady Chrystina, mas ainda é uma criança e não entende o que é reinar e muito menos o peso de uma coroa... E fala isso em tom sério e de censura e fecha seu veredito com a curta frase: - Mas creio que já me deste sua resposta... Ele se vira finalmente para mim e seu olhar é humilhante, pois ele me olha como se eu fosse uma criança e como se eu tivesse falado uma grande infantilidade. E me ignorando a partir daí, passa dar ordens para a criadagem e decidindo a minha própria ida ao baile, a minha revelia e é o server que lembra sobre a minha pessoa nestes planos, o que torna tudo pior, como se a minha presença fosse um acidente.

    Quando ele sai do quarto, [i]Como um sonho, em um piscar de olhos, eu não estava mais na torre do Marques e sim em um campo, no alto de um monte verdejante, e era belíssimo, tinha frondosas arvores e era até possível sentir a brisa de ar fresco batendo na sua pele e o cheiro das arvores... Mas algo no ar me incomodava e quando eu olho para baixo, uma visão terrível se mostra, um rio azul com suas águas correndo em alta velocidade, e em sua margem, estavam jogados, diversos corpos esbranquiçados e mais adiante dos corpos a pastagem estava rubra, manchada pelo sangue que escorria dos corpos, e ao me virar para trás, afim de fugir daquela visão tenebrosa, tinha um gigantesco lobo branco a minha frente, com seus olhos brilhando, tão rubros quanto o sangue, e a lua estava brilhando atrás dele, e toda a folhagem das arvores ali, tinham caído e se tornaram rubras no chão, e nesse momento eu caio para trás e pela primeira vez em minha vida eu sinto medo, mas o que mais me assusta, é o fato que entre suas presas, o lobo sinistro segura uma coroa ensanguentada.../i]

    A visão foi tão verdadeira, tão realista, que volto a mim com o toque suave do colchão da cama ,quando cai na visão, na verdade estava caindo na cama do marquês e ainda deitada ali, vejo a imagem se dissipar a minha frente. O sentimento de medo, que senti durante o final da visão, ainda está presente na minha respiração acelerada e aos poucos eu me controlo e volto a pensar naquilo que vi naquela vivencia premonitória e no seu significado e nisto eu passo um bom tempo. Até que volto o meu pensamento para aquela humilhação que passei do marquês, me infantilizando e me ignorando como se fosse uma coisa que não mais é útil... E olhando em volta, vejo que estou no seu quarto, com acesso as suas gavetas, na sua intimidade e devasso elas em busca dos seus segredos.

    E o que encontro é toda a historia sobre o seu passado, e que desde os seus 9 anos já tinha que agir como adulto, sobre a morte dos pais por conta de intrigas e conspirações na corte, sobre uma vida sem carinhos ou afetos seja por parte do pai ou da mãe, sobre que com 12 para 13 anos já tinha que ser um guerreiro e liderar seu povo no campo de batalha, como foi ser capturado e torturado, enfim, como a minha vida perto da dele foi um mar de rosas... Assim que me recupero deste baque, eu me ajoelho ao lado da cama e oro para o senhor Jesus, liberando os sentimentos da minha alma: - Senhor, tu que deste a tua vida para resgatar a humanidade, por amor, a cada um de nós, pecadores, perdoa está tua filha que julgou sem saber dos fatos, este teu filho... Não importa as maldades que ele cometeu, apenas tu o podes julgar, me dá o entendimento para que eu possa entende-lo e de alguma forma ajudar a diminuir sua dor e poder resgata-lo deste torvelinho de ódio que o consome e que ele possa me compreender e saber que posso ser alguém leal e em quem ele confie, mesmo sem ser a sua noiva, pois saber que quero a tua causa, dedicar a minha pureza e castidade. Me dê meu senhor a visão, a sabedoria e o entendimento, que minha juventude impedem de ainda obter... E permaneço em contrição com o altíssimo.
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 10510
    Reputação : 224
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    1º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Rascunho - Página 8 Empty Re: Rascunho

    Mensagem por Dycleal Dom maio 07, 2023 8:32 pm

    Nadhull "Hotparts"

    Rascunho - Página 8 Nadhul13

    DADOS PESSOAIS

    RAÇA: INCUBO
    CLASSE: Mago BladeSinger 6

    EXP 14.000


    Sexo: Masculino - Naturalidade: Dafodil - Deslocamento: 9 metros / 21 metros voo - Idiomas: Moloque, Esperanto, Tareno- Divindade devota: Anĝelina, Piro - Antecedente: Sábio

