Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Grupo 2 - Rosa Rubra/Iyue e Dustan/Gakky

    Compartilhe
    Hellkite
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1441
    Reputação : 95
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Re: Grupo 2 - Rosa Rubra/Iyue e Dustan/Gakky

    Mensagem por Hellkite em Ter Maio 09, 2017 5:12 pm

    As palavras de Dustan parecem fazer recuperar um pouco o animo de Amandia, esboçando um sorriso de canto de lábio e acenando silenciosamente com a cabeça. Moonbeam, ao ver que tudo estava se resolvendo, fica com as mãos na cintura e fazendo pose de importante. Felizmente para ele, Rubra o protege antes de ter sua cabeça frita pelo polegar e indicador de Messina, que com um sorriso sem graça para a elfa pirata deixa dissipar sua magia de eletrochoque, que se vai com um estalo.

    Logo todos concordam que o melhor era partir, e com certo receio se aventuram a abrirem a porta da taberna. Um vento frio lhes da as boas-vindas, fazendo queimar as bochechas. A viagem não seria nada fácil.

    **

    O caminho entre o porto de Kharta e a capital Augurio era como Amandia havia dito, larga e bem cuidada, passando por montes e pequenas florestas de pinheiros. Era uma via por onde passavam viajantes e mercadores com suas carroças, levando seus bens, indo ou voltando. Em dois momentos os heróis puderam ver membros da guarda azul, vestidos com seus uniformes azul escuros, passando com seus cavalos a galope. Não pararam, mas Dustan e Rubra sabia que foram observados por eles.

    “Dificil saber se realmente chamamos suas atenções, eles fazem isto com todos. Não são todos os membros da guarda que sabem ler as mentes das pessoas, mas como é que nós podemos distinguir? Isto é o que faz as pessoas se comportarem...”, comenta Amandia, que tremia de frio. Todos já tinham caminhado por umas boas 6 horas, e sentiam os corpos doloridos e massacrados.

    Vorpal vai até o lado da Darkovana e oferece seu manto, mas ela nega, pois sabia que o clérigo também não estava em melhores condições. “Obrigada, mas sei que logo vou ter que devolver para voce, pois não tem como ficar sem...”, recusa com um sorriso. O clérigo sombrio acena com a cabeça. “Tem razão. Mas tem algo que me intriga. Você não esta acostumada com este frio todo? Afinal de contas você nasceu aqui... Vejo que os seus conterrâneos vestem roupas de frio também, mas parece que para eles já é o suficiente.”

    Amandia morde os lábios, insegura. “Não sei ao certo... Minhas memorias são muito difusas. Me lembro de ir de um lugar a outro, mas não tenho memorias de minha infância aqui, ou em qualquer outro lugar. Já sonhei com desertos... E calor. Algo que não existe por aqui.”

    A ruiva suspira, e volta seu olhar para a estrada. Então sua expressão muda, ficando mais animada. Ela aponta mais para a frente. “Mas daquilo eu me lembro! Vejam, mais a frente, aquela taberna, de onde esta saindo uma fumaça branca! É um famoso ponto de parada entre as duas cidades, e foi construída ao lado de uma fonte termal. Está escurecendo já, melhor parar para descansar. Partimos amanhã cedo, o que acham?”
    Iyue
    Samurai Urbano
    avatar
    Samurai Urbano

    Mensagens : 104
    Reputação : 0
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png

    Re: Grupo 2 - Rosa Rubra/Iyue e Dustan/Gakky

    Mensagem por Iyue em Qua Maio 10, 2017 8:41 am

    Rubra ri levemente novamente com as provocações entre Messina e Moon, antes de olhar porta a fora da estalagem e soltar um grunhido de infelicidade. É, era um fato agora, ela odiava aquele frio.

    --

    Durante todo o caminho, Rubra tentava ao máximo cobrir seus cabelos e face, não queria ser reconhecida, mesmo que seria mais suspeita ainda, andando toda encapuzada, mas não poderia ser tão ruim assim com esse frio, era só mais um meio de se proteger da qual também escondia sua identidade. Caminhava o mais próximo possível do canto da estrada, quase entrando já na floresta, enquanto observava os membros da guarda azul.

    "Certamente chamamos atenção o suficiente, somos um grupo de pessoas completamente diferentes do que eles estão acostumados, devemos sempre ficar atentos" Ela disse para Amandia, enquanto tremia novamente, xingando o frio em dracônico baixinho, mas continua a escutar a conversa dos amigos, e deixa um riso leve escapar por seus lábios. "Se está passando tanto frio quanto eu, acredite, o deserto é realmente um sonho. Seu calor pode até judiar algumas pessoas, mas é envolvente e misterioso" Rubra diz sorrindo se lembrando as poucas vezes que seu pai parou de fato em uma catraca próxima do deserto, e passaram tempo o suficiente para que ela tivesse confusões no meio do mar de areia. "Suas dunas escondem tesouros, segredos e armadilhas, sempre um local divertido para fazer muitas inimizades também" Ela diz, entrelaçando os braços dela com o de Messina e Dustan, ao ver a taberna.

    "Quais as vossas decisões? Pararemos para tomar uma boa caneca quente de cerveja e descansar, ou deveríamos procurar outro lugar?" Ela questiona, aproveitando a sua malandragem de manter os dois colegas próximos, justamente para criar calor humano e se aquecer. Mas algo ainda paira na mente da ladina, quando ela observa novamente a outra ruiva do grupo, e deixa um murmúrio escapar dos seus lábios. "... Seria possível a mesma origem?..." Ela se indaga com relação a isso, antes de negar com a cabeça levemente.
    Gakky
    Adepto da Virtualidade
    avatar
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1586
    Reputação : 197
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1411.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Re: Grupo 2 - Rosa Rubra/Iyue e Dustan/Gakky

    Mensagem por Gakky em Qui Maio 11, 2017 9:18 pm

    Dustan caminhava otimista, mas foi pego de surpresa com o comentário de Amandia:

    - Que? Ler mentes? Eles podem fazer isso?

