Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    A Trupe Desocupados

    Compartilhe
    Lyvio
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 6982
    Reputação : 13
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    Re: A Trupe Desocupados

    Mensagem por Lyvio em Seg Out 03, 2016 12:56 pm

    Bonzor estava tão empolgado que acabou "Esquecendo" Freyja, ele então arregala os olhos olhando para a multidão então cerra-os tentando focar nos locais que ele procurava com os olhos, o palhaço olhava de um lado pra outro sem pressa e com cuidado e atenção, mas nem sinal de sua amiga.

    -Estranho, a Freyja não é o tipo de pessoas discreta que desaparece em uma multidão não...

    Dizia ele com leve ar de preocupação.

    -Bela, faça com que o Zion procure a Freyja nos arredores, ela pode estar por perto, eu vou levar as armas para o anão ferreiro e deixar com ele para ele dar uma renovada nelas, assim como ele prometeu, vou aproveitar e saber preços de armas dentre outras coisas. Vocês poderiam ir adiantando e arrumando nosso palco.

    Vou aproveitar e buscar pela Freyja no Caminho.

    Ele vira-se para Radin e lhe fala:

    -Radin, você poderia ficar por aqui com as meninas um pouco? Pelo Menos até que eu volte?

    Bonzor não confiava nele, mas preferia mantê-lo por perto, ele sabia da capacidade de Shilla e Bella, caso ele tentasse algo as meninas poderiam dar conta dele, julgava o palhaço. Além disso, tinha a Freyja ainda para ser encontrada.

    Então ele dá outra sugestão:

    -Ou vocês preferem que arrumemos o palco e partamos juntos até o ferreiro?
    Pallando
    Troubleshooter
    avatar
    Troubleshooter

    Mensagens : 895
    Reputação : 21

    Re: A Trupe Desocupados

    Mensagem por Pallando em Qui Out 06, 2016 1:18 pm

    Olhos mais uma vez no chão. Radin quase sentia-se preocupado com aquilo, imaginando que talvez ela tivesse tido o maldito azar de ser reconhecida ou algo do tipo, mesmo realmente não parecendo ser o caso. Não havia conseguido nenhuma pista com as mulheres da trupe, ambas pareciam ser simples artistas encantadas com a garotinha que viram cantar.

    Daphnne falou entre intervalos, nervosa e hesitante em encarar o meio-elfo nos olhos, mas o envolvimento das mulheres da trupe ficou claro logo no inicio da fala. O que diabos teriam dito à menina? ele se perguntava, incapaz de evitar um muito breve olhar para as duas da trupe como se quisesse fazer a pergunta diretamente para elas.
    Quando a pequena continuou, inicialmente entre pausas e apressada no fim, Radin ficou surpreso de imediato. Positivamente surpreso. Deixou escapar um riso abafado e tratou de sorrir para acabar com a tensão da garota o mais rápido possível, respondendo-lhe mais uma vez com seu semblante amigável.

    Era aquela atitude, a simples bondade genuína que o encantava, pois Radin não era um individuo complicado; era só um andarilho frustrado com o mundo tentando evitar a mesma frustração por parte de Daphnne, talvez na esperança de mudar algo para si mesmo também.

    E Radin sentiu-se grato com aquilo.

    - Não hesite. Você não me deve nada.- Deu o "sermão" ainda rindo discretamente da própria paranoia por ter pensando que ouviria algo mais grave. Pensou brevemente e, mesmo que obviamente não fosse impedi-la, precisava saber mais sobre a trupe antes de deixa-la com eles.- Obrigado.- Disse e fez mais uma pausa antes de prosseguir para a resposta.- Posso acompanha-los por algum tempo, se quiser.

    Alguns momentos depois a dispersão da multidão chamou-lhe a atenção para os guardas que começavam a chegar. Sentiu uma pontada de medo e nervosismo quando percebeu que já se tratava do leilão, ficando alheio ao mundo por alguns instantes de uma desesperada busca por soluções rápidas para a situação. Daphnne não deveria estar ali naquele momento.

    Olhou para a trupe e percebeu a preocupação que tinham com o desaparecimento de um de seus membros. Sentiu a pressão aumentar com o surgimento do novo problema, pois agora não poderia simplesmente dar as costas para a trupe, visto que Daphnne queria seguir com eles.

    Ouviu o pedido de Bonzor e imediatamente tentou achar um meio de tirar a garota dali e ajudar a trupe ao mesmo tempo. Não confiava muito em nenhum deles, mas encontrava-se sem opções.