    Filiações: Cour des Miracles (Adora Piro, simpatia por Angelina)
    Spoiler:



    APARÊNCIA

    Idade: 22 - Altura: 1,88m - Peso: 76 kg - Olhos: Azul Safira - Cabelos: Loiros - Pele: Clara

    PVs: 48
    (8+4d8+4+1d10+10)

    ATRIBUTOVALORMOD
    FORÇA10+0
    DESTREZA16+3
    CONSTITUIÇÃO14+2
    INTELIGÊNCIA18+4
    SABEDORIA14+2
    CARISMA10+0
    Proficiência: +3
    CA: 15 (19)
    Ataques:
    Rapieira OP +07 (dano 1d8+3, perf.)
    Espada Curta OP  +07 (dano 1d6+3 perf.)
    Adaga +06 (dano 1d4+2, perf.)
    Arco Curto +06 (dano 1d6+2, perf.)

    Pericias: Acrobacia: 4, Adestrar Animais, Arcanismo 2, Atletismo, Atuação 4, Enganação 4, Furtividade 4, História 2, Intimidação, Intuição 4, Investigação, Medicina 4, Natureza, Percepção 4, Persuasão 4, Prestidigitação, Religião, Sobrevivência.

    Talentos: Proficiência em Perícias (História, Persuasão); Proficiência em Ferramentas (Equipamento de Alquimista); Especialização (Furtividade, Persuasão); Proficiência Adicional; Proficiência Adicional; Mobilidade;

    Habilidades Raça:
    Spoiler:
    Truques (Raciais): Chama Sagrada, Consertar, Luz

    Truques (Mago): Mãos Mágicas, Toque Arrepiante

    Magias (Racias): Repreensão Infernal

    Magias (Mago): Bruxaria, Repreensão Infernal

    Dinheiro: 542Ж; Itens: Equipamentos de alquimia e mini-laboratório alquímico, Rapieira, espada curta, espada longa mágica e com runas antigas (ele não a usa em lutas, é uma relíquia)Arco Curto, Flechas x20, armadura de Couro Batido, Adaga x2, Joia que ganho da mestra Velora direto do seu tesouro  (valor aproximado 500 PO, porém o valor sentimental é maior), Joias entregues pela Cour des Miracles de valor ainda não avaliado, trajes finos, roupas de frio, cobertor de frio (02), um anel mágico e com inscrição em runas, de poder ainda não detectado, insígnias de avanço nos estudos dadas pelos seus mestres, um pergaminho do mestre Gaspar e uma algibeira contendo 25 PO.

    Dados da Personagem:
    Spoiler:
    Breve Histórico:
    Spoiler:
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 10510
    Reputação : 224
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    1º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Rascunho - Página 8 Empty Re: Rascunho

    Mensagem por Dycleal Seg maio 08, 2023 9:25 am

    Nome do Personagem: Ayla Liu
    Dobra: Ar
    Conceito: Guardião
    Background: Monástico
    Artefato: Escama de Tartaruga-Leão

    Ayla Liu:

    FOR: 14
    DEX: 17
    CON: 13
    SAB: 15
    INT: 10
    CAR: 09

    HP: 08

    AV: +1 (todos começam com trajes comuns, isso aqui é a armour value)

    Habilidades:

    Tiptoes:
    Ligeiro:
    Lufada:

    Histórico:
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 10510
    Reputação : 224
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    1º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Rascunho - Página 8 Empty Re: Rascunho

    Mensagem por Dycleal Sex maio 12, 2023 7:49 pm

    Bom a todos os jogadores vocês foram para o proximo nivel
    Ganhando 1 ponto de atributo, 1 PV, Pontos Heroicos conforme o Kit
    Alem de 25pts de Pericia (Angmar, Chrystina e Sophie) e 10 pts (Maria Agnes e Nemue)
    Aos usuarios de magia, para aqueles que usam Pontos de Fé, 1 Ponto de Fé
    ja os usuarios de Poderes Magicos, 1 Ponto de Magia
    E no caso de ambos, um ponto em cada
    Para os seres sobrenaturais (Angmar, Nemue, Sophie e Chrystina) 1 ponto de Poder adicional
    No caso da @Izanami ela vai ganhar 2 Pontos de Magia em vez de 1, além do concedido pelo de Fé
    Como todos estão nivel 2 todos ganham 1 ponto de aprimoramento, escolham com sabedoria
    Me avisem o que vocês vão querer aumentar para que eu possa ajustar as fichas
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 10510
    Reputação : 224
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    1º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Rascunho - Página 8 Empty Re: Rascunho

    Mensagem por Dycleal Sáb maio 13, 2023 8:14 am

    Perfeito: Era essa a minha dúvida: No pátio, na hora de dividir os passageiros, eu digo que quero ir a sós, com ele, pois gostaria de conversar em particular. É isso?