    Ele abraça a si mesmo para se aquecer melhor. Era uma jornada difícil. O guerreiro presta atenção nas palavras de Vorpal com a Amandia.

    - Não odeio o frio, mas hoje realmente está frio - Comentou o guerreiro enquanto um vapor sai de sua boca por causa do frio - Nunca estive em um deserto antes.

    Quando Rubra fala do deserto, Dustan presta atenção curioso, nunca tinha participado de aventuras assim.

    - Vocês realmente já viram muita coisa. Eu queria ter esse espírito aventureiro.

    Amandia aponta a taverna que parecia muito convidativa. Então a elfa enlaça os braços com o guerreio e com a maga para comentar sobre isso.

    - Que? Origem? - Questiona Dustan confuso com o murmúrio da elfa - Bom, a taverna parece muito acolhedora. Mas não quero deixar a fraqueza me vencer, podemos entrar e tirar só um cochilo e partir depois... O que acha Vorpal e Moon? Eu seguirei a decisão da maioria. Mas outro lugar, não acredito que vamos encontrar. É isso ou continuar...
    Mas admito que estou ficando cansado.
    Hellkite
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1441
    Reputação : 95
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Re: Grupo 2 - Rosa Rubra/Iyue e Dustan/Gakky

    Mensagem por Hellkite em Sex Maio 12, 2017 6:49 pm

    O assunto sobre deserto atrai Rubra, e faz um breve comentário sobre as atraentes possibilidades existentes neste local. Só que Rubra não percebe que suas ultimas palavras causaram um grande impacto em Amandia, que leva a mão a cabeça e começa a cambalear. Vorpal, que logo notou a mudança na companheira, logo se aproximou para ampara-la, e percebeu que de seu nariz escorria um filete de sangue.

    Sem notar este acontecimento, a elfa ruiva pergunta para seus colegas o que deveriam fazer. Messina olha para Dustan e sorri com o canto da boca. “Espirito aventureiro? Nada. As vezes a vida te joga em um buraco, e cabe a gente sair dele. De qualquer maneira, acho que voce mesmo já teve bastante aventuras conosco, passando mal do jeito que passou no navio... Hihi. Desculpe...” diz a maga, que leva a mão a boca como se fosse para parar de dizer bobagens. Ela volta seu olhar para a taverna, que era bem convidativa.



    “Olha, a Amandia parece que conhece este lugar, melhor a gente descansar mesmo. Além disto ela disse que tinha uma fonte termal, e estou realmente precisando me esquentar num bom banho!”, diz Messina em tom firme.

    Neste momento Vorpal chama a atenção de todos para Amandia, que esta deitada no chão com a cabeça apoiada no colo do clérigo. Estava mais pálida que o normal, e tinha sangue em seu nariz. Estava com os olhos fechados, mas subitamente eles se abrem e ela se levanta num salto. “Eu... Eu tenho um namorado! E nós pousamos nesta taverna! E ele me disse estas mesmas palavras que voce disse, Rubra, suas dunas escondem tesouros, segredos e armadilhas!”, diz a garota, que tinha em sua face uma expressão de surpresa e alegria. “Este lugar... sei que ele é importante para mim. Sinto que a chave para as minhas memorias está aqui!”

    Moonbeam nega com a cabeça. “Nada disso, Amandia, para que se lembrar de um ex-namorado? Isto é apenas sofrimento sem solução. O ideal é voce esquece-lo de vez, assim será mais fácil para voce encontrar sua alma gêmea e seguir com sua vida”, sugere o fada.
    Iyue
    Samurai Urbano
    avatar
    Samurai Urbano

    Mensagens : 104
    Reputação : 0
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png

    Re: Grupo 2 - Rosa Rubra/Iyue e Dustan/Gakky

    Mensagem por Iyue em Sab Maio 13, 2017 10:36 am

    Rubra escuta as palavras do guerreiro antes de sorrir "Ter sua infância dentro de um barco permite ver muitas coisas, já observei as diversas cidades desses reinos, algumas poucas florestas, e o deserto continua sendo o meu preferido" Ela volta a andar, e pensa novamente olhando para Dustan. Ela faz menção de contar, mas ao escutar o aclamado de Vorpal, sua atenção se volta a companheira.

    Se aproximando com cautela, ela busca segurar a mão de Amandia, se assustando com o salto que ela dá ao falar sobre a antiga paixão dela, e sobre as palavras. "Mulher! Se acalme, você está pálida, em um local frio e perdendo sangue!" Ela diz, tentando segurar a colega parada em um lugar, preocupada se a outra ruiva iria cair novamente ou não. "Vamos todos então entrar nessa taverna, descansar, tomar o banho quente, comer algo, pois acredito que não podemos andar com ela sangrando por muito tempo, não é Vorpal?" Ela questiona o clérigo antes de escutar as palavras de Moonbeam.

    "Relembrar pode também significar lições para coisas que nunca devemos fazer novamente" Rubra comenta, auxiliando Amandia e Vorpal para dentro da Taverna "Sem contar que, ela nunca comentou que poderia ser um ex-namorado." Ela diz rindo levemente para Moonbeam. Uma vez dentro, e deixando a outra ruiva sentada em um local quente, Rubra saí para observar melhor a estalagem, chamando Dustan momentaneamente para ir com ela.

    "Origens de cada um aqui no grupo são diferentes, apesar de ter crescido em alto mar, minhas origens são no deserto. Eu cheguei a conhecer meu pai de sangue, aquele da qual me gerou. É o mesmo homem da qual estou caçando. Ele é um elfo do deserto, da qual também é um pirata que navega por diversos lugares. Não duvidaria que Amandia fizesse parte de sua prole, mas ao mesmo tempo, ela não tem as mesmas orelhas que eu" Ela comenta sorrindo, apontando para as orelhas escondidas pelos cabelos ruivos "Por isso eu duvidei de nossas origens, poderia ser qualquer tribo do deserto no final..." A ladina termina, se lembrando de algo que tinha comentado antes com Vorpal, sobre outro elfo do deserto.