    - Acho que a procura seria mais eficiente se uma das duas fizesse a busca, Bella ou Shilla, e de preferência acompanhada por Daphnne.- Deu a ideia assim que Bonzor expressou sua segunda sugestão. Seus olhos buscavam algo de errado ao redor do palco como se o meio-elfo estivesse cercado de inimigos.- Enquanto vai ao ferreiro, posso ficar aqui e ajudar aquela que ficar na proteção do que deixarem para trás ou simplesmente para marcar ponto. Não quero que a pequena fique para o leilão.
    Lyvio
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 6982
    Reputação : 13
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    Re: A Trupe Desocupados

    Mensagem por Lyvio em Qui Out 06, 2016 1:47 pm

    Bonzor sorri com a aceitação por parte de Radin a seu pedido, então ajusta as armas nos seus braços e segue até o ferreiro, mas não antes de interromper seu sorriso com ar de preocupado quanto a sua amiga, ele mais uma vez olha de um lado para o outro em busca da moça, mas sem muito sucesso ao que parecia, no entanto uma esperança de encontra-la no caminho até o ferreiro lhe dava um pouco mais de uma leve alegria.

    Então com a concordância de Radin ele aguardava a opinião das meninas quanto a sua sugestão.
    Elminster Aumar
    Administrador
    avatar
    Administrador

    Mensagens : 7835
    Reputação : 33
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

    Re: A Trupe Desocupados

    Mensagem por Elminster Aumar em Sab Out 08, 2016 12:01 am

    Bella quase não sentiu a cotovelada que sua amiga lhe dera pra chamar a atenção, pois a conversa estava se voltando em caminhos perigosos. Antes que a garota pudesse pensar num jeito de interferir, o meio-elfo praticamente se convidara a andar junto com a trupe. Bella mordeu os lábios e olhou para Bonzor, como querendo dizer que não tinha culpa daquilo.

    - Minha intenção era só chamar a...

    Sua fala foi interrompida pelo comentário de Shilla, a respeito da Freyja. A guerreira estava sumida há um bom tempo e aquilo era preocupante, visto que fora deixada para investigar possíveis criminosos. Será que viram o que ela tava fazendo e a raptaram? Naquele momento passavam os piores pensamentos na cabeça de Bella. Ela ouve as palavras de Bonzor e lhe dá uma dura.

    - Bonzor, temos que encontrar Freyja. Deixe suas armas para depois! Ela pode ter se perdido e estar metida em algum apuro, já que ela não conhece a cidade. - Bella não queria falar na frente de Rádin as suas reais preocupações. - O Zion não será o suficiente para essa busca. Eu vou sair perguntando para as pessoas se alguém a viu. Não deve haver muitas mulheres portando armas e armaduras nessa cidade... Quem vem comigo?
    Lyvio
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 6982
    Reputação : 13
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    Re: A Trupe Desocupados

    Mensagem por Lyvio em Sab Out 08, 2016 5:38 pm

    Bonzor suspira com os comentários de bela e completa:

    -Claro que vou perguntar as pessoas sobre enquanto vou até o ferreiro, além disso ele é ferreiro deve ser conhecido na cidade e muitas pessoas conversam com ele, ele pode ter alguma informação útil, estou fazendo duas coisas de uma vez só. Fique calma, Bela, a Freyja é forte o suficiente.


    O palhaço então segue seu caminho até o ferreiro e no caminho pergunta as pessoas sobre Freyja.
    Aythusa
    Antediluviano
    avatar
    Antediluviano

    Mensagens : 4216
    Reputação : 2

    Re: A Trupe Desocupados

    Mensagem por Aythusa em Ter Out 11, 2016 8:09 pm

    Radin se mostrou surpreso e até alegre perante a possibilidade de Daphnne se juntar com a Trupe. Daphnne pareceu um pouco apreensiva enquanto ele dizia, entre um ou outro sorriso. Queria ele se livrar dela, aceitando tao rápido a possibilidade? Será que ela o chateara de alguma forma que não percebeu?
    “Talvez ele tivesse ficado nervoso com a aposta que eu fiz com ele… Talvez… ele não quisesse lutar com o palhaço e eu o obriguei...” pensava a menina, cedendo um pouco os pensamentos aos seu fantasmas interiores enquanto o meio-elfo falava pausadamente com ela.

    Ela olha para a trupe e, rapidamente, pensa se não seria um estorvo para eles também… Enquanto se afogava em falsos preságios ouviu Radin se oferecer para ir junto com ela com a trupe, por um tempo.

    Foi como se um sol aparecesse e afugentasse todas as nuvens tempestuosas que a cercavam em seus pensamentos sombrios. Rapidamente tudo foi dispersado, afastado de uma forma tão firme e positiva que simplesmente  pareceu uma grande bobeira tudo o que ela pensou antes.

