Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).

Links úteis Anúncios Redes Sociais
31/03 - Novo quadro de anúncios.
31/03 - Mesas com mais de 2 meses SEM postagens serão automaticamente arquivadas.

ATUALIZAÇÃO DO MÊS DE MAIO
Mesas que forem abertas para serem jogadas em outras plataformas
serão excluídas do fórum.

ATUALIZAÇÃO DO MÊS DE JUNHO
A partir de agora somente mestres com mesas ativas no fórum terão o nick laranja
para ficar mais fácil a distinção. Fiquem atentos que em breve teremos
um novo modelo de pedido de mesa!




 

    Dando o Troco - Primeira Lua Nova

    JTaguchi
    Cavaleiro Jedi
    JTaguchi
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 273
    Reputação : 3

    Dando o Troco - Primeira Lua Nova - Página 2 Empty Re: Dando o Troco - Primeira Lua Nova

    Mensagem por JTaguchi Dom Nov 07, 2021 4:45 pm





    Vento de Inverno


    Morgan Blackwood
    Elodoth  |  Senhores da Tempestade


    “Cada época é salva por um
    punhado de homens que têm
    a coragem de não serem atuais.”

    _______________________________________________________________________



    Morgan fica quieto, imaginando a cena. Mas uma Beatrice nervosa pronta para arrumar problema confrontando uma Catalina tão disposta quanto ela para a mesma coisa chamam sua atenção. Alguém precisava garantir que aquilo não virasse uma zona logo. A real é que não vale a pena negociar com Catalina - ela é irracional demais para isso.

    "Beatrice, calma", ele diz, num tom baixo e tranquilo. "Nós estamos aqui para ajudar, não para piorar as coisas."

    Então se vira para Catalina.

    "Eu sinto muito pelo seu amigo", diz, apostando no pesar dela como uma forma de trazê-la para um estado mais calmo. "Mas minha amiga não é o seu alvo, por mais que ela tenha te irritado. Um dos nossos quase perdeu um parente por causa disso, então espero que compreenda que uma reação mais exacerbada aconteça."

    Ele então fica entre Beatrice e Mercedez. Dá um sorriso de lado quando a jovem Rahu demonstra controle e uma estranha capacidade de se manter calma numa situação dessas. De forma respeitosa, Morgan faz um leve aceno para ela.

    "Exatamente, Mercy. Tranquila e certeira, como uma verdadeira dama."

    Quando Irina Horvath aparece, ele a cumprimenta, aceita seu cartão e lhe entrega o dele. Logo depois, Serge volta para a sala junto com Willy, que os convida para uma maior. Morgan dá passagem para que as mulheres passem primeiro, mas detém Beatrice antes de ela entrar.

    "Quero entender isso tanto quanto você e não te recrimino por isso", a fala é baixa, quase um sussurro. Ele não está fazendo um sermão, apenas tentando acalmá-la. "Mas você não negocia com quem tem um nome desses. Respire fundo e mantenha a calma, sim? Nós vamos dar esse troco, mas agora precisamos ouvir o que eles têm a dizer."

    Ele prefere ficar em pé, olhando para Willy à espera de que ele volte a falar.

    OFF:
    Bravos
    Semi-Deus
    Bravos
    Semi-Deus

    Mensagens : 5439
    Reputação : 402
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh32.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh23.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh41.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh29.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh44.png

    Dando o Troco - Primeira Lua Nova - Página 2 Empty Re: Dando o Troco - Primeira Lua Nova

    Mensagem por Bravos Seg Nov 08, 2021 9:11 pm




    Serge Senat

    Willy avisa-o que depois esclareceria tudo, em respeito à Jocelina, Serge assente com a cabeça, concordando silenciosamente. Enquanto ainda estava com o tio, viu Shiriki repreendendo Catalina. A forma descontrolada que ela agia deveria ser o motivo. Depois de um momento ao lado do tio, Willy o chama. Serge põe a mão no ombro de Adewale. - Fique bom longo, Seu Ade.

    Logo ele estava fora da sala e indo ao encontro dos demais. Ao chegar, seus olhos correm de um lado para o outro. Dava pra sentir a torta de climão. Aos que perguntam do seu tio, ele informa que está bem. - Claramente foi o que sofreu menos. Ele vai ficar bem. - Ele para ao lado de Mercedes e sussurra: - O que rolou aí? Catalina apareceu fumando numa quenga... - Ele escuta sem dizer mais nada. Na nova sala, Serge não aceita a cerveja nem a soda. Ele fica em pé mesmo. Esperando as novas explicações.






    Wordspinner
    Sacerdote de Cthulhu
    Wordspinner
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2780
    Reputação : 140

    Dando o Troco - Primeira Lua Nova - Página 2 Empty Re: Dando o Troco - Primeira Lua Nova

    Mensagem por Wordspinner Qua Nov 10, 2021 5:56 pm

    Makya fica feliz ao ver Irina. Feliz e impressionado por ela ela estar andando. "Tá com uma cara ótima." Ele lembrava de como tinha ficado a cara dela. A mudança de um para o outro era assustadora. Eles eram assim, mudando sempre e muitas vezes em círculos. Lutando contra o tempo e os ferimentos para continuar exatamente igual.

    Ele aperta a mão da nova alfa dos Andarilhos do Vale com gosto. "Acho que esqueci um cinto lá na casa de vocês, não tem um cowboy bem intencionado que possa levar ele pra Bea?" Era para ser engraçado. Era para ser confuso também. Um pouco de sorte e Iriana e Bea iam entender e os outros não. Um pequeno mistério constragedor para tirar as pessoas do ciclo de tensão.