    Ao retornar a mesa, ela se senta ao lado de Amandia e chama Vorpal para ficar próximo. "Amandia, o nome Rafik por algum acaso te lembra algo?" Ela indaga. Poderia ser coincidência, mas de memória rápida, a única outra pessoa que veio a mente, foi esse mesmo viajante que Vorpal tinha comentado com ela no começa da viagem.
    Gakky
    Adepto da Virtualidade
    avatar
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1586
    Reputação : 197
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1411.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Re: Grupo 2 - Rosa Rubra/Iyue e Dustan/Gakky

    Mensagem por Gakky em Dom Maio 14, 2017 9:59 pm

    Dustan vê Amandia passando mal e já corre para socorrê-la, porém Messina começa da falar e isso acaba tirando o seu foco. Mas foi quando Amandia despertou e começou a falar de namorado, que o foco de Dustan voltou rapidinho. Moon começava a dar seus conselhos, mas o guerreiro acha que era realmente melhor uma pausa, já que Amandia parecia estar delirando. Por sorte Rubra tinha a mesma ideia dele, de levar ela para a taverna. A elfa ruiva parecia ter respostas interessantes para tudo, até para os conselhos do fada, notou o guerreiro. Querendo ajudar o máximo que podia, Dustan vai pegar Amandia no colo e correr igual um doido com ela para dentro da taverna, como um cavalheiro salvando uma donzela, mesmo que ela diga que estava melhor. Quando achar um bom lugar para deixar Amandia sentada, vai conversar com a garota:

    - Tudo bem? Se sente melhor? Quer que eu te leve para algum lugar? Que traga algo?

    Dustan sempre ficava nervoso ao ver uma mulher sofrendo, e mesmo que ela voltasse a ficar corada, ele não iria deixar de ficar preocupado.

    - Você tem família aqui?

    Então Rubra o chama quando as coisas se alcamaram. A verdade era que ele queria ficar com os outros, mas vai até a elfa para saber o que ela diria. Ele fica pensando nessas informações e responde:

    - Entendo... Mas só porque ela não tem orelhas, não quer dizer que não seja da sua família... Quer dizer, não se pode afirmar nem que é, nem que não é... Talvez seu pai tenha tido um romance com uma humana...

    Então eles voltam para a mesa. Dustan observa a pergunta da elfa e espera curioso pela resposta. Também vai perguntar a Vorpal e Monn se estava bem:

    - E vocês se sentem bem? O frio não te faz mal Moon?

    Depois se vira para a maga e pergunta:

    - Se sente melhor? Você também não parecia bem com o frio, não quero que passe mal também. Falou de termas quentes? Se for te fazer bem, poderia aproveitar e ir.
    Hellkite
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1441
    Reputação : 95
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Re: Grupo 2 - Rosa Rubra/Iyue e Dustan/Gakky

    Mensagem por Hellkite em Ter Maio 16, 2017 11:32 pm

    O grupo, preocupado com o bem-estar de Amandia, se apressa em acudi-la. Rubra a ampara, mas Dustan é pratico e já a leva carregando no colo, sendo acompanhado pelos demais. “Parece que Dustan  decidiu o que devemos fazer... As vezes precisamos de ação, ao invés de falação”, comenta Vorpal. Eles entram rapidamente na taberna, e um olhar rápido já mostra que o lugar é quente e aconchegante.

    A taberna estava no momento vazia, com apenas alguns poucos funcionários fazendo a limpeza do salão principal. Logo eles indicam um sofá confortável, onde Dustan pode deixar Amandia sentada. A ruiva fica corada com o cuidado demonstrado pelo guerreiro, e diz que estava tudo bem.

    “Só preciso descansar um pouco, organizar minha cabeça. Tenho algumas imagens confusas, mas sei que estou no caminho certo... Me lembro de pessoas conhecidas antes, pessoas de que não lembrava ... E do meu namorado! Nós estivemos aqui. E fomos para as termas...”, diz, se levantando e caminhando para fora, mas então suas forças repentinamente lhe falham, tendo que ser novamente amparada pelo guerreiro.

    Ela então é deixada no sofá em frente da lareira, e Rubra chama Dustan para acompanha-la. Ela observa o interior da construção e ve que é bem confortável e iluminado.



    Comenta então sobre suas suspeitas a respeito de uma origem em comum da elfa com Amandia, e o guerreiro não nega a possibilidade.

    Dispostos a sanar as duvidas, a elfa pergunta a Amandia sobre Rafik. A outra ruiva leva a mão ate o rosto, cobrindo os olhos e pensando. Ela então diz, “sim, já ouvi falar, e sinto que ele teve uma importância grande na minha vida... Eu... Preciso ir ate as termas! Sinto que la esta o que procuro!”

    Dustan então volta sua atenção para Messina, Vorpal e Moon, que acompanhavam silenciosos a conversa. “Nós estamos bem!”, respondem quase em uníssono, preocupados com o que estava acontecendo com a companheira.

    “O frio realmente incomoda, mas uma vez aqui dentro da taberna me sinto bem melhor, obrigada pela preocupação, Dustan”, responde a maga, com um leve sorriso. “Você é bem cavalheiro, pena não ter te conhecido antes, poderia ate ter me apaixonado por você...”

    Messina então se volta para o grupo, “bem, como a Amandia precisa ir nas termas de qualquer jeito, é melhor nós garotas acompanha-la”, diz olhando para Rubra. “Os rapazes vão ter que ficar esperando aqui na taberna, sinto muito...”

    Moon fica indignado. “Isto que eu acho errado no grupo, esta divisão entre os sexos. Mostra uma total falta de confiança entre os integrantes, além de perda de tempo precioso e sem falar na insegurança que é dividir o grupo. Qual o problema de tomar banho juntos? Alias eu sou super-perito em esfregar costas femininas...”, reclama o fada.
    Gakky
    Adepto da Virtualidade
    avatar
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1586
    Reputação : 197
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1411.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Re: Grupo 2 - Rosa Rubra/Iyue e Dustan/Gakky

    Mensagem por Gakky em Dom Maio 21, 2017 4:05 pm

    Dustan se sente confortável na taverna, era um ambiente acolhedor. Ele presta atenção na conversa de Amandia e de Rubra, queria saber se eram parentes, estava curioso. Mas então a garota fala algo estranho novamente, o que ela procurava estava nas termas. O guerreiro franze as sobrancelhas confuso, mas pelo menos os outros estavam bem. Quando a maga fala que poderia ter se apaixonado, o guerreiro cora no rosto e nas orelhas. Desvia o olhar sem graça e ri para amenizar a situação.