    Abraçou a cintura do meio elfo, contente demais para falar alguma coisa. Apertava-o com toda a sua força, mas ele mal sentia o seu abraço… Era tão pequena, fraca e frágil que toda a sua força sequer fazia suas roupas amarrotarem-se.

    - Ficarei muito feliz de viajar com todos os meus novos amigos, senhor Radin! Venha conosco!

    Mas antes que pudesse falar disso com Bella e com Shilla, dizer-lhes que iriam todos juntos para novas aventuras, e que tudo ficaria bem novamente, ela percebeu o olhar de Bonzor pelo publico, como se procurassem por alguém. Todos pareciam muito preocupados de repente.

    Foi quando Radin entrou na conversa… “Não quero que a pequena fique para o leilão”. Por quê? Ela já escapara deles uma vez quando não tinha tantos amigos, certamente não seria difícil escapar de novo se eles a pegassem… Mas ela não conseguiu dizer nada.
    “Papai sempre dizia que quando os adultos conversam não podemos falar junto”, recordou a menina, optando por ficar quieta e perto de Radin enquanto eles conversavam.

    ~*~

    Depois de deliberarem sobre o assunto eles se dividiram.

    Bonzor foi sozinho a caminho do ferreiro procurando indicações sobre a sua amiga, mas ninguém pareceu ter visto Freyja para aquele lado da cidade.
    Ele caminhava rápido, cada vez mais preocupado com a amiga… Sabia que ela era suficientemente forte para se virar sozinha, mas o fato de não ter nenhuma pista até o momento em que chegou ao ferreiro lhe incomodava…

    Chegando lá, o anão que o convidou após a apresentação, estava muito nervoso com alguma coisa… golpeava mais que era necessário o que parecia ser o cabo de um martelo, mas estava ficando tão desfigurado com os golpes excessivamente fortes do anão que certamente era um trabalho perdido.

    Ele sequer percebeu a presença de Bonzor, mesmo o palhaço sempre chamando mais atenção do que pretendesse com a sua fantasia exuberante.

    ~*~

    Shilla mandou Zion patrulhar os céus em busca de Freyja na área em volta do palco da trupe. Ela ficaria alí arrumando as coisas para a apresentação daquela noite e guardando as caravanas da trupe.
    Ela não queria que Daphnne fosse com nenhum dos outros, já que tudo poderia ficar mais perigoso se realmente encontrassem com aqueles homens ou se Freyja estivesse ferida ou coisa pior…

    Shilla então se ofereceu para tomar conta de Daphnne enquanto todos patrulhavam a cidade em busca de Freyja ou de uma pista.
    A menina se animou muito em poder ir ficar com ela e conhecer os bastidores de um espetáculo. Embora eles ficassem com uma visão privilegiada do Leilão, Shilla garantiu à Radin que ficariam fora de vista, arrumando e limpando coisas dentro das caravanas ao invés de ficarem no palco.

    Radin se convenceu de que deveria confiar na feiticeira e cedeu.

    ~*~

    Restaram Bella e Radin para saírem em busca de Freyja juntos.
    Para as primeiras pessoas que Bella perguntou sobre a amiga, ninguém soube nada sobre ela. A menina caminhava com um panfleto da trupe, onde tinha uma pintura da amiga – assim como do restante da trupe – mostrando à todos que conseguia alcançar.
    Lyvio
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 6982
    Reputação : 13
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    Re: A Trupe Desocupados

    Mensagem por Lyvio em Sex Out 14, 2016 7:30 am

    Bonzor chega até o anão ainda vasculhando a seu redor com o olhar, mas o anão acaba chamando mais atenção ainda com o que parecia ser sua ira. Ele estava visivelmente nervoso e irritado.

    -Senhor ferreiro!? Desculpe me intrometer, mas...Mesmo entendendo quase nada de forja, percebo que o senhor não está forjando armas aí...está tudo bem? Posso ajudar em Algo?

    Bonzor estranhava o comportamento do anão e já vislumbrava mais problemas.
    Pallando
    Troubleshooter
    avatar
    Troubleshooter

    Mensagens : 895
    Reputação : 21

    Re: A Trupe Desocupados

    Mensagem por Pallando em Ter Out 18, 2016 10:31 am

    Se internamente observados, a trupe não parecia ser um grupo muito organizado. Ao menos era o que Radin, meio-elfo enxerido, constatava com base na demora para a tomada de decisão e principalmente pelo sumiço de um dos membros. Mas apesar da aparente "desordem", que também poderia ser explicada pelo susto do desaparecimento, eram claramente conhecidos de longa data uns dos outros.