    Ele vê a sala maior com um pouco de desconfiança. Não que tenha medo de soda e cerveja. Era mais uma cortina sendo levantada, para expor fumaça e espelhos. Agora com Irina ali era pior. O que diabos eles tinham a ver com aquilo? Iam chamar todo mundo? A alcateia dele teria ficado de fora se não fosse o tio de Serge?

    Pensamentos sem nenhuma direção e nenhum meio para sair formando perguntas que seriam respondidas sem ganharem voz. Que ficariam claras na mente de todos porque era o tipo de coisa que era preciso explicar ou ignorar.

    Ele assiste Serge chegar e falar com Mercy. O irraka abre ruidozamente duas cervejas com muita animação. "Quem vai?" Ficaria claro que ele não queria ouvir os sussuros? Talvez. Mas ele não queria mesmo. "Ninguém?" Ele olha em volta pulando Morgan, que estava Indo direto ao assunto como ele gostaria que fosse. Makya torcia secretamente para que tomassem dele as duas bebidas.

    Deixei a poeira assentar, ele pensava. Deixe a presa relaxar. Espere ela ter certeza que está em segurança. Aí sim...
    Bastet
    Adepto da Virtualidade
    Bastet
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1801
    Reputação : 105
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Dando o Troco - Primeira Lua Nova - Página 2 Empty Re: Dando o Troco - Primeira Lua Nova

    Mensagem por Bastet Seg Nov 15, 2021 3:24 am







    Coração de Tinta


    Beatrice Thompson
    Sombras Descarnadas   |  Cahalith


    “Sim, eu sei o que eu tô fazendo...
    Mas filma direito, se der merda pelo
    menos dá views”



    _______________________________________________________________________


    Beatrice achava engraçada a postura de Makya tentando deixar tudo macio e sedoso. Não questionava como isso poderia ser efetivo, ela mesma gostava de resolver as coisas só usando a língua, mas não era o momento, em sua opinião.

    Outra coisa curiosa que aconteceu em seguida, foi reparar na reação de todos, em relação à Bea, quando Irina começou a lançou ameaças aos quatro ventos. Eles deviam achar que ela era uma maluca... E não estavam completamente errados, mas ela não agiu como eles queriam. Na verdade, um sorriso surgiu no canto dos lábios dela e a postura até mudou. Ficou levemente animada.

    - Se quiser a gente pode testar isso depois, Catalina, mas não agora, quando uma pessoa importante está em perigo – os olhos desafiadores, animados. Ao contrário da outra Gibosa, que talvez falasse na intenção de intimidar, ela dizia aquilo como se fosse uma honra se alguém maior que ela aceitasse testar limites com ela.

    Se tinha uma coisa que animava Bea era a possibilidade de sentir a adrenalina correndo nas veias... E, bem, bater uma “queda de braço” com uma mina pirada como aquela com certeza parecia desafiador.

    - Mas, voltando ao assunto, você não negou o... – foi interrompida pela intervenção de Morgan e Mercedez. Rosnou pra Morgan quando ele se aproximou se desculpando por ela. Não respondeu ao amaciamento de ego que eles tavam fazendo para Catalina em seguida. As palavras deles talvez tivessem impedido ela de algo, mas não tinham acalmado seus ânimos.

    Ela estalou os lábios, não intervindo. Se eles queriam mamar nas tetas da outra Cahalith, que fizessem.

    Acenou para Irina, feliz de ver ela inteira... E achando o máximo ela ter se tornado Alpha, no lugar daqueles babacões do MIB homens de preto. Aceitou o cartão, guardando no bolso do jeans e se apresentou devidamente, já que da outra vez só tinham se visto brevemente antes do pau quebrar. Um breve sorriso se formou com a brincadeira de Makya, mas não longo como costumava ser nos lábios de Beatrice.

    Olhou Catalina saindo puta. Suspirou... e foi quando Willy chamou. Apertou o punho contra o corpo quando Morgan a parou.

    - Olha só, é o seguinte. Eu reconheço seu papel de mediar e acho que você é bom nisso. Mas se não quer que eu me meta, da próxima vez faz as perguntas certas ao invés de enrolar – estalou o pescoço, se aproximando dele e o olhando nos olhos bem de perto. – Só pra esclarecer uma coisa. Você não tem culhões ou autoridade pra me recriminar de nada. Nem fez nenhum feito pra eu te reconhecer como figura de respeito na alcateia. Se falar por mim novamente, se desculpando ou algo assim, não vai ser com a Catalina que vou arrumar confusão – falou séria, baixo, na intenção de _só ele ouvir_ e seguiu pra dentro da sala, pegando uma das cervejas que Makya ofereceu, abrindo e bebendo um gole.  – Valeu – falou pro irraka, com as bochechas meio vermelhas de irritação, mas uma pokerface no rosto.


    Ankou
    Adepto da Virtualidade
    Ankou
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1687
    Reputação : 62

    Dando o Troco - Primeira Lua Nova - Página 2 Empty Re: Dando o Troco - Primeira Lua Nova

    Mensagem por Ankou Seg Nov 15, 2021 6:44 am





    Todos


    Catalina parece satisfeita com a postura de Mercy, mas existe reprovação e desgosto estampado no rosto dela com as provocações de Beatrice, ela sorri de maneira maliciosa e o olhar excitado - Isso vai ter troco na hora certa. - ela avisa, não quando ou onde, na verdade ela não fala mais nada, nem aceita qualquer desafio.

    --

    - O que tá pegando Willy, Jeff me chamou aqui, já sei que deu merda. - ela diz dando duas fungadas no ar e olhando diretamente pra porta da enfermaria enquanto passa pelo corredor junto com os urathas mais jovens.