    - Você tem bom humor... Sou só um camponês sem nome... Mas muito bem comprometido. - Diz rindo sem jeito.

    Então Messina fala sobre ir as termas. Moon fica indignado, mas Dustan aceita sem problemas:

    - Não seja pervertido! - Diz para Moon - É claro que vamos esperar. Mas se acontecer qualquer coisa, gritem. Nunca se sabe se tem inimigos por perto. Podem ir, ficarei vigiando o Moon.
    Iyue
    Samurai Urbano
    avatar
    Samurai Urbano

    Mensagens : 104
    Reputação : 0
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png

    Re: Grupo 2 - Rosa Rubra/Iyue e Dustan/Gakky

    Mensagem por Iyue em Sex Maio 26, 2017 8:24 am

    Rubra ao retornar para perto dos companheiros, tenta se aquecer melhor próxima a lareira pensando, enquanto escuta as palavras de Amandia. Seus olhos azuis levantam, encontrando os olhos do clérigo "Vorpal, você tinha comentado comigo sobre Rafik, poderíamos falar mais dele depois com Amandia para verificar se ela se lembra de mais coisas após as termas..." E com isso sua atenção se volta novamente ao fogo.

    Era bom ficar dentro de um local quente, mas a ladina continuava preocupada com a missão que foi passado para o grupo. Um fato bem grande era de que não gostava do perigo que todos estavam correndo, e sinceramente sua mente se divida em vários objetivos. Mas ao escutar as palavras de Messina, ela sorri e se levanta. "Um bom banho quente para aquecer o corpo, me parece uma boa tática" Ela observa Moon ficando indignado, e sorri para o amigo "Meu querido, eu não gostaria de levar um choque por você estar participando desse banho, afinal de contas, água e eletricidade não se misturam muito bem" Ela comenta com um sorriso "Mas se tens tanta insegurança, todos vocês poderiam ficar próximos o suficiente para escutar o nosso grito, assim vocês poderiam nos auxiliar quando fosse necessário"


    A elfa agradece o guerreiro com um sorriso, antes de pegar sua sacola e caminhar com Amandia e Messina para as termas. Tendo certeza de prender suas armas ao seu alcance. Ela sorri ao ouvir um pouco da conversa sobre comprometimento "Me pergunto como é a noiva de Dustan, um homem apaixonado é um homem dedicado" Ela comenta com um riso. "Espero que encontre um homem tão bom quanto ele, Messina" Ela diz, desejando realmente o bem para a colega, enquanto as três caminhavam.
    Hellkite
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1441
    Reputação : 95
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Re: Grupo 2 - Rosa Rubra/Iyue e Dustan/Gakky

    Mensagem por Hellkite em Sab Maio 27, 2017 1:04 am

    Rubra escreveu:Rubra ao retornar para perto dos companheiros, tenta se aquecer melhor próxima a lareira pensando, enquanto escuta as palavras de Amandia. Seus olhos azuis levantam, encontrando os olhos do clérigo "Vorpal, você tinha comentado comigo sobre Rafik, poderíamos falar mais dele depois com Amandia para verificar se ela se lembra de mais coisas após as termas..."

    Vorpal devolve o olhar de Rubra com o seu usual rosto inexpressivo. “Não sei se poderia ser de mais ajuda, mas podemos tentar... Posso falar sobre as historias que ele me contou, ou de sua aparência. Pode ser que isto reavive sua memoria, quem sabe?”

    Dustan escreveu:Quando a maga fala que poderia ter se apaixonado, o guerreiro cora no rosto e nas orelhas. Desvia o olhar sem graça e ri para amenizar a situação.

    - Você tem bom humor... Sou só um camponês sem nome... Mas muito bem comprometido. - Diz rindo sem jeito.

    Messina também ri junto com Dustan. “Seu bobo... Sua namorada tem sorte...”, comenta.

    Dustan escreveu:Então Messina fala sobre ir as termas. Moon fica indignado, mas Dustan aceita sem problemas:

    - Não seja pervertido! - Diz para Moon - É claro que vamos esperar. Mas se acontecer qualquer coisa, gritem. Nunca se sabe se tem inimigos por perto. Podem ir, ficarei vigiando o Moon.

    Moon revira os olhos, balança a cabeça e esbraveja. “Pervertido, eu? Ah, como eu sou injustiçado, pensando sempre no melhor de nossas garotas... Mas tudo bem, algum dia ainda verão que tenho a razão!”

    Rubra escreveu: Ela observa Moon ficando indignado, e sorri para o amigo "Meu querido, eu não gostaria de levar um choque por você estar participando desse banho, afinal de contas, água e eletricidade não se misturam muito bem" Ela comenta com um sorriso "Mas se tens tanta insegurança, todos vocês poderiam ficar próximos o suficiente para escutar o nosso grito, assim vocês poderiam nos auxiliar quando fosse necessário"

    O fada suspira e alça os ombros. “Se preferem assim, que assim seja. Depois não vão falar que eu não avisei!”

    Messina cerra os olhos e coloca as mãos na cintura, irritada. “Moonbeam, palavras tem poder... Então é melhor calar a boca, antes que suas pragas se transformem em coisas reais. E nem se atreva a espiar a gente, que eu frito seu negocinho!”, ameaça a maga.

    As garotas então pegam suas coisas e vão conversar com o dono da estalagem, que informa o preço e entrega toalhas limpas para elas.

    Dustan observa as suas companheiras indo embora, e iria comentar alguma coisa com Moonbeam, mas então ele percebe que o fada tinha sumido! Vorpal olha pelo interior da taverna, e não ve nenhum sinal de Moon. “Se bem que se ele não quiser ser visto, sera difícil encontra-lo... A não ser que se use magica, seres invisíveis são muito difíceis de se detectar...”, explica o clérigo.