    Radin não gostara muito da decisão final, que mantinha Daphnne tão próxima do maldito leilão, mas não voltou a protestar. Quanto antes encontrasse a tal Freyja, melhor, pois começava a sentir-se como se aquela cidade sempre encontrasse uma maneira de prolongar sua estadia naquela região.

    Então, sem mais perder tempo, seguiu com uma das novas amigas de Daphnne, Bella. Ela, diferente da aparentemente divertida Shilla, mantivera uma postura um tanto distante, indiferente até então, o que Radin tendia a considerar como efeito do cansaço pós-show ou natural preocupação. Talvez a moça simplesmente não gostasse de estranhos, pensou.

    Bella carregava um panfleto da trupe, onde também havia uma pintura de Freyja para ajudar na identificação, e seguia mostrando o pedaço de papel para qualquer um com quem conseguisse falar. Enquanto ela cuidava disso, visto que era aquela que portava o panfleto, Radin pensava em um modo de ajudar com maior eficiência.

    - Onde disseram que a viram pela última vez?- Perguntou como se não fosse nada, evitando atrapalha-la enquanto poderia estar ocupada mostrando o panfleto para mais alguém.- Acho que nenhum de nós dois conhece muito bem a cidade, mas se puder nos levar de volta ao último lugar onde ela esteve, se considerar isso relevante, talvez nossas chances de encontrar alguém que a viu aumentem.

    Elminster Aumar
    Administrador
    avatar
    Administrador

    Mensagens : 7835
    Reputação : 33
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

    Re: A Trupe Desocupados

    Mensagem por Elminster Aumar em Qua Out 19, 2016 8:42 pm

    - Por favor, moço, o senhor viu alguma menina parecida com a dessa pintura? E você, senhora, será que pode me ajudar?

    Bella não se cansava de perguntar para todos que via pela frente, até mesmo para crianças ou idosos. Rádin a estava acompanhando de perto. Shilla, você me paga por isso. E se ele me matar? Ou pior, me sequestrar? A garota ainda não confiava no meio-elfo, por mais que ele tenha parecido uma boa pessoa perto de Daphnee, poderia ser tudo fingimento. Ele tava acompanhando daqueles homens suspeitos, Bella não parava de pensar nisso.

    A garota estava pensando tanto em seus medos e receios que até se assustou quando ouviu Rádin falar com ela.

    - Ah... eu... quer dizer... nós a vimos por último perto de uma tenda - dizia ela, tentando recuperar a compostura. Ela passou a mão pelos seus cabelos, alisando-o. - Sim, você está certo, temos que ir para lá primeiro. - De repente, uma ideia lhe ocorreu. - Não é como se Freyja não soubesse se cuidar sozinha, viu? Ela é uma grande guerreira, forte, ousada e destemida, eu tenho até pena de quem possa ter tentado fazer algo de ruim a ela. Eu com certeza não ia querer ter ela como inimiga.

    Ela exaltava exageradamente a sua amiga para Rádin, talvez até como um mecanismo de defesa. O meio-elfo pensaria duas vezes agora em fazer algo com ela própria, sabendo da força que sua amiga tinha. Bella se virou de costas e se permitiu sorrir escondido de Rádin enquanto se encaminhava para o último local que Freyja deveria ter estado.
    Aythusa
    Antediluviano
    avatar
    Antediluviano

    Mensagens : 4216
    Reputação : 2

    Re: A Trupe Desocupados

    Mensagem por Aythusa em Qui Out 20, 2016 4:03 am

    No ferreiro, Bonzor tenta entender o nervoso do anão perguntando-lhe qual era o problema.

    O anão ergue seu rosto suado olhando Bonzor como se o visse pela primeira vez, com o martelo na mão erguida acima da cabeça com o próximo golpe sem conclusão. Ele olha o homem com as roupas espalhafatosas da apresentação e, com o cenho franzido, ele funga fortemente enquanto joga o pedaço de aço - que deveria ser o punho de um martelo - dentro de um balde de água fazendo com que o metal silvasse em contato com a água fria e o vapor subisse, protestante.

    - Ajudar?! Ora, poderia ter dado uma surra de verdade naquela criança mimada que enfrentou! - bufava o anão pegando um pedaço de pano sujo e enxugando o suor de sua testa enquanto falava - Aquele cretino, imbecil e burro se demitiu! Aquele imprestável,, inútil....