    Após aquele breve momento e depois de Willy teclar por uma metade de minuto no laptop ele olha pra ela - Ele tá vindo aí, relaxa, já vai saber de tudo. - Willy parece mudar de uma hora pra outra, frio distante focado no computador que ninguém sabia o que ele tanto fazia lá, nesse meio tempo Shiriki saia da sala e voltava segundos depois com uma pasta amarela, velha em uma mão, ele abre mexe em alguns papéis e joga umas fotos em cima da mesa, antes que qualquer um pudesse pegar as fotos ou prestar atenção nelas Jeff entra na sala.

    - Finalmente! - Willy diz concentrado, sem tirar os olhos da tela do computador, mas quem prossegue é Shiriki - Pegaram o Adewale, Terrance e Jocelyn no meio de um transporte, não sobrou Terrance, a gente tem quase certeza que ele foi devorado, a não ser que você conheça outra forma de fazer rastros desaparecerem por completo. - ele diz continuando espalhando fotos pela mesa. - E é por isso que eu vou foder com eles, vou dar tanta porrada que eles vão desejar voltar pro útero da mãe - quem prossegue é Jeff que se aproxima da geladeira e tira de lá uma lata de cerveja e termina com ela como se fosse um chup-chup de leite condensado, tudo que fica pra trás é um bagaço de lata que vai pro lixo.

    As fotos do local, todas em papel, todas em cima da mesa mostra o carro aberto como um melão, algo impossível de ser natural, mas muito plausível pra um gauru, certamente mais de um, além disso tem fotos das poças de sangue, de uma perna e braço que foram mastigados e arrancados com violência.

    - Terrance e Jocelyn? Vegas? - ela pergunta ainda meio perdida, sem parecer conhecer as vítimas, e o índio só meneia em positivo.

    - Aqui vai o que eu sei, na Walker tinha esse puro velho, e o cara não queria confusão, eles nunca se moveram, ninguém esperava isso, a gente vem movendo coisas pelo deserto há anos, nunca deu nada. - o índio coça o nariz - Alguma coisa mudou, alguma coisa tá fora do lugar. - ele diz desconfiado e Irina retruca logo em seguida - Punho Cinzento, já ouvi falar. - ela diz sem dar muita importância - Ainda assim, os Ninna Farakh não são comedores de gente. - ele diz arqueando uma sobrancelha e deixando aquilo no ar, até serem interrompidos por Jeff. - A gente tá aqui perdendo tempo vamo pegar a presa, eles tão esperando a gente só pra gente pegar. - ele diz quase rosnando e pegando outra cerveja, dessa vez bebendo mais calmo.

    - Calma cara, é claro que eu to dentro você já sabe disso, sabia disso desde o momento que me chamou seu desgraçado. - Irina diz não parecendo exatamente feliz com isso - Mas eu não vou entrar na mira assim, relaxa aí. - ela diz tomando uma cadeira pra ela e examinando as fotos, uma por uma, enquanto isso Catalina bufa no sofá, não dá pra saber se é por tédio ou incômodo por Irina estar ali, mas é a única expressão que ela faz esse tempo todo.

    - Então, não tem resíduo nenhum nas fotos, não era nenhum Escobar né? Nenhum de vocês tem cheiro de óleo de manutenção, que porra de carga vocês tavam carregando? - a voz séria junto do olhar inquisitivo pra Willy, o silêncio que se segue é constrangedor, até o ponto que faz o Ithaeur parar de digitar.

    - Fetiches. - ele diz tão gelado quanto um Senhor da Tempestade.
    Wordspinner
    Sacerdote de Cthulhu
    Wordspinner
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2780
    Reputação : 140

    Dando o Troco - Primeira Lua Nova - Página 2 Empty Re: Dando o Troco - Primeira Lua Nova

    Mensagem por Wordspinner Qua Nov 17, 2021 4:42 pm

    Troco na hora certa. Claro que ia. Definitivamente iria. Bea ia merecer de um jeito ou de outro.

    A postura de Irina mostrava que aquele tipo de coisa já tinha acontecido antes. Um problema fazer eles pedirem ajuda e isso era o suficiente para deixar ela defensiva. Willy não estava mais com eles de verdade e isso deixava o irraka curioso, mas não entendia nada de computadores então nem ia olhar. Rastros desaparecerem por completo? Difícil, mas ser devorado não é a única opção para enganar um nariz, agora se você provar o sangue já é outra coisa. Ainda tinha algum sangue? Jeff sempre poético. Claro que ele iria dar porrada nos caras, oras o que mais há para fazer com um problema senão enfiar porrada nele? Makya quase abre a boca para falar. Quase. Por sorte ele tinha cerveja e a enfiou na boca.

    Vendo as fotos ele tem certeza que teria sangue. Não se arrebenta isso tudo de metal sem sair arranhado. Claro que um gauru nem ia perceber o arranhão de um segundo, mas o sangue ficaria no metal afiado do mesmo jeito. Aço sempre rasga com pontas afiadas. Mas eles teriam sentido o cheiro, não é? Impossível não terem sentido.

    Não são comedores de gente? Tem coisa pior que os puros, não é? Coisas que adoram ver os urathas, Urdagas e Anshega nas goelas uns dos outros. Não que o irraka estivesse disposto a sequer dizer a palavra. A sequer plantar esse pensamento na cabeça de Jeff ou Catalina. Droga, cedo ou tarde eles iam imaginar sozinhos se as coisas piorassem. Iam imaginar e ter um monte de visões amargas apontando cinco otários tóxicos.