    O guerreiro, sentindo-se responsável por Moon, começa a procura-lo pela estalagem. E quando ele passa próximo da despensa, ele escuta as vozes de duas jovens conversando. Eram atendentes da taverna, e estavam jogando conversa fora. “Ah, com certeza devia se tratar de um nobre... Ele tinha um palavreado tão bonito, e era muito charmoso... Se bem que aqueles chifrinhos me davam medo!”, disse uma delas. A outra então perguntou, “seria um demônio?” “Acho que não... Ah, mas seus beijos eram bem quentes... hihi! Ele disse que ia voltar para a taverna só pra me ver de novo! Quem sabe ele não me leva la pra terra dele?”

    Enquanto isto, as garotas caminhavam em direção das fontes. Depois de saírem do estabelecimento, elas tiveram que se expor ao frio e andar um pouco, seguindo uma trilha de pedras. Mas ao chegarem acabaram se maravilhando, pois o local era muito bonito, com o vapor da agua quente se elevando lentamente da superfície do pequeno lago. A agua tinha cor azul clara e de mediana transparência, devido aos sais minerais presentes em sua composição.



    Amandia estava bem animada. “Sim, sim, me lembro deste lugar. Eu e meu namorado estivemos aqui, e entramos bem por aquela passagem... Sentamos nas pedras que ficavam bem no meio e então...”, a ruiva interrompeu sua fala, ficando subitamente vermelha. Messina da uma risadinha. “Já entendi... depois voce me conta os detalhes, quero saber tudinho do que vocês fizeram!”, comenta a maga.

    Rubra escreveu: "Me pergunto como é a noiva de Dustan, um homem apaixonado é um homem dedicado" Ela comenta com um riso. "Espero que encontre um homem tão bom quanto ele, Messina" Ela diz, desejando realmente o bem para a colega, enquanto as três caminhavam.

    Messina suspira, faz uma careta e balança a cabeça. “Ah, os homens... Os bons já estão todos comprometidos, parece que eu sempre chego atrasada... E fico com os ruins,” diz ela, lamentando. Com um sorriso sem graça, ela alça os ombros. “Dustan só tem olhos para a esta outra ai... Não tenho a mínima chance... E voce Rubra, o que acha do Dustan?”
    Gakky
    Adepto da Virtualidade
    avatar
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1586
    Reputação : 197
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1411.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Re: Grupo 2 - Rosa Rubra/Iyue e Dustan/Gakky

    Mensagem por Gakky em Sab Maio 27, 2017 8:27 pm

    Dustan se surpreende com a teimosia do fada. Ele era bastante insistente. Messina também não ajudava a acalmá-lo. Pior foi quando notou que Moon havia sumido. Vorpal fala alguns conselhos, mas o guerreiro não sabia nada sobre magia. Então começa a procurar do jeito que sabe, pela visão e comenta com Vorpal:

    - Eu não sei nada de magia... Esse Moon... Será que fui muito rude com ele? Espero que ele não tenha ido espiar as garotas - Disse Dustan.

    Então enquanto procura, acaba ouvindo uma conversa bem estranha. Decide então voltar e perguntar a Vorpal sobre o que ouviu:

    - Vorpal, vem aqui, ouvi algo estranho - Com a voz baixa o guerreiro continua contando - Ouvi duas mulheres conversando sobre um homem que tinha chifres... Uma delas questionou se era um demônio, mas a outra disse que achava que não porque... Bom, parece que o suspeito a beijou e ainda disse que voltaria para vê-la. Acha que nossas amigas correm perigo com algo assim? E sabe quem ou o que poderia ser ele?
    Iyue
    Samurai Urbano
    avatar
    Samurai Urbano

    Mensagens : 104
    Reputação : 0
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png

    Re: Grupo 2 - Rosa Rubra/Iyue e Dustan/Gakky

    Mensagem por Iyue em Dom Maio 28, 2017 7:03 pm

    Rubra solta uma leve reclamação novamente ao sentir o frio, mas logo ri com a situação que Amandia ficou. "Eu dispenso detalhes, pode contar só para Messina mesmo" Ela ri quando finalmente chegam nas termas. Sentando-se na beira da piscina, ela começa a tirar as suas botas para colocar os pés nas águas quentes quando a pergunta de Messina a pega desprevenida.

    "Minha opinião sobre o guerreiro?" Ela reafirma a questão em voz alta, enquanto começa a soltar os amarrados de sua roupa. "Ele é uma pessoa gentil e educada, diferente de muitos da qual eu conheci. Mas ele de certa maneira me lembra meu pai e... Mais uma pessoa que eu conheci" Ela diz sorrindo enquanto seus dedos brincavam com a sua aliança. "De qualquer maneira, fora as memórias quentes, mais alguma outra lembrança Amandia?" Ela questiona, trocando rapidamente o assunto, ficando apenas com a sua camisa cobrindo seu corpo quando entra nas termas, ainda assim próxima das suas coisas e armas, não se sentindo completamente a vontade de mostrar suas cicatrizes novamente. Também não queria dar uma perfeita visão para Moonbeam caso ele viesse espionar elas, ou caso algum outro homem pervertido passasse por ali.

    "Será que vamos ficar muito tempo por essas terras?" Rubra indaga o ar, sem direcionar a pergunta para ninguém em específico.
    Hellkite
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1441
    Reputação : 95
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Re: Grupo 2 - Rosa Rubra/Iyue e Dustan/Gakky

    Mensagem por Hellkite em Qua Maio 31, 2017 5:03 pm

    Dustan escreveu:- Eu não sei nada de magia... Esse Moon... Será que fui muito rude com ele? Espero que ele não tenha ido espiar as garotas  

    Vorpal balança a cabeça negativamente. “Moonbeam esta acostumado a ser tratado desta maneira. Alias, ele fala coisas tao absurdas, que talvez não se possa trata-lo de outra forma...”