    Resmungava o anão, visivelmente alterado. Ele olha as armas que Bonzor carregava para que ele as consertasse, conforme ofertado anteriormente, e balança a cabeça enquanto continua falando, sem fazer esforço para controlar sua raiva.

    - Eu sempre soube que criar um humano para a ferroaria era um erro! Queria um anão, mas a maioria dos jovens querem se meter no exército... Mas não imaginava que aquele vagabundo poderia me roubar!!!

    Ele se aproximou de Bonzor e, sem perceber a brutalidade e falta de educação, tomou as armas da mão do palhaço e as jogou sobre uma mesa de medeira ali perto.

    ~*~

    Bella seguia perguntando incansavelmente sobre Freyja para todos os que encontrava pelo caminho, porém não obteve sucesso em nenhum ponto próximo do palco. Talvez a amiga não tivesse sumido realmente aonde estava concentrado a maior parte das pessoas... Mas como isso poderia ter acontecido se ela havia se juntado à eles na volta daquele porão debaixo do palco? Teria ela querido investigar algo sozinha enquanto Bonzor lutava com Radin e Bella conversava com a Daphnne? Mas por quê ela teria feito isso sem avisar ninguém? Simplesmente não fazia sentido...

    Os pensamentos de Bella eram irrefreáveis. Ela não perdia tempo em fazer várias coisas ao mesmo tempo: percorria o caminho questionando todos os que encontravam, sem tirar os olhos do ambiente e, principalmente, mantendo o meio-elfo em acirrada observação...

    Já Radin não percebera a desconfiança dela com ele. Simplesmente atribuiu ao comportamento dela como cansaço e preocupação.
    Ele mesmo estava ansioso para resolver tudo rapidamente e retornar para junto de Daphnne. Então, após sugerir que fossem para o último lugar que a menina viu sua amiga - sem ser no meio da plateia que assistia à trupe, pois já percorreram todos os lugares por alí - ouviu o que Bella tinha a dizer sobre a sua amiga.

    Isso era estranho. Teria ela realmente desaparecido com tantos talentos como a menina recitava ou teria ela apenas se afastado para comprar alguma coisa ou entrado em uma loja?

    De acordo em irem até o lugar em que encontraram Freyja antes, os dois seguiram até uma tenda relativamente próxima do palco, que agora estava cercada de guardas da cidade que haviam se amontoado ali para o espetáculo.

    Radin começou a andar ao redor do palco casualmente enquanto Bella perguntava para os guardas se eles haviam visto a menina. Após questionar uns três guardas ela viu por entre o vão que fazia o braço do soldado com quem conversava, um pedaço de madeira com uma mancha vermelha que lembrava sangue. A madeira estava bem perto do palco e talvez por isso ninguém havia percebido ela antes.

    Já Radin estava contornando o palco quando viu, no chão, o que parecia ser um remexido estranho na terra ali. Com os olhos acostumados em rastrear devido ao tempo que passava nas florestas e outros lugares, o meio-elfo reparou que aquele remexido de terra era comumente visto quando algo era arrastado para algum lugar. Nesse caso, algo particularmente pesado. O rastro levava até o vão entre duas casas que tinha a uns 10 metros dali.
    Lyvio
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 6982
    Reputação : 13
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    Re: A Trupe Desocupados

    Mensagem por Lyvio em Sab Out 22, 2016 11:05 am

    Bonzor fica sem jeito pela ignorância que o anão pegou suas armas, mas entende que além de anões serem assim, ele estava muito irritado pelo garoto ter abandonado a ferraria. O palhaço então o indaga colocando a mão no bolso e tirando uma pintura da Freyja:

    -O senhor viu essa minha amiga por aqui, ou ouviu falar dela por alguém, ou alguém com essas características? Ela é minha amiga e desapareceu repentinamente, estamos preocupados.

    O palhaço parecia ansioso pela resposta do anão.
    Pallando
    Troubleshooter
    avatar
    Troubleshooter

    Mensagens : 895
    Reputação : 21

    Re: A Trupe Desocupados

    Mensagem por Pallando em Sab Out 22, 2016 7:36 pm

    Bella parecera distante, um pouco atrapalhada para responder-lhe a principio, reforçando a ideia de que seu comportamento indiferente devia-se à preocupação que sentia. Respondeu-lhe em comum acordo e não deixou de enaltecer sua amiga desaparecida, revelando que tratava-se de uma guerreira admirável. Radin simplesmente concordou, acreditando no que a mulher falava sobre a amiga mesmo estranhando que tal guerreira formidável tenha desaparecido sem mais nem menos, mas não comentou nada.