    Jeff escreveu:A gente tá aqui perdendo tempo vamo pegar a presa, eles tão esperando a gente só pra gente pegar.

    "Se eles tão esperando a gente não quer chegar na hora marcada." Ele concordava com Irina e achava que Jeff até podia ter razão, mas assim como Bea estava agindo como um touro sendo puxado pelo nariz. Previsível. Previsível, é vulnerável e vulnerável é melhor ser evitado.

    Willy escreveu:Fetiches

    Porra. "Porra..." Isso era uma catastrofe esperando para acontecer. "Nada bom. A gente já sabe que cês não são os mestres de elaborar sobre as tretas que tão armando. Ok, eu entendo. Mas algum dos prisioneiros tinha aliados entre os Anshega? Entre as cortes locais? Cês sabem a história deles? Algum aliado foi levado nisso?" Acordos poderiam ser quebrados por causa disso. Confiança perdida. Armadilhas de todo tipo. Afinal, quem quer ver um espírito puto pra caralho sendo solto no seu território? Especialmente se ele tiver cheio de vontade de se vingar. "Algum motivo para achar que roubaram os espíritos? Alguns deles foi importante no tempo antes da trégua?" Ele tenta lembrar da história do velho. Detalhes desagradáveis vem a mente.
    Bravos
    Semi-Deus
    Bravos
    Semi-Deus

    Mensagens : 5439
    Reputação : 402
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh32.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh23.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh41.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh29.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh44.png

    Dando o Troco - Primeira Lua Nova - Página 2 Empty Re: Dando o Troco - Primeira Lua Nova

    Mensagem por Bravos Sex Nov 19, 2021 11:23 am




    Serge Senat

    Serge balança a cabeça em negativo olhando para Catalina. Que papelão da porra. Ela deveria ter os motivos dela? Certamente. Mas ela não era uma criança para agir assim. A história vai sendo relatava e ele escutava com atenção. O gran finale era isso: eles carregavam fetiches.

    Makya começa fazendo as perguntas certas. Serge teve certeza que a Corre-Corredores sorriu em algum lugar quando ele falou a palavra 'prisioneiros'. - E ninguém comentou, mas acredito que a carga foi perdida? - Quem levou? Puros? Espíritos ou outras coisas da Sombra se vingando pelos espíritos presos nos objetos? - Se forem puros mesmo, eles estão cheios de fetiches nas mãos. E aí vamos precisar saber o que era cada um deles e o que fazia. - Ele coça o queixo pensando nas possibilidades. - Se não forem puros... Se for outra coisa que habita a Sombra. Eu não quero nem pensar...

    Pegou uma das cervejas lá disponíveis e abriu sem pressa. - Irina tá certa, Makya também. Ninguém quer chegar onde tá sendo esperado. Acredito que podemos procurar testemunhas. Sempre tem alguém olhando. - Disso ele sabia. Na Sombra sempre tem um observador incauto e inobservado, mas que estava com os olhos bem abertos na hora.






    thendara_selune
    Adepto da Virtualidade
    thendara_selune
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1773
    Reputação : 72

    Dando o Troco - Primeira Lua Nova - Página 2 Empty Re: Dando o Troco - Primeira Lua Nova

    Mensagem por thendara_selune Dom Nov 21, 2021 2:47 am

    Assim que estavam ali dentro Mercy foi em direção a Serge. Os olhos negros cheios de preocupação que nem escondia. Afinal ele era seu amigo e um elo com seu passado. Quando ele pergunta sobre o que rolou a voz dela é tranquila ao responder. - Isso é uma conversa para termos depois...Mas seu tio está bem?- A mão dela apertou a dele com suavidade, mas a soltou um segundo depois. Tinha certeza que o amigo sabia lidar com a situação.

    ***

    Depois as palavras começaram a correr pelo lugar, sentimentos intensos dentro dela, seu semblante parecia tenso, muito para absorver, mas a gravidade das coisas pareciam pesar no ar, talvez não só ela sentisse isso, mas seus companheiros de alcateia também pudessem sentir o mesmo. Makya tinha aquela coisa de lobo do deserto cheio de desconfiança e agora exibindo a esperteza que devia ter garantido a ele sua sobrevivência até ali. A jovem Rahu ouvia tudo, mas dessa vez optou em não acrescentar nada muito mais interessada nas possíveis respostas ou na omissão delas. Assim que Serge complementa e reforça os questionamentos de Makya ela respira fundo, sua preocupação é evidente, podia não ser experiente naquela vida, mas sabia muito bem que pisavam em uma estrada de vidro e sangue velho que parecia esconder histórias fragmentadas ou espíritos perigosos.
    Ankou
    Adepto da Virtualidade
    Ankou
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1687
    Reputação : 62

    Dando o Troco - Primeira Lua Nova - Página 2 Empty Re: Dando o Troco - Primeira Lua Nova

    Mensagem por Ankou Sab Nov 27, 2021 9:21 pm





    Todos


    O silêncio permanece ainda mais constrangedor ainda, e só é quebrado pelo telefone de Morgan tocando, o de Beatrice não demora muito a tocar também, e os dois se retiram da sala, Irina continua com um olhar inquisitivo calada, Catalina olhando pra ela com cara de bunda.

    Jeff enfia a mão por trás da geladeira, logo ele tem na mão a porra de um taco de basebal todo enrolado em arame farpado, dá pra sentir o cheiro de sangue fresco na coisa, ele foi bem limpo, provavelmente lavado, mas ainda tem manchas e um cheiro que muito provavelmente nunca vai sair.