    Isso, ai ele vai te convidar para ir na mesma carruagem que ele... ^^
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 10510
    Reputação : 224
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    1º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Rascunho - Página 8 Empty Re: Rascunho

    Mensagem por Dycleal Sáb maio 13, 2023 8:21 am

    Bom você pode conversar com ele e tentar dissuadir ele de alguma forma em um dialogo aberto
    Se o dialogo e os argumentos forem MUITO BONS ou você fazer alguma proposta que ele não tenha como recusar
    Mas lembre ele no momento não te ve nem como mulher e sim como uma criança tola que não
    entende o significado e o peso de uma coroa, se fosse em Game of Thrones seria a mesma forma que a Cersei
    trata o irmão Tyrion, com a diferença que ele é obrigado a te respeitar por ser prima do Rei
    E antecipando mesmo que você comprasse alguma pericia como Sedução ou Lábia, ainda seria um teste dificil =/
    Tem uma opção mas seria complicado, exigiria sorte e você gastar seu ponto de aprimoramento
    Mas ai é com você ^^

    -----x-------x--------------x-------------x--------------x------------x------------x-------------x------------x--------------x-----------x--------------x-----------x---------x

    Você falou de uma opção sobre ter sorte e gastar um ponto de aprimoramento.
    Como funciona esse artifício e entendi que para você propor esse artifício, seria importante eu demover ele da birra em que ele está comigo?
    Bom ponto de Aprimoramento seria para melhorar suas capacidades sociais se você tiver interesse, mas tambem serve para outras coisas
    como ampliar seus poderes magicos, talvez ter sua tutora masi proxima a você de novo para te auxiliar mais, conseguir um aliado mais presente,
    talvez um certo grau de influencia na Igreja, enfim as possibilidades são vastas, mas cabe a você escolher o que seria mais importante ^^

    Qual a importância de Chrystina mudar a visão que ele tem dela?
    Seria mais uma opção particular dela, se para a Chrystina é importante ter laços com o Marques ou não, lembrando que a posição que ele
    ocupa no reino do seu primo é equivalente a do seu pai
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 10510
    Reputação : 224
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    1º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Rascunho - Página 8 Empty Re: Rascunho

    Mensagem por Dycleal Sáb maio 13, 2023 4:39 pm

    Fiquei no quarto meditando sobre o que vira nos escritos do marquês e vi que tínhamos mais em comum do que pensava e decidi que precisava falar com ele mais uma vez e derramar os sentimentos da minha alma em seus ouvidos e quando os servos me chamaram para embarcar na carruagem, aproveitei a oportunidade no pátio, e falei para o nobre Marquês, que queria ir com ele na carruagem para ter uma conversa privada. Quando ficamos a sós, dentro da carruagem, eu lhe revelo: -  Mesmo tu me achando infantil após aquela minha fala anterior, eu reagi a tua fala de forma madura. Reagi com o desejo de conhecê-lo melhor e compreender os motivos que o levaram a tais atitudes que tomasses e estava bem ali, no quarto, lembrei que aquele quarto era o teu quarto e não o meu e que deveriam haver documentos que me revelassem sobre a tua vida pregressa, e que me fariam entender acerca dos teus atos e a motivação da tua reação e procurei por papéis que falassem do teu passado e vi que aos 9 anos teve que se comportar como adulto e que seus pais foram assassinados em virtude das intrigas, conspirações e traições da corte, vi também que aos 12 para 13 anos, teve que ser um guerreiro Valente e lutar e liderar o seu povo, eu li também que foi capturado e torturado, conforme o seu corpo me mostrou enquanto estava com o torso nu, realmente a sua vida não foi um mar de rosas...

