Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


  • Responder ao tópico

[Interlúdio: Kazama Sogetsu] O Desfiladeiro do Trovão

Compartilhe
fred~
Samurai Urbano
avatar
Samurai Urbano

Mensagens : 127
Data de inscrição : 24/10/2015

[Interlúdio: Kazama Sogetsu] O Desfiladeiro do Trovão

Mensagem por fred~ em Sex Maio 12, 2017 6:26 pm


No gramado fora do dojo/santuário dos Kazama, o mestre Asahina Okashi iniciava um sermão:

- Como esperam ter contato com os espíritos com essas coisas? Acharam que seria tão óbvio assim? Com um pouco de água do rio, falar com a Água? Com as pedras e gravetos, falar com a Terra? Com essas folhas, falar com o Ar? Com as folhas, gravetos e as pedras talvez falar com o fogo? Não, vocês estão ainda muito longe de compreender...

O jovem Sogetsu e seu irmão, Hiruma Kazuki, observaram o seu mestre olhar com reprovação para o itens que eles trouxeram e então para os seus pupilos. A tarefa tinha sido juntar materiais que permitissem se comunicarem com os espíritos. Essa era uma tarefa quase impossível para aqueles que não eram shugenjas. Mas se quisessem ser sensitivos e caçar demônios/yokais, o que a família Kazama buscava se especializar, precisavam aprimorar essas técnicas.

- Mas mestre, talvez se tivéssemos acesso ao templo, seria mais fácil...

O mestre se levantou exasperado, espirrou (ele tinha voltado aparentemente resfriado de uma caminhada ontem a noite) e então falou se abanando como quem estava consternado:

- Já falei para não buscar soluções simples! Nem sempre o caminho mais fácil é o mais indicado... e quando ele não for possível?! Não, há outras maneiras de se conseguir isso... Esses itens que vocês trouxeram não foram de todo inúteis, mas precisam de mais! Estão dispostos a buscar o elemento mais enigmático de todos, onde muitos perdem a razão se não buscá-lo com sabedoria: o Vazio?


Sogetsu logo achou que aquela devia mesmo ser uma lição muito importante já que seu mestre raramente se exaltava. Fazer perguntas se eles estavam dispostos a algo, então... Mas prontamente, como num uníssono, respondeu com o irmão que sim.

- Pois bem, vocês devem partir para um local perto daqui chamado Desfiladeiro do Trovão que já devem ter ouvido falar. Sim, há coisas perversas por lá, mas vocês já devem estar mais do que bem treinados e capazes de não entrarem em confrontos desnecessários. Devem buscar lá um templo onde certamente falarão com os kamis, será uma verdadeira experiência que jamais esquecerão. Vocês devem estar preparados no entanto, a jornada poderá não ser breve.

E com essas instruções simples, os irmãos partiram cada um para o seu quarto preparar suas coisas para viagem. O mestre disse para eles se apressarem, que não havia tempo para se despedirem de ninguém, já que ontem mesmo tinha ido checar se o caminho era seguro e que dentro em breve poderia não ser.

No caminho de volta porém, Sogetsu encontrou sua meia-irmã mais nova, Nagiko. Como esperado, ela ficou pentelhando perguntando para onde iriam, porque não brincavam mais com ela e se ela poderia ir junto. Se ele negasse mesmo assim ela disse que iria escondida e ele tinha plena certeza que ela o faria, sendo uma perda de tempo tentar fazer algo.

OFF:
Resoluão da cena:

A- Deixar sua irmã ir com vocês.

B- Tomar alguma providência pra que ela fique.
spectro
Garou de Posto Cinco
avatar
Garou de Posto Cinco

Mensagens : 2177
Data de inscrição : 13/05/2014

Re: [Interlúdio: Kazama Sogetsu] O Desfiladeiro do Trovão

Mensagem por spectro em Sab Maio 20, 2017 8:55 pm

Os garotos estavam perto de partir quando foram surpreendidos pela jovem Nagiko, agora tinham um grande problema pela frente.