    Dustan escreveu:- Vorpal, vem aqui, ouvi algo estranho - Com a voz baixa o guerreiro continua contando - Ouvi duas mulheres conversando sobre um homem que tinha chifres... Uma delas questionou se era um demônio, mas a outra disse que achava que não porque... Bom, parece que o suspeito a beijou e ainda disse que voltaria para vê-la. Acha que nossas amigas correm perigo com algo assim? E sabe quem ou o que poderia ser ele?  

    O clérigo leva a mão até o queixo, elevando o olhar para cima pensativo. “Embora demônios em muitas de suas formas possuam chifres, o fato de ter chifres não indica que alguém seja demônio. Este ser ainda se encontra por aqui? Se for um demônio, sim, poderia representar perigo... Preciso de mais informações para poder dar uma resposta mais concreta...”

    Enquanto isto, nas fontes termais...

    Rubra escreveu: "Eu dispenso detalhes, pode contar só para Messina mesmo"

    Amandia fica mais vermelha ainda. “Eu não me lembro muito bem... E também não gosto de ficar falando destas coisas. E pare com este sorriso bobo, Messina!”, comenta indignada a ruiva.

    Rubra escreveu: "Minha opinião sobre o guerreiro?" Ela reafirma a questão em voz alta, enquanto começa a soltar os amarrados de sua roupa. "Ele é uma pessoa gentil e educada, diferente de muitos da qual eu conheci. Mas ele de certa maneira me lembra meu pai e... Mais uma pessoa que eu conheci"

    Messina arqueia uma sobrancelha, enquanto começa a se despir. “E pelo visto você já esta comprometida com esta outra pessoa misteriosa... Ah já vi tudo”, suspira a maga. Seu rosto estava desolado. “Sou a única neste grupo que não tem ninguém... E será assim por um bom tempo... Dustan tem sua noiva e Vorpal é muito estranho... Vida cruel...”

    Rubra escreveu:  "De qualquer maneira, fora as memórias quentes, mais alguma outra lembrança Amandia?"

    Tanto Amandia quanto Messina entram nas aguas quentes nuas, e observam Rubra com sua camisa ainda por sobre seu corpo. Nenhuma menciona o fato, e se limitam a sentir o calor gostoso da agua quente em suas peles. A darkovana fecha os olhos, e então volta a abri-los, fitando Rubra. “Seu nome é Belgos Coborel, e é um drow! Um drow! Um elfo negro! Não faz o mínimo sentido, por que namoraria um elfo negro? Não existem elfos negros em Darkover!”, diz, e olha em direção da pedra no meio do lago. “Nós estávamos lá, e sinto que devo sentar naquela pedra!”

    Amandia da um mergulho e nada pelo lago, até chegar até a pedra indicada por ela. Com os braços a humana se ergue e se senta na pedra, apesar do frio que era permanecer com o corpo para fora das aguas quentes. E então novamente perde os sentidos!

    Rubra e Messina rapidamente nadam em sua direção para acudi-la, mas quando chegam a ruiva já estava desperta. Ela segura nos ombros das duas de maneira firme, fitando-as nos olhos com uma expressão desesperada. “Fomos capturados, eu e Belgos! Resistimos, mas em vão! Pela guarda azul! E então... então fomos levados para Augurio... E... nos interrogaram... Mexeram com minha cabeça...”, diz, e então baixa o olhar, lamentando. “Por isto estou assim, sem memoria, sem passado...”

    Rubra escreveu:Será que vamos ficar muito tempo por essas terras?"

    Messina suspira, desanimada. “Pois é colega, da maneira como as coisas estão indo, me parece que vamos ter que aguentar este frio maldito por mais um bom tempo...”
    Gakky
    Adepto da Virtualidade
    avatar
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1586
    Reputação : 197
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1411.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Re: Grupo 2 - Rosa Rubra/Iyue e Dustan/Gakky

    Mensagem por Gakky em Ter Jun 06, 2017 10:07 pm

    Dustan ouve Vorpal atentamente, mas seria difícil saber se ainda o homem estava ali, não queria se intrometer na conversa das duas moças.

    - Não posso simplesmente chegar até elas e dizer que eu ouvi a conversa delas...

    O guerreiro pensa um pouco, e acha que talvez se perguntasse ao taverneiro, ele poderia saber.

    - Já sei, vou perguntar ao taverneiro. - Diz a Vorpal.

    Então se aproxima do taverneiro e tenta saber mais sobre esse homem, mas falando baixo:

    - Senhor, pode me ajudar? Por acaso viu hoje algum homem de chifres por aqui?
    Iyue
    Samurai Urbano
    avatar
    Samurai Urbano

    Mensagens : 104
    Reputação : 0
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png

    Re: Grupo 2 - Rosa Rubra/Iyue e Dustan/Gakky

    Mensagem por Iyue em Ter Jun 06, 2017 11:00 pm

    Rubra relaxa com o contato das águas quentes, e levanta seu olhar a Messina, e dá um sorriso bobo antes de balançar a cabeça. "Fiz uma promessa, mas o pedido realmente não foi feito. Então pelos nossos termos, eu ainda estou livre, mas prefiro chamar essa pessoa de meu noivo... Se ele não me enrolar demais" Ela então fica a escutar os arredores antes de olhar para Amandia "Belgos... Coborel..." Ela diz, tentando se recordar desse nome, mas ela volta a prestar atenção na ruiva. "Um Elfo negro? Aqui? Tem certeza que ambos não viveram em barcos grandes antes?" Ela comenta com um sorriso antes de perceber a situação que a outra ruiva se encontrava.