    Seguiu com a mulher da trupe até uma tenda não muito distante, próxima do palco e cercada por guardas da cidade devido ao espetáculo, e então separaram-se temporariamente, sem distanciarem-se muito um do outro. Bella foi até os guardas para fazer as mesmas perguntas que fizera à todos que havia encontrado antes, enquanto Radin começou a andar ao redor do palco.

    Não esperava encontrar nada significativo por ali, simplesmente encontrava-se sem mais boas ideias para encontrar Freyja, mas algo lhe chamou a atenção; terra, o incomum remexido que não lhe era estranho, indícios de que algo fora arrastado. Pensou por alguns instantes em ignorar aquilo, duvidando de que realmente fosse dar em algo, mas sua curiosidade e um certo impulso o fizeram permanecer na pista. Analisou o rasto que levava até um vão entre duas casas perto dali, o que só instigou ainda mais sua vontade de continuar seguindo sua nova descoberta.

    Pensou em seguir sozinho, o que talvez fosse mais recomendável visto que Bella poderia ficar agitada demais se dissesse o porquê de estarem indo até lá, mas não achou correto deixa-la sozinha para trás. Bonzor e os outros membros da trupe com certeza contavam com ele para ficar de olho na mulher, que talvez até soubesse defender-se por si só, mas larga-la sem explicações não era certo.

    Com o caminhar despreocupado de sempre, foi até Bella como se não tivesse nada importante para dizer, e quando encontrava-se ao lado dela falou para que ninguém mais ouvisse.

    - Acho que deveríamos checar por ali, sem muitas esperanças. Algo foi arrastado para lá.- Disse com calma, talvez de um modo menos cuidadoso do que o ideal, mas daria tempo para que Bella digeri-se a informação e toma-se a iniciativa de ir até lá.


    Aythusa
    Antediluviano
    avatar
    Antediluviano

    Mensagens : 4216
    Reputação : 2

    Re: A Trupe Desocupados

    Mensagem por Aythusa em Dom Out 23, 2016 4:55 am

    Ao ouvir a voz de Bonzor novamente o anão suspirou profundamente, fazendo os pelos de seu bigode se sacudirem.
    Ele parou de olhar as armas do palhaço que recolhera e atirara na mesa, apoiou as duas mãos sobre a madeira e olhou para o rapaz pela primeira vez, de verdade, desde que ele chegara.

    Bonzor observou que ele fazia grande força para se acalmar, fazendo seu rosto ficar tão vermelho quanto o fogo da forja que brilhava ao fundo da ferroaria.
    O anão olha do papel para o palhaço algumas vezes. Sacudiu a cabeça e tomou o papel da mão do homem, observando melhor o desenho de Freyja pintado no panfleto.

    - Ah sim, eu vi a moça, se é que pode chamar ela de moça... há anãs mais delicadas que ela, se quer saber a minha opinião. Então quer dizer que ela sumiu?

    Ele parou um tempo e devolveu a pintura para Bonzor, voltando sua atenção para as armas na mesa:

    - Eu a vi indo para perto do palco. Parecia tensa e quando falei com ela, me respondeu abruptamente. Foi logo depois que você lutou contra aquele cafajeste desgraçado do meu aprendiz... Ex-aprendiz! Se aquele moleque pensa por um só instante que eu vou aceitá-lo de volta... HA! Minha barba ruirá antes desse dia chegar! Aquele patife...

    E o anão voltou a xingar irrefreavelmente o seu aprendiz.
    Lyvio
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 6982
    Reputação : 13
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    Re: A Trupe Desocupados

    Mensagem por Lyvio em Seg Out 24, 2016 9:33 pm

    Bonzor sori ao ouvir a resposta do anão, o palhaço já tinha uma pista o que lhe alegrava consideravelmente:

    -Muito obrigado senhor anão, amanhã passo para pegar as armas viu! Ah...fique tranquilo que vou divulgar seu nome como um excepcional ferreiro por onde minha trupe passar!


    Dizia ele cumprimentando o anão e logo em seguida voltou correndo para o palco em busca dos demais.
    Elminster Aumar
    Administrador
    avatar
    Administrador

    Mensagens : 7835
    Reputação : 33
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

    Re: A Trupe Desocupados

    Mensagem por Elminster Aumar em Ter Out 25, 2016 10:41 am

    Enquanto Bella interrogava os guardas da cidade com toda a pureza de seus 16 anos, a garota viu algo que ninguém mais tinha reparado: um pedaço de madeira manchado com sangue. Ela deu uma desculpa qualquer para finalizar a conversa com o guarda, e se afastou dele em direção contrária à madeira, apenas para depois voltar ao local disfarçadamente. A garota pegou em suas mãos a madeira e cheirou o pedaço em que, aparentemente, continha sangue. Bella não fazia ideia de qual cheiro tinha o sangue de uma pessoa, mas achou que não devia ser um cheiro agradável. Em seguida ela passou o dedo na tábua para se certificar se estava fresco ou não, independente do que fosse.