Sogetsu coçou a cabeça, sabia que o lugar para onde iriam não era lugar para crianças, Kasuki prontamente disse a muleca que não iria ir de jeito nenhum, e então uma discussão acalorada se iniciou.

- Você é criança não pode ir conosco...

- Bobão! Não sou criança não!!!

- É sim...

Sogetsu sabia que aquilo poderia demorar horas, então não teve escolha, sabia que não devia levá-la mas se não se apressassem poderiam novamente serem censurados por seu sensei.

Então a menina acabou indo, Kazuki deu ideia para amarrá-la, o que levou a menina a inchar as bochechas, Sogetsu sabia que não ia adiantar, as advertências do sensei foram claras para que nem sequer se despedissem.

Portanto Sogetsu e seus irmãos partiram até o desfiladeiro do trovão munidos de alguns objetos e comida.
fred~
Samurai Urbano
avatar
Samurai Urbano

Mensagens : 127
Data de inscrição : 24/10/2015

Re: [Interlúdio: Kazama Sogetsu] O Desfiladeiro do Trovão

Mensagem por fred~ em Qua Maio 31, 2017 5:35 pm

- Você é o melhor-melhor irmão do mundo inteirinho!!! - a menina pula nas costas de Sogetsu e se agarra quase como um bicho preguiça - E o kazuki é um bobão! - mostra a língua.

Kazuki dá de ombros e vai guiando o caminho. A viagem tem início e Sogetsu não consegue conter um sorriso de satisfação, finalmente estava numa jornada com o seu irmão, e isso a apenas pouco tempo de saber que ele era de fato seu parente. Não acreditou quando a mãe contou para os dois que o garoto que vinha sempre treinar era do seu sangue, mas ainda era um segredo. Talvez por isso ele mesmo não tenha ido ainda até as terras dos Caranguejo treinar por um tempo, porque é uam situação delicada. Não importa, era uma aventura e iria aproveitar! Mas tinha também a garota... Faria o possível para ela não estragar as coisas.

Um bom tempo de caminhada depois, em que tiveram de aguentar umas azucrinações de Nagiko, a paisagem mudou de florestas esparsadas e campos de arroz, para algo montanhoso e uma relva quase morta. Era algo meio desolador, mas Kazuki disse que já vira piores nas terras do Caranguejo. 

- Paremos aqui para acampar. - O Caranguejo disse como um verdadeiro general de guerra. Nessa hora Nagiko revirou os olhos.

A jornada já estava cansativa e nem pareciam estar na metade dela.
spectro
Garou de Posto Cinco
avatar
Garou de Posto Cinco

Mensagens : 2177
Data de inscrição : 13/05/2014

Re: [Interlúdio: Kazama Sogetsu] O Desfiladeiro do Trovão

Mensagem por spectro em Qua Maio 31, 2017 6:19 pm

Sogetsu atende seu irmão prontamente, era visível o cansaço da menininha que logo deitara diante da grama, o local parecia mesmo bom para ficarem por um certo tempo, Sogetsu olhava em volta enquanto seu irmão olhava Nagiko.

- Vou buscar lenha, depois podemos tentar fazer fogo com dois galhos, se quiser comer algo enquanto estou fora tudo bem, não me importo, cuide dela por favor, você sabe o quanto é frágil, se algo acontecer com ela a mamãe vai pegar no nosso pé.

Sogetsu deu esta desculpa mas na verdade amava muito Nagiko, embora ficava tempos fora por causa dos treinos, amava muito sua mãe e irmã, em seus desejos secretos queria formar um reino onde seus parentes pudessem viver em luxo e riqueza, gostaria que Kazuki fosse seu general mais importante, queria ser um Daimyo ou Shogun, bem isto era algo muito a frente de seu tempo, ainda era um garoto em treinamento.

Quando voltou de seus pensamentos internos viu uma arvore frutífera e apanhou um de seus frutos, comeu um pedaço e caminhava a procura de lenha, viu alguns gravetos e foi até eles, foi pegando um a um, ouviu um barulha de ave ao longe e olhou ao redor, como aquela paisagem era bela. Pegou gravetos e lenha suficientes para carregar voltou até seus irmãos.