    "Não está mais sem memória, você tem uma esperança, então não se preocupe, certo?" A elfa comenta trazendo a colega novamente para as águas quentes antes de se sentar novamente próxima de suas coisas, olhando Messina suspirar. "Por que não poderia ser as areias escaldantes do deserto?" A ladina concorda suspirando pesadamente, afundando-se nas águas, deixando apenas a cabeça realmente para fora "Mas, se olhar pelo lado bom, talvez você encontre alguém que possa aquecer sua cama Messina" Ela sorri. "Não se preocupe, quanto mais se preocupa com esses assuntos, mais difícil fica perceber alguém que vale a pena"
    Hellkite
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1441
    Reputação : 95
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Re: Grupo 2 - Rosa Rubra/Iyue e Dustan/Gakky

    Mensagem por Hellkite em Qui Jun 08, 2017 10:09 pm

    Dustan percebe que poderia obter mais informações com o taberneiro, e vai em sua direção. O homem, que era calvo, com exceção de uma coroa de cabelos brancos, coça o bigode pensativo. “Hmm, homem de chifres? Não, hoje não... Mas faz 3 dias veio uma carruagem até a minha taverna, e nela tinha um homem de chifres, sim... A principio fiquei assustado, pensando que era o próprio demônio em pessoa que tinha vindo buscar minha alma, mas até que era uma pessoa simpática. Disse que veio de bem longe e procurava um local para pernoitar. No final ele gostou tanto que até disse que depois que voltasse de Augurio iria dormir aqui de novo!”

    Enquanto isto, nas fontes...

    Rubra tenta se lembrar de algo relativo ao nome do namorado de Amandia, mas nada lhe vem a mente. Elfos negros em Darkover? Não fazia sentido isto. A outra ruiva também não podia crer naquilo, a sua mente embaralhada com fatos passados verdadeiros e mentirosos. “Ainda não é o suficiente, Rubra... Não me lembro de nada de antes das fontes... Além daquilo que já estava na minha memoria, de andar de cidade em cidade, vila em vila daqui desta ilha. Meu sonho com desertos pode indicar que eu seja de Rabiah, já que por la existem grandes famílias de elfos negros, posso ter me apaixonado por um, quem sabe...”, diz, com o corpo mergulhado até o pescoço na agua quente. “Lembra de quando me convidou para fazer parte da sua tripulação? Eu realmente fiquei feliz! Posso realmente ter vivido em barcos, talvez eu seja do povo do deserto próximo do mar... Quem sabe...”

    Messina já estava bem corada com o calor das aguas, e estava recostada a uma das pedras, mantendo seu corpo devidamente mergulhado dentro do lago. Com a cara seria, ela diz: “As pessoas me acham uma chata, mas prefiro falar as coisas de maneira realística. Amandia, tudo isto são suposições. Fato é que voce tem que dar um jeito de consertar suas memorias. Não entendo muito de feitiços e encantamentos, mas não existe nada melhor que uma magia de cancelamento para resolver qualquer problema relativo a controle mental. Deve existir algo parecido com o poder que vocês tem ai...”

    Messina nada para próximo de Rubra, estando mais interessada na conversa sobre relacionamentos amorosos do que no problema de Amandia. “Tem razão... Melhor que aconteça naturalmente... Mas também porque demora tanto? Homens existem aos montes, mas aqueles que prestam? Pfft! Conto nos dedos!”, diz, dando uma risadinha.

    Neste momento se escuta um quebrar de um galho, e o som de o que parecia ser uma pedra cair no lago, fazendo um “tchibum”! Messina olha para o lugar, e depois volta seu olhar para Rubra e Amandia, cerrando as sobrancelhas. Amandia logo trata de se esconder atrás das pedras.
    Gakky
    Adepto da Virtualidade
    avatar
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1586
    Reputação : 197
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1411.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Re: Grupo 2 - Rosa Rubra/Iyue e Dustan/Gakky

    Mensagem por Gakky em Qua Jun 14, 2017 10:25 pm

    Dustan fica aliviado por saber que o homem não estava lá, pelo menos não hoje. Mas ainda desconfiava do homem de chifres. Ele volta para perto de Vorpal e conta tudo que descobriu em voz baixa:

    - O taverneiro disse que há três dias o homem de chifre estava aqui, mas que não está hoje. E disse que foi simpático e que voltaria de Augurio. Isso lhe diz algo?

    Depois o guerreiro suspira entediado e diz:

    - Elas estão aproveitando, enquanto estamos aqui sentindo frio. Que tédio... Me conte um pouco sobre você Vorpal, não há muito para descobrir sobre mim, apenas um camponês que sabe usar a espada. Mas e você? Tem alguma pretendente? Pretende se casar um dia? Acho que a melhor coisa que se pode ter no mundo, é uma família e estar com quem amamos.- Então pega sua chave e fica olhando.
    Iyue
    Samurai Urbano
    avatar
    Samurai Urbano

    Mensagens : 104
    Reputação : 0
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png

    Re: Grupo 2 - Rosa Rubra/Iyue e Dustan/Gakky

    Mensagem por Iyue em Dom Jun 18, 2017 10:17 am

    Rubra sorri para a outra ruiva "Ainda assim, tens um começo, e se depender de mim, é bem capaz que vamos viajar para todos os lugares desse mundo" Ela diz relaxando em seu lugar, olhando para cima, pensando ainda nas palavras das colegas. "Povos do deserto huh..... E viver em barcos é a melhor coisa do mundo, vocês iriam gostar mais se tivessem a cabine do capitão, mas os demais pontos também não são tão ruins" Ela comenta mais consigo mesma do que com as demais.

    "Olha, vocês duas vão ter que me desculpar, mas de magia eu entendo bulhufas! Prefiro mais a magia que uma boa caneca de rum faz ao homem após o seu décimo gole, eles param de ver o que realmente está na frente deles e começam a cortejar qualquer coisa" A ladina ri, lembrando das suas primeiras táticas para roubar os pobres marujos. Ainda assim, era uma tática muito efetiva. Olhando para Messina que nadou próxima dela, ela pensa sobre o assunto, segurando o riso. "Ah, terão de me desculpar de novo, mas todos os homens prestam... Prestam principalmente para nos dar dinheiro sem perceberem que não ganharam nada em troca" Ela sorri um sorriso maldoso, e da uma piscadela para as colegas. "Parei parei!" Ela começa a rir levemente.