    Ela então viu que Rádin estava voltando para perto dela. A garota pensou em tentar esconder aquele pedaço de madeira, mas deduziu que aquilo não fazia sentido. Se o meio-elfo quisesse fazer algo de ruim a ela e aos seus amigos, ele já teria feito. Ela ouviu o que ele tinha a dizer e depois mostrou-lhe o pedaço de madeira.

    - Isso parece sangue, veja. Eu to com medo de que seja o sangue dela. - Bella morde os lábios, cheia de preocupação, e em seguida avalia o local em que Radin apontara. Ela tenta traçar um paralelo entre a madeira achada e o rastro de terra, tentando perceber se as duas coisas podiam estar interligadas ou se eram pistas diferentes. Ela também olhou ao seu redor a procura de mais sinal de sangue. Depois, acenou positivamente com a cabeça para o meio-elfo. - Vamos tentar seguir o rastro de terra e rezar a Tehlu para que minha amiga esteja bem.

    Bella então segue Rádin para o local que ele apontara.

    Aythusa
    Antediluviano
    avatar
    Antediluviano

    Mensagens : 4216
    Reputação : 2

    Re: A Trupe Desocupados

    Mensagem por Aythusa em Ter Nov 08, 2016 10:54 pm

    Bonzor ouviu a pista do anão, agradeceu com a promessa que voltaria no dia seguinte, e partiu rapidamente rumo ao Palco onde seria o leilão em breve.

    Bella conseguiu se livrar do guarda surpreendentemente rápido e ele sequer deu atenção à ela.
    Enquanto passava, entreouviu a conversa dos guardas, que pareciam entediados e descontentes, falando sobre o atraso do leilão. Pelo o que parecia havia tido um ataque aos escravos mais cedo e estavam "limpando a bagunça" e por isso o leilão atrasou. Ouviu o nome de Brifitz - que ela não soube identificar de quem era -, mas sequer deu importância à informação ou o que falavam, afinal estava preocupada com Freyja e havia...

    Sim. Era sangue! Mas seria o sangue de Freyja?
    Seu coração apertou enquanto passava os pequenos e finos dedos na madeira suja de sangue. Não estava propriamente fresco, estava gosmento pegajoso. Mas o tempo alí estava certamente quente o suficiente para deixar um sangue fresco naquele estado. Quando Radin chegou e indicou o rastro ela teve quase absoluta certeza de que aquele caminho levaria à Freyja, mesmo com a voz calmo do meio-elfo.

    Porém quando começaram a seguir o caminho até o beco onde levava o rastro de terra, Bonzor alcançou os dois e lhes contou tudo o que o ferreiro disse, mesmo sem dar muita importância para o fato do anão estar muito bravo com o aprendiz que sumiu, explicou que ele havia falado com Freyja por aqueles lados.
    Bella por sua vez contou-lhe sobre o sangue e o rastro que Radin encontrou.

    Os três então seguira juntos para o Beco.

    ~*~

    Caminharam atentos, mas tentando parecer tranquilos. Afinal a cidade ainda estava entulhada de vendedores pelas ruas, mesmo que o beco parecesse escuro e vazio. Na rua à frente dele não haviam lojas abetas e nem barracas montadas.
    Cautelosos entraram no beco e todos sentiram que os ruídos da cidade tumultuada havia cessado. Era como se adentrassem uma outra cidade, ou uma floresta, silenciosa e perigosa...

    Foi quando Radin reconheceu pela penumbra de uma porta semi aberta, um homem de manto liso,encarando-os, com capuz e um rosto sem expressão...
    Elminster Aumar
    Administrador
    avatar
    Administrador

    Mensagens : 7835
    Reputação : 33
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

    Re: A Trupe Desocupados

    Mensagem por Elminster Aumar em Sex Nov 11, 2016 10:01 pm

    "Ataque aos escravos?", pensou Bella indignada quando ouviu de passagem a conversa dos guardas. A garota quase parou novamente para pedir por mais informações sobre o que tinha acontecido - ela estava se sentindo péssima consigo mesma por estar numa cidade que se negociava pessoas como objetos desde o primeiro momento em que pisara ali, e o único alento eram as moedas que tinha angariado com a sua canção horas mais cedo.