    - Eu quero é chegar pra marcar é a cara dos filhos da puta. - ele responde Makya, ele não parecia nada vulnerável, com aquela porra de taco assustador menos ainda, mas ele definitivamente parece mais calmo agora, consciênte e com o olhar de quem vai cometer atos de brutalidade hediondos, o taco se apoia no ombro e ele anda de um lado pro outro pelas costas de Willy, inquieto.

    - Cara, não fosse o Terrance eu consideraria isso uma provocação, mas a coisa saiu do limite. - Willy responde tão calmo e controlado que chega a contrastar com Jeff ao fundo que parece voltar a ficar agitado com a concordância de Serge. - Eu não sei nada de trégua, do que tu tá falando? - os olhares todos se voltam pra cima do Irraka, incluindo o de Irina.
    thendara_selune
    Adepto da Virtualidade
    thendara_selune
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1773
    Reputação : 72

    Dando o Troco - Primeira Lua Nova - Página 2 Empty Re: Dando o Troco - Primeira Lua Nova

    Mensagem por thendara_selune Ter Nov 30, 2021 11:00 pm

    Embora toda aquela conversa ainda parecesse fragmentada aos ouvidos de Mercy, ela escutou tudo calada. Então vê Jeff pegar aquele taco, o cheiro que vinha daquela coisa e o jeito dele agir a fazem pensar que não queria ser apenas fúria desenfreada. O uratha era o oposto do outro que estava ali sentando na mesa e confortavelmente guiando de certa maneira toda a cena para empurrar a sua alcateia pro fogo que iria devorá-los se fossem imprudentes. Willy direciona uma pergunta a Makya que a faz observar o Irraka com atenção, ele parecia saber questionar e apontar pro lado do certo. Já a jovem Rahu não sabia da metade das coisas que rolaram naquela cidade, na sua ingenuidade tudo se resumia a gente velha escondendo informações e tentando manipulá-los naquele momento. Podia estar equivocada, mas não seria a primeira vez na história do mundo que aqueles que detém a informação tentam escondê-la ou direcionar a atenção a alheia em outra direção.
    Wordspinner
    Sacerdote de Cthulhu
    Wordspinner
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2780
    Reputação : 140

    Dando o Troco - Primeira Lua Nova - Página 2 Empty Re: Dando o Troco - Primeira Lua Nova

    Mensagem por Wordspinner Sab Dez 04, 2021 7:49 pm

    Makya se vê perdendo Morgan e Bea e pensa que preferia levar um tiro em cada joelho. Era assim que funcionava em ação, de uma hora para a outra um a menos. O plano tinha que ser maior que todas as suas partes.

    "Boa Jeff." Era realmente uma boa ideia. Na hora errada e no lugar errado. Mas não era trabalho do cara resolver isso. Era. Mas ele não ia fazer e o plano tem que ser maior que soma das partes. Makya não precisava de outras surpresas é claro.

    ⁵A gente chegando lá cê pode arrebentar a minha cota de filhos da puta quebradores de votos, cê da conta." Podia ser uma armadilha? Claro que podia. O irraka ficaria até desapontado se não fosse, ao menos, isso também.

    Então eles não sabiam nada de trégua? Como conter a surpresa? Uma trégua secreta? Maldição.

    Makya não sorri. Não diz nada. Ele olha de um pro outro procurando as palavras que ele deveria dizer. Poderia dizer. Ele queria algum lugar para se esconder nessa hora. "Ah..." Quase um múrmurio. Ele olha para Irina antes de voltar a atenção para Willy. "Como vocês não sabem?" Era um caminho.

    Colocar essa pergunta na cabeça deles. Como eles não sabiam?

    "Uma trégua velha que tinha sido respeitada até agora. Estava sendo mantida pelo Anshega. Estava." Ele repete e sabe que eles vão repassar o passando na cabeça e encontrar as evidências que tinham ignorado a vida toda. Covardia dos puros? Cautela? Não. Eles iam repensar e avaliar e lembrar. Makya precisava dar tempo a eles para isso.

    O irraka puxa uma cadeira e coloca o pé em cima dela e os braços no encosto. "É. Eu sei. Mas não fica meio óbvio? E a pergunta real é se vamos preferir a guerra. Porque temos que ter a iniciativa de um jeito ou de outro. Se é que já não é tarde demais." Ele dá de ombros porque não sabe que caminho seguir. Ele dá de ombros porque não sabe mais o que dizer.
    Bravos
    Semi-Deus
    Bravos
    Semi-Deus

    Mensagens : 5439
    Reputação : 402
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh32.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh23.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh41.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh29.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh44.png

    Dando o Troco - Primeira Lua Nova - Página 2 Empty Re: Dando o Troco - Primeira Lua Nova

    Mensagem por Bravos Seg Dez 06, 2021 8:01 pm




    Serge Senat

    Quando Makya fala de uma trégua, todos ficam surpresos. Serge também. Ele não sabia de nada sobre aquilo. Mas fica calado, esperando o irraka se explicar. Como de praxe, a coisa vem com palavras parcas e várias perguntas não respondidas. - Você acha que foram os anshega, então, Makya? - A pergunta era objetiva. Depois da resposta, ele vira para os demais na mesa. - Vocês também acham que foram eles? - Os ânimos não estavam exatamente contidos, então era evidente que aquilo era uma pergunta retórica. - Agora, quem de vocês sabe que foram eles? - Ele aponta o dedo pra baixo, não apontando para nada, reforçando a palavra usada.