    Então eu vi que realmente tínhamos muito mais em comum, do que eu imaginava, pois aos dois anos, vi minha mãe ser trancafiada em uma torre, porque contraíra a peste, e ser condenada à um confinamento cruel por um tio, clérigo e parente próximo, e nada daquilo eu entendia e ao brincar em um corredor que me era proibido eu vi minha própria mãe morta, já em estado de decomposição na sua célula mortuária. Esta visão me assombra os meus sonhos em forma de pesadelo até hoje. Meu pai que amava imensamente a minha mãe, não pode fazer nada e não casou de novo, apenas se apegou a mim, com extrema dedicação e me levava para o campo de batalha, para poder ter alguém que ele amava perto de si e me ensinou a lutar pela minha própria segurança e eu agradeço a ele, a cada dia que respiro, por isso. Eu tive que viver os horrores da guerra, ver a morte de perto por várias vezes e procurar o meu pai e só sossegar, ao vê-lo vivo. Mas sabendo me defender e atacar muito bem, sobrevivi até aqui e quando meu pai se feriu nesta última batalha, fui eu que liderei as suas tropas, para o nosso acampamento as margens do Mediterrâneo, próximo da fronteira da França com a Espanha. Novamente sozinha, segui até Barcelona para supervisionar as obras da catedral as quais meu pai tinha doado uma boa porção de libras. Temos muito mais em comum do que você pensa, entenda isto.

    Quanto a minha fala, tu me entendestes muito mal, provavelmente, também não devo ter me expressado com clareza, mas aqui vai a real, eu não queria dizer que eu ia reinar e botar você como um soldado, era apenas um exemplo das muitas formas de trabalharmos concatenados e unos de propósito! O que eu buscava era saber qual o seu grau de comprometimento em me amar, como a sua futura esposa e o grau de participação e até mesmo o quanto de protagonismo que tu me darias ao vivermos os nossos sonhos, propósitos e lutas lado a lado. Quando falei em ser rainha e que você seria o meu campeão era apenas uma das muitas possibilidades, você pode ser o rei e sentar no seu trono sem problemas é seu por direito, porque você é homem, e vivemos em um mundo dominado por homens, mas eu posso ser a rainha diplomata, a sua emissária, antes de você semear o caos, eu seria aquela que iria aos reinos conquistar novos territórios pela palavra e astúcia.

    São muitas as possibilidades de parceria que podemos formatar juntos, para conquistar nossos objetivos. O que eu lhe peço é que me dê oportunidade de protagonismo, não quero ser apenas uma esposa que fica costurando em uma torre isolada. Sei que sou jovem, muito jovem, até... Mas não sou infantil! Também reconheço que tu és muito poderoso e que tem muitas capacidades e habilidades que ainda desconheço, mas deduzo. Dissestes que não me queres como noiva, mas peço que me queira pelo menos como sua discípula, embora pessoalmente não quero que me descartes como noiva, pois eu desejo que você seja o meu tutor e me ensine a tornar-me uma pessoa poderosa como você é, e então, poder lhe ajudar como parceira e amiga, pois entendo que você cresceu tendo que desconfiar de todos, pois crescestes sem pai e sem mãe e sem o seu carinho e sem o amor deles, e sei o que é não ter tido o amor da minha mãe e posso compreender o que essa condição pode fazer com alguém... Tivestes que confiar apenas em ti, isso é muito duro, durante a nossa convivência de noiva e discípula, saberás que podes confiar em mim e nos meus sentimentos, pois aprenderás que são verdadeiros e quero ser aquela em quem tu podes confiar e no cansaço final das batalhas, que tu possas repousar a tua cabeça em meu colo e saber que estás coberto de segurança e amor e restaurar, o vigor e força da tua alma, é isto que te proponho, o que me dizes?
    E espero a sua resposta, olhando firme, olhando diretamente nos seus olhos, sem nem piscar.
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 10510
    Reputação : 224
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    1º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Rascunho - Página 8 Empty Re: Rascunho

    Mensagem por Dycleal Qua maio 17, 2023 10:25 pm

    vamos a ajuda com a evolução ^^

    Você quer focar em melhorar seus poderes e habilidades magicas ou prefere desenvolver suas habilidades sociais, tambem tem a opção de um reencontro com sua mestra ou adotar alguem
    como um mentor se quiser, nesse caso por a pessoa não te ensinar a usar habilidades sobrenaturais,
    ele pode te ensinar mais pericias 4 em vez de 2, isso seria para os aprimoramentos