    Ao escutar o barulho do quebrar de galho, a mente de Rubra já estava funcionando a mil, tinha já saído das águas quentes que a protegiam desse frio, e tacava as roupas mais próximas de si. Corria para pegar a besta e manter ela posicionada em suas mãos, mirando para aonde tinha escutado o quebrar dos galhos, seu olhar buscando um local para se esconder. Decidindo que era melhor chamar por ajuda, ela berra para chamar a atenção dos colegas dentro da taverna, com sorte eles iriam ouvir. "QUEM ESTÁ AÍ! SAIA LOGO!" Ela diz, se mantendo ainda próxima de alguma das pedras para utilizar como cobertura, mas sabia que provavelmente não iria conseguir atirar em nada, estava tremendo de frio naquele lugar insuportável, e sua camisola grudada revelando o corpo esbelto estava encharcada, não a protegia sequer de vento algum.
    Hellkite
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1441
    Reputação : 95
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Re: Grupo 2 - Rosa Rubra/Iyue e Dustan/Gakky

    Mensagem por Hellkite em Seg Jun 26, 2017 5:51 pm

    Vorpal ouve as informações trazidas por Dustan, e sorri levemente, satisfeito. “Hmm, parece que Shadowlady nos agraciou com uma bela surpresa. Coincidencias que resultam em morte. Só espero que não as nossas...”, pensa em voz alta. Ao notar o olhar inquisitivo, o clérigo da morte, explica: “este homem de chifre provavelmente é quem estamos procurando, pois em Nova Karzek muitos dos nobres e pessoas notáveis ou são demônios ou descendentes deles. Como disse 3 dias, é exatamente o espaço de tempo que os informantes em Kharta falaram que o embaixador havia chegado por estas terras. Deve então ter concluído o que veio fazer em Darkover e está voltando. Vamos falar com as meninas... sobre as novidades.”

    No caminho até as termas, Vorpal comenta um pouco sobre sua vida. “No momento não me preocupo em me casar ou ter filhos. Estou em uma época que o mais importante para mim é viver a vida, aprender e se for possível, ensinar. Engraçado um clérigo da morte dizer isto, não? Mas veja bem, a morte é o destino final, e cabe a cada um de nós fazer o máximo possível da nossa viagem até lá. Espero sim encontrar alguém na minha jornada, e criar mais pessoas para viverem suas próprias jornadas, mas deixarei para um ponto mais la para frente”, comenta, pensativo.

    Do lado de fora, eles ouvem um grito, a voz de Rubra, dizendo, “Quem esta ai! Saia logo!”

    Vorpal segura a mão de Dustan, e com um sinal pede para que faça silencio. “Vamos acompanhar escondidos o que esta ocorrendo...”, sugere.

    **

    Rubra escreveu:"Povos do deserto huh..... E viver em barcos é a melhor coisa do mundo, vocês iriam gostar mais se tivessem a cabine do capitão, mas os demais pontos também não são tão ruins"

    Amandia acompanha interessada as palavras de Rubra. “Imagino que a melhor parte da cabine do capitão seja viver longe dos outros marujos fedorentos e barulhentos... Como os homens são fedidos, com tanta agua no mar, não podiam tomar banho com mais frequencia?”

    Rubra escreveu:Ah, terão de me desculpar de novo, mas todos os homens prestam... Prestam principalmente para nos dar dinheiro sem perceberem que não ganharam nada em troca"

    Messina da uma grande risada, e joga agua sobre a elfa. “Kkk, isto é verdade, já ganhei vários presentes de alguns trouxas. E parece que ganho mais daqueles que eu trato pior... Seriam todos masoquistas?”

    Rubra escreveu:" QUEM ESTÁ AÍ! SAIA LOGO!"

    Amandia permanece escondida atrás de uma pedra dentro do lago, enquanto Rubra com a camisola grudada e passando um frio extremo, vasculhava os arredores na mira de sua besta. Messina, meio mergulhada na fonte, acompanhava andando na agua pelas laterais. “Pode sair dai, seu fadinha de merda! Voce vai se arrepender de ter nascido, seu bisbilhotador tarado de meia-tigela!”

    Porém o aparecimento de dois homens vestindo a armadura característica da guarda azul de Darkover pega a todas de surpresa. Messina, envergonhada por se deixar mostrar, logo escorrega e cai na agua de traseiro, tentando esconder seu corpo.

    Um dos homens mal consegue esconder um sorriso cínico no rosto, mas o outro estava mais serio. Ele diz, em tom solene, “desculpe-nos a intromissão, mas notamos que estão em companhia de uma criminosa darkovana procurada. Sim, é a ruiva que esta atrás das pedras. Nós iremos prende-la, por favor abaixem as armas e retirem-se deste local.”
    Gakky
    Adepto da Virtualidade
    avatar
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1586
    Reputação : 197
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1411.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Re: Grupo 2 - Rosa Rubra/Iyue e Dustan/Gakky

    Mensagem por Gakky em Ter Jul 04, 2017 11:49 am

    Dustan fica surpreso com a informação de Vorpal, era sinal que estavam indo na direção certa. Eles caminham até as termas, enquanto o guerreiro ouve a resposta do amigo sobre casar e ter filhos. Ele ir com o último questionamento do companheiro.

    - Entendo, mas se esperar demais pode estar muito velho para casar e... - Já ia responder o guerreiro quando ouviu o grito de Rubra.

    Dustan desembainha logo sua espada e está preparado para a briga quando Vorpal o impede e sugere irem em silêncio. O guerreiro embora quisesse logo chegar a sair cortando todos, faz como o conselho e se aproxima devagar e em silêncio. Ele escondido, ouve o que o homem tinha a dizer, queriam a darkovana. Se for possível, Dustan vai combinar com Vorpal de chegar por trás dos homens e os render com a espada:

    - Não é honroso bisbilhotar o banho das três damas. Não se movam ou cortaremos suas gargantas.

    Se não for possível, ele vai aparecer com a espada e ameaçar primeiro:

    - Quem são vocês? Não permitirei que sobrevivam depois de desrespeitarem essas damas!
    Conteúdo patrocinado


    Re: Grupo 2 - Rosa Rubra/Iyue e Dustan/Gakky

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Dom Dez 17, 2017 12:26 am