    - Qualé a idéia? Mandar acusações e chegar chutando portas sem saber exatamente o que houve? Ou estão guardando informações e evidências enquanto a gente perde tempo aqui? - Ele estava meio irritado? Sim. Mas continha sua irritação. - Eu vou propor de novo o que eu já disse: vamos procurar testemunhas. Saber quem é o inimigo. Como aconteceu. Aí a gente pensa como vai agir. - Serge não gostava muito de ficar conversando. Ele tinha um jeito pragmático de ser, em geral.






    Wordspinner
    Sacerdote de Cthulhu
    Wordspinner
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2780
    Reputação : 140

    Dando o Troco - Primeira Lua Nova - Página 2 Empty Re: Dando o Troco - Primeira Lua Nova

    Mensagem por Wordspinner Ter Dez 07, 2021 3:16 am

    "Acho..." Ele diz querendo poder dizer outra coisa. "O melhor lugar para começar a investigar é onde aconteceu. Mas Serge, eles já olharam, não é?" Ele olha para os anfitriões. "Sabem quem foi? Tem os nomes? Rastros?" Ele sentia a impaciência dos companheiros e isso deixava ele impaciente. Mas não iria sair por aí atrás de confusão sem uma ótima razão e uma chance de ganhar.

    Serge fala sobre chutar portas e Makya tenta segurar a cara de desgosto. Ideia ruim chutar a porta de um uratha. Era bom saber que Serge não achava isso um bom caminho. Testemunhas. O chão em que o sangue foi derramado. A estrada que levava o carro. O próprio carro arruinado. Teriam uma visão diferente, mas talvez tenham pistas. Ele também queria se mover, só não queria se esforçar e desgastar e perder tempo para descobrir o que já sabiam e só estavam sem jeito de dizer.
    Ankou
    Adepto da Virtualidade
    Ankou
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1687
    Reputação : 62

    Dando o Troco - Primeira Lua Nova - Página 2 Empty Re: Dando o Troco - Primeira Lua Nova

    Mensagem por Ankou Qui Dez 09, 2021 10:50 pm





    Todos


    Dava pra ler a expressão de cada um deles, todos aqueles olhos voltados pro Irraka, Irina e Catalina num misto de desconfiança e curiosidade, Jeff parecia nem se importar continuava louco por ação, o índio parecia nada surpreso, mas Willy era um caso aparte, continuava ilegível, ainda assim ele passava a emanar alguma aura de violência velada, que parecia ainda mais potente e perigosa do que Inquebrável, e era ela que tinha dado três tiros na perna dele, no fim o olhar do Ithaeur diz tudo, diz pra ele continuar falando, talvez aquilo mostrasse o porque ele era o alfa, ou talvez fosse só a pose de bandido que ele brandia naturalmente de maneira irremediável, o que quebra a tensão é ele tirar um cigarro do bolso e o barulho metálico do isqueiro se abrindo corta os olhares.

    - Não faz diferença mais, não importa mais. - ele continua frio como uma pedra, de fazer inveja a qualquer Senhor da Tempestade. Shiriki retruca em seguida - Eu sabia que tinha alguma coisa fora do lugar - ele diz como se aquilo fizesse todo sentido.

    Até mesmo o que quer que estivesse de errado entre Irina e Catalina cessa como se fosse algo a ser deixado de lado, algo pequeno demais perto daquela revelação - Sua fonte deve ser muito boa… - Ela comenta de forma despretensiosa, se levantando e ajeitando as calças e a jaqueta, na cintura uma Klaive, Makya sente o cheiro de morte vindo daquilo e alguma dor fantasma em algum lugar do corpo que ele nem sabe dizer, mas no fim é só imaginação ou sexto sentido, Serge por outro lado conhece o design da lâmina, um punhal de cavalaria quase certo vinda da época das cruzadas ou uma réplica muito bem feita e bem cuidada.

    Ela recosta na parede e se cala dando espaço pros companheiros de alcateia trocarem palavras, Willy responde logo em seguida a pergunta de Serge - Não tem ninguém segurando informação aqui, a gente sabe que foram eles - o tom permanecia quase robótico. - Jocelyn confirmou, as fotos tão aí pra não ter dúvidas, ela disse que o alfa ou líder da ação não era um indígena, mas a direção dos rastros indicam a reserva de qualquer forma, pode não ser um nativo, mas tá trabalhando com eles, Terrance era um lua cheia brow, a gente tem amostra de sangue dos caras, ele pode ter se fodido, mas é certo que ele deu trabalho, os Sortudos já tão todos dentro, Irina vai honrar a Loba Destruidora. - ele diz e olha em seguida pra ela que logo meneia em positivo - Vocês querem negociar? Quanto mais ajuda melhor, a gente pode ficar aqui conversando e planejando pisar num terreno que a gente não conhece de qualquer forma ou pode correr atrás deles antes que todos os pedaços voltem pro lugar. - Jeff fala em seguida - Tô falando… - como se tivesse toda razão do mundo, mas Willy nem parece dar atenção e continua focado nos jovens lobos. - Alguns fetiches eram pra ser destruídos tavam com prazo de validade vencido, outros eram pagamento, eu nunca disse que vocês precisam trabalhar de graça e sair de mãos abanando… - Ele se cala por um tempo pensativo. - Saca em Vegas não tem muita gente que sabe colocar espíritos no cabresto, algumas vezes é uma merda mesmo quebrar fetiches, mas eu faço o serviço faz um tempo, mas nem relógio trabalha de graça, eu repasso meu pagamento pra vocês, talvez algum fetiche se é que tem alguma coisa inteira, minha reputação e da alcateia tá na reta e a gente tá ficando sem tempo. É pegar ou largar maninho. - Pelo menos parecia que ele tinha posto todas as cartas na mesa.