    Sua personagem é meio anjo, então ela vai receber um ponto de poder extra que pode ser usado para
    aumentar uma caracteristica ou ganhar alguma outra habilidade, no caso se a escolha for aumento
    de atributo, você pode direcionar esse ponto para o atributo em questão, o que daria um aumento
    de mais +4 o que seria bastante significativo

    Quanto as pericias de combate, não ha necessidade de aumentar pois automaticamente elas sobem
    de nivel conforme você selecionou o aprimoramento expert em combate corporal

    Quanto aos pontos de pericia bom aqui temos algum trabalho, primeiro você precisa elevar seu
    valor de Rituais para conseguir usar magias de 4 nivel, no momento com seu conhecimento o maximo
    que você consegue é 3 nivel, tambem tem a questão da Etiqueta, mas se você aumentar o Carisma
    talvez não precise tanto, uma pericia que seria util para você determina as reais intenções das
    pessoas seria Empatia, com um tutor ou mentor poderia elevar ela a valores bem elevados o que
    te ajudaria muito, principalmente a não ser manipulada, você é uma nobre de renome então se
    prepare para testes e mais testes de Sedução e Labia, a menos que você fique sem chamar a atenção

    Alem disso você ganhou mais um ponto de focus, se você optar por aumentar seus poderes, seria
    possivel aumentar o valor em todas as formas, o que ajuda, pois você ja começaria qualquer outro
    caminho com um valor relativamente mais elevado, porem você pode aumentar algum outro caminho
    que você tenha interesse ou mesmo uma forma, os focus são limitados a 4 a menos que você tenha o
    aprimoramento Arquimago/Hierofante ou um tutor com caminhos elevados a esse ponto para te
    ensinar

    Essa são algumas coisas para fazer você pensar e avaliar o que seria prioridade para ela e
    a evolução e o caminho que ela ira seguir

    -------x---------x------------x---------------x--------------x---------------x------------x-------------x----------------x--------------x

    Esse trio, espiritum, ar e luz aumentariam de nível e um aumentar o valor de rituais fechava a conta correto?
    Sim Rituais envolvendo Luz e Spiritum podem gerar efeitos poderoso contra seres das trevas (demonios e M/V),
    dependendo das formas que você escolher vai ficar extremamente poderosa, entenda nem todos os rituais dependem
    de todas as formas, as vezes, uma ou duas formas bastam, mas se você quiser se torna mais versatil ai é uma
    escolha pessoal sua ^^
    Além disso Ar e Luz permite ter acesso a magias de eletricidade, alem de torna as ilusões mais eficientes, quanto as
    formas eu iria sugerir controlar e criar, controlar teria mais foco em ilusões, invisibilidade, silencio, e algumas magias
    ofensivas, ja criar é mais para efeitos destrutivos, e entender seria para a sutilezas da magia

    O tutor melhor seria o marquês ou minha antiga professora maga?
    Depende, qual seu foco magia ou habilidades sociais, se for habilidades sociais, David o Marques é imbativel, afinal
    ele tambem teve um tutor nessa area que o ajudou a ser o estrategista politico que ele é hoje, ja quanto o assunto é
    magia sua antiga mestra pode te surpreender, o maximo que ela pode te ensinar em termos de manipulação seria
    sedução e empatia apenas, porem não seria em niveis tão elevadas quanto as do Marques...

    as visões afunilam para aceitar ser a mulher dele e perder a liberdade?
    Bom quanto a essa perca de liberdade, é mais uma questão de ponto de vista, mas sim você tera algumas restrições...

    Ou seguir meu caminho por conta e risco, com ênfase no risco?
    Sim e é RISCO com todas as letras em maiusculo =)

    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Dycleal
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 10510
    Reputação : 224
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    1º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Rascunho - Página 8 Empty Re: Rascunho

    Mensagem por Dycleal Sex maio 19, 2023 2:13 am

    Vai me dar esse conjunto de chaves, ou é de proposito eu jogar no escuro?
    Agora eu vou te dar a chave, no caso você vai precisar de um baralho que sera sua chave
    e você tera direito a 3 perguntas por visão e as respostas serão, sim, não ou irrelevante

    Eu gosto quando os personagens exploram seus personagens e buscam interpretar melhor
    e quanto mais a fundo eles vão mais "beneficios" eu dou e como você pesquisou sobre o que
    é uma sibila, agora lhe dou sua chave xD
    Conteúdo patrocinado


    Rascunho - Página 8 Empty Re: Rascunho

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Dom Abr 21, 2024 8:01 am