    "Usarei cada moeda que consegui para comprar a liberdade do maior número de escravos que for possível. Vou acabar com o tormento delas, mas também não posso deixá-las livres ao mundo sem nenhuma moeda no bolso. Eu preciso conseguir mais dinheiro!"

    Bella estava tão absorta em seus pensamentos que se assustou quando Bonzor interceptou-os no meio do caminho. O palhaço contou o que ele conseguira de informação, e a garota relatou da mesma forma suas descobertas, e os dois amigos, ao lado do misterioso meio-elfo, seguiram para o beco onde provavelmente tinha ido Freyja. A garota caminhava serena pela rua silenciosa, mas temia que seu coração palpitante tivesse denunciando o seu medo. Quando ouviu um som qualquer, provocado provavelmente por um rato arredio, todo o disfarce de sua coragem sumiu e ela se agarrou ao braço de Bonzor, passando a caminhar desse jeito, bem próxima do seu amigo palhaço.

    - To com medo... - sussurrou a inocente a garota.
    Pallando
    Troubleshooter
    avatar
    Troubleshooter

    Mensagens : 895
    Reputação : 21

    Re: A Trupe Desocupados

    Mensagem por Pallando em Dom Nov 13, 2016 12:38 pm

    Radin observou o sangue que Bella julgava poder ser de sua amiga desaparecida. Aquilo era o que faltava para que tivesse quase certeza de que algo estava errado por ali, embora pudesse ser algo sem ligação com a mulher que procuravam. De qualquer maneira, seguiria a pista junto da preocupada amiga da desaparecida até onde ela levasse.

    No curto caminho até o local apontado por Radin, o palhaço Bonzor os alcançou para compartilhar informações. Agora, com o novo reforço, estavam mais seguros para seguir ao possível encontro com o perigo ou só seguindo uma pista furada.

    Seguiram caminhando aparentemente calmos, sem chamar atenção indesejada ou deixar que a quantidade excessiva de pessoas ali os atrapalhasse. Quando chegaram ao beco, Radin sentiu a mudança incomum de atmosfera. Uma certa tensão tomou o meio-elfo que agora estava mais atento.

    Bonzor e Bella caminhavam colados ao lado, estando a mulher com certeza mais nervosa do que seu amigo, enquanto Radin já andava com a mão direita disfarçada próxima de sua espada, pronto para saca-la rapidamente. Mas no fim foi incapaz de reagir com a velocidade desejada, pois assim que seus olhos encontraram uma porta semi aberta o meio-elfo parou surpreso, sem conseguir decidir se a figura ali era realmente digna de atenção especial ou não.

    De fato, bastava olhar para aquele homem para saber que estava envolvido em algo errado ou estava à procura de encrenca encarando as pessoas por aí, mas Radin ainda hesitava. Aquele individuo não era comum. Mas seja como for, pressionar um estranho com indiretas nunca fora um problema para o meio-elfo.

    - Ei você, senhor.- Ergueu a mão esquerda identificando-se e, como que por acaso, levou a outra mão até a bainha de sua espada, sem jamais deixar realmente claro que estava fazendo uma ameaça.- Por acaso viu uma mulher ferida sendo arrastada até mais ou menos onde o senhor está?

    Lyvio
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 6982
    Reputação : 13
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    Re: A Trupe Desocupados

    Mensagem por Lyvio em Ter Nov 15, 2016 8:54 pm

    Bonzoro conseguiu acompanhar o grupo e compartilhou a informação obtida com eles, somado aos demais relatos, o palhaço passou a se preocupar, ele estava nervoso e ansioso, suas sabres estavam em sua cintura, assim como algumas de suas adagas.

    Bela parecia a mais nervosa e assustada, ela agarrou o Braço do palhaço e ele então lhe deu um abraço, afastou-a um pouco e olhando em seus olhos tentou acalma-la:

    -Fique cama Bela, não estamos sozinhos, lembre-se somos um grupo a muito tempo e passamos por todos os problemas e estamos até hoje juntos, fique firme e com as mãos atentas, seus feitiços podem nos ser de grande valia caso seja necessário. Eu sempre lhe protegerei, mesmo que ponha minha vida em risco.

    Bonzor esperava um positivo por parte da moça e e assim que ela acena positivamente ele segue.

    -Fique no meio, Bela.

    Então o grupo visualiza uma porta entreaberta e todos para por alguns segundos tensos, logo eles percebem que um homem suspeito os encara, Radin tomou a palavra e o palhaço também encarou o homem sem expressão esperando uma resposta.
    Conteúdo patrocinado


    Re: A Trupe Desocupados

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Sab Nov 18, 2017 11:15 pm