    Punhal:
    Wordspinner
    Sacerdote de Cthulhu
    Wordspinner
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2780
    Reputação : 140

    Dando o Troco - Primeira Lua Nova - Página 2 Empty Re: Dando o Troco - Primeira Lua Nova

    Mensagem por Wordspinner Seg Dez 13, 2021 8:58 pm

    Não importava mais? Não fazia diferença? Uma sensação pesada e fria dizia que fazia toda diferença. Talvez eles fossem como Makya, não tivessem vivido o que tem fora dessa paz negociada.

    Sua fonte era boa? Talvez não, mas aquilo parecia verdade. Tinha que ser. Foi a conclusão a que eles ali chegaram também. Ele confirma com a cabeça para Irina.

    Eles queriam uma grande caçada. Iam enfiar a mão no vespeiro e queriam segurança. Tinham sangue então os caras não iam se esconder. Não dá para se esconder quando eles tem o seu sangue. Fetishs a serem destruidos, honra estava em jogo. Compromisso.

    "Certo, acho que se temos o rastro não tem porque esperar. Não é? Temos pressa. Mas os caras podem ser de fora então. Eles podem não ter quebrado a trégua que eu falei. Que não fiz, mas que Faz sentido, não é?" Ele espera um segundo para as palavras serem digeridas.

    "Eles são uns filhos da puta, os Anshega, mas dizem que o legado do pai é deles também. Não dizem?" Ele empurra a cadeira em que estava com o pé para mesa com cuidado.

    "Nós podemos chegar lá e exigir os fetishs, ou pelo menos o direito de caçar os desgraçados que os roubaram." Ele da de ombros colocando a garrafa na mesa. Eram três agora. Uma alcateia de três. "Se der errado a gente vai ter uma distração e uma desculpa para uma invasão. Se der certo? Porra eu nem sei o que significa se der certo. Mas Anshega e Urdaga em paz por ... Quanto tempo? Não é nada trivial, é? Deve ter uma boa razão." Ele acreditava no velho? Mais do que queria.
    thendara_selune
    Adepto da Virtualidade
    thendara_selune
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1773
    Reputação : 72

    Dando o Troco - Primeira Lua Nova - Página 2 Empty Re: Dando o Troco - Primeira Lua Nova

    Mensagem por thendara_selune Qua Dez 15, 2021 11:29 am

    “Mas está claro que não vão dar as cartas todas pra novatos. Willy sabe ser convincente, mas acreditar em tudo que foi dito sem imaginar que exista mais alguma coisa escondida nisso tudo seria ingenuidade.” O pensamento ficou ali implicando com ela por uns segundos até que a jovem Rahu escuta Makya.

    -Eu não preciso ser um gênio para ter certeza que eles sabiam sobre a rotina de transporte de vocês, assim como sabiam sobre o tipo de carga e ainda deixaram um rastro gordo pra trás.- Os lábios dela criam uma linha divertida, um sorriso sem mostrar os dentes e os olhos negros brilham atentos a todos antes de prosseguir sem medo de parecer tola ou sem sentido diante deles.  - Honestamente  pra mim a pergunta que fica no ar é porque agiram assim se aparentemente estava tudo tão quieto?! Talvez isso não importe, no fim eles deram um recado forte e precisam de uma resposta à altura.- Mercy então oferecia agora um sorriso de canto nos lábios vermelhos.  Aquela cidade tinha facetas demais para se lidar, Makya parecia saber muito, Serge por sua vez enxergasse as respostas que habitam o outro lado das cortinas escuras que os cercam e Mercy sentia que precisava ser ágil em contribuir com os seus mesmo que isso significasse vestir o manto predatório tal como Jeff intensamente parece vestir, mas a diferença entre eles era óbvia, ela ainda não tinha matado ninguém e nem se banhando em sangue inimigo como talvez alguns dos mais velhos ali tenham feito em algum momento de suas áridas vidas. Depois fica em silêncio remoendo suas ideias sobre aquilo, seus olhos vão de Serge à Makya mais de uma vez naquele curto espaço de tempo.
    Falas em branco

    Off: Dei uma editada porque tinha coisas que não curti, mas não acho que interfere na ideia geral da postagem.
    Bravos
    Semi-Deus
    Bravos
    Semi-Deus

    Mensagens : 5439
    Reputação : 402
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh32.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh23.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh41.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh29.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh44.png

    Dando o Troco - Primeira Lua Nova - Página 2 Empty Re: Dando o Troco - Primeira Lua Nova

    Mensagem por Bravos Sex Dez 17, 2021 9:54 pm




    Serge Senat

    - Bom, bom. Pelo menos agora estamos avançando. - Diz Serge, depois de passar um tempo observando Willy, precisamente naqueles breves momentos em que ele ficou em silêncio, irradiando agressividade. Serge sentiu o que afligia ele. Sabia por quem o coração do outro ithaeur batia. Quando o alfa dos Cães Sortudos perguntou se queriam negociar, ele acenou com a cabeça. - Certamente. Qual era a natureza do seu pagamento? Dinheiro não é algo que queremos por hora. Fetiches podem ser interessantes, mas seus conhecimentos também. - Nessa hora ele abre um sorriso. - Alguns ritos, talvez.

    Eles eram novos ali, eles tinham muito a aprender e nem sempre se tem a oportunidade de conseguir aprendizado sem a aquisição de dívidas. - Se estiver de acordo, estamos prontos para sair quando quiserem, não estamos? - Serge se vira para Mercy e Makya que já haviam dito aquilo com outras palavras.






    Ankou
    Adepto da Virtualidade
    Ankou
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1687
    Reputação : 62

    Dando o Troco - Primeira Lua Nova - Página 2 Empty Re: Dando o Troco - Primeira Lua Nova

    Mensagem por Ankou Seg Dez 20, 2021 11:56 pm





    Todos


    - Primeiro precisamos saber onde é lá, pelo que a Jocelyn falou que boa parte dos agressores eram indígenas, mas não todos. isso não quer dizer que necessariamente vá dar na reserva. - o próprio índio responde Makya brevemente, enquanto Catalina se atentava as observações de Mercy.

    - Pode ser muita coisa, informação, traição da galera de Vegas? Ele querem exatamente essa resposta que se espera que seja dada, é uma emboscada, eles estão esperando pela gente, eles querem confronto. - dessa vez ela parecia mais passiva até, mas não estava nem um pouco abatida, a verdade é que lá no fundo parecia ansiar por tudo aquilo.

    Willy foca sua atenção em Serge - Dinheiro, merreca e um par de fetiches práticos. - ele parecia direto e sem rodeios, e logo surpreso com a preferência do Iminir por conhecimento a outras coisas - Muito bem, contanto que você não atrapalhe meus negócios futuros... - o Farsil Luhal não parecia ter objeções.

    É Catalina quem tira o pequeno vidrinho do bolso, ela abre e vira sobre o dedão como se fosse um perfume caro, o líquido viscoso sobre o dedo vai a boca e o recipiente fica aberto sobre a mesa exalando cheiro de sangue uratha, a respiração dela fica audível, a face se tornando levemente rosada, o olhar de puro ódio, um ódio focado do lobo pedindo mais, Jeff se apressa e faz o mesmo que a companheira e estende o vidrinho pra Irina, que faz que não com a mão - Confio no seu taco, até literalmente - ela diz dando uma risadinha que era correspondida pelo outro Garra Sangrenta que fazia um carinho no porrete.

    Willy não se apressa pelo vidro, Shiriki por sua vez prova e volta com ele pra cima da mesa - Você vai na frente hoje, seu terreno favorito. - o alpha diz pro indígena que só assenti com a cabeça.

    Ninguém diz se os jovens podem ou não provar do sangue, se deveriam ou não, mas ninguém parece se opor.

    - Já tá tudo certo, furgão já tá no esquema. - Jeff diz olhando pro alfa e eles começam a ir em direção da saída.
    thendara_selune
    Adepto da Virtualidade
    thendara_selune
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1773
    Reputação : 72

    Dando o Troco - Primeira Lua Nova - Página 2 Empty Re: Dando o Troco - Primeira Lua Nova

    Mensagem por thendara_selune Ter Dez 21, 2021 11:48 am


    Escutou Catalina dando-lhe a devida atenção, apenas assentindo com as palavras dela para depois ouvir Willy responder a Serge. Ela não ligava pra dinheiro, mas não podia deixar de pensar na loja e que em algum momento teria que arrumar um meio de mantê-la funcionando ou acabar falindo. Sobre fetiches achava que era uma grande responsabilidade portar algum e não se considerava madura o suficiente para lidar com isso.
    Quando a Cahalith tira o vidrinho do bolso os olhos escuros de Mercy a observam com curiosidade, mas logo que aquilo é aberto o cheiro invadiu seus sentidos criando ondas que carregam raiva que inunda seu semblante para depois apenas sentir a necessidade instintiva de fazer o que foi forjada para fazer. Ela caminha até a mesa e olha os mais velhos com aquele olhar de quem sabe que não tem mais volta, ao provar o sangue é como se uma coisa começasse arranhar-lhe o âmago e instigar-lhe a achar um meio de dar aos inimigos a mesma dor que deram aos seus. Os olhos cheios de sombra e sua voz guiada pela raiva que a fazia ter vontade de rasgar o mundo em dois. - Vamos ter nossa reparação, vão nos pagar com sangue e dor…Prometo que vou cuidar da gente.- O pai dela fazia promessas, ensinou a Mercy que as promessas devem ser honradas e a rahu  faria isso. Ela segue em direção ao furgão, o coração acelerado e o desejo de cuidar da sua alcateia era o combustível que guiariam seus passos agora.
    Bravos
    Semi-Deus
    Bravos
    Semi-Deus

    Mensagens : 5439
    Reputação : 402
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh32.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh23.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh41.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh29.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh44.png

    Dando o Troco - Primeira Lua Nova - Página 2 Empty Re: Dando o Troco - Primeira Lua Nova

    Mensagem por Bravos Sab Dez 25, 2021 8:28 pm




    Serge Senat

    — Não estamos interessados no ramo. - Disse Serge com certo sorriso no rosto. Estavam todos visivelmente apressados e logo estavam provando do sangue que foi recolhido. Então a retribuição iria começar. Quando o frasco fica sobre a mesa, Mercy era a primeira a provar do sangue. Serge vem em seguida, falando baixo, somente para ela: — Vai com calma, a caçada é deles, estaremos dando apoio. Isso é tudo. - Não a repreendia, longe dele, só dava um conselho. Não ir com muita sede ao pote. Eles também estariam lá para não deixarem passar dos limites.

    Com os anshega sempre havia o risco de passar dos limites. E ter mais olhos e mais garras era prudente, tanto pelo perigo que eles representavam, quanto pelo perigo que os urdaga representavam para si mesmo quando passavam dos limites. Serge prova o sangue e dentro dele a bússola começa a apontar para o lado certo. Era hora de começar a caçada.






    Conteúdo patrocinado


    Dando o Troco - Primeira Lua Nova - Página 2 Empty Re: Dando o Troco - Primeira Lua Nova

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Dom Set 25, 2022 9:28 pm