- Olha uma flor!!! Nagiko vai gostar desta... - Abaixou para pegar a flor para a irmãzinha, deixou cair alguns gravetos, depois de se ajeitar os pegou de volta.
fred~
Samurai Urbano
avatar
Samurai Urbano

Mensagens : 127
Data de inscrição : 24/10/2015

Re: [Interlúdio: Kazama Sogetsu] O Desfiladeiro do Trovão

Mensagem por fred~ em Sab Jun 17, 2017 11:55 am

Os dois irmãos pararam um pouco e deixaram o silêncio pesar no ar. Talvez Sogetsu tenha falado demais e revelado que os dois eram irmãos, mas a menina devia estar dormindo e não escutou. Ela não sabia ainda, e isso poderia causar problemas ainda mais da forma como ela falava aos quatro ventos...

Recebendo a flor, mais tarde, Nagiko gostou tanto que a prendeu nos cabelos e foi falando dela o resto do caminho inteiro. Até que então chegaram em uma região montanhosa de ravina e vegetação esparsa. Era quase deserto, com muitas pedras e uma neblina que pairava baixa. Tinha-se a impressão que o Sol ficou mais fraco por ali, com nuvens o encobrindo. Havia também um silêncio não-natural.

Eles tinham ouvido falar desde sempre de locais assim, como que tocadas pelas Terras das Sombras, eram poucas dentro do Império, mas que com certeza um mau rodava por ali, a espreita, a espera de incautos... Bom, o mestre deles tinham verificado a segurança da viagem antes não? Então não seria tão difícil. Mas mesmo assim, um clima de opressão os invadia enquanto caminhavam. A própria Nagiko parecia não se sentir mais tão confiante assim, escondendo-se atrás do seu "irmãozão" enquanto olhava assustada ao redor.

Um chuva fina começou a cair, tornando o caminho pelas pedras mais perigoso.
spectro
Garou de Posto Cinco
avatar
Garou de Posto Cinco

Mensagens : 2177
Data de inscrição : 13/05/2014

Re: [Interlúdio: Kazama Sogetsu] O Desfiladeiro do Trovão

Mensagem por spectro em Qua Jun 21, 2017 10:46 pm

Sogetsu levantou seus olhos e viu a neblina por onde teriam de passar, seria um caminho perigoso, engoliu em seco, mas tinha de prosseguir caminho e não teria como deixar sua irmãzinha:

- Nagiko-Chan segure minha mão, eu a protegerei, e quanto a você Kazuki, vá na frente, procure lugares fáceis de caminharmos, tome cuidado com as pedras que ficarão escorregadias devido a essa chuva, vá com calma e cuidado, seguiremos você,
preste atenção em possíveis armadilhas no caminho e nos lugares mais fáceis de pisar, vamos seguir de perto seu passo. Quanto ao local em volta eu olharei, ficarei atento, e com Nagi-chan perto de mim, não nos afastaremos muito, ficarei de olho se a neblina ficar muito espessa e não puder te ver...


- Mas é claro, irei na frente, mas preciso saber que em minha retaguarda ficará tudo bem...

- Hum!!! Por isso vamos recitar o poema da honra, cada frase haverá uma resposta, assim não seremos pegos de surpresa, se um de nós não responder aconteceu algo...

- Muito bem então!!!

Kazuki seguiu adiante e ao entrarem na neblina entoaram o poema da honra, um poema feito por um artista antigo, e dera de presente ao Pai deles, era o único tesouro que sobrou como memória do homem, Kazuki havia mostrado diversas vezes a Sogetsu e ambos então memorizaram os escritos como uma espécie de mantra e lembrete do que eram...

- E se o sol não der mais sua luz...

- Não temeremos a escuridão!!!

- E se o frio nos pegar...

- Nossa pele não rasgará!!!!

- E se o vento nos abalar...

- Nossa chama se espalhará!!!

- E se o medo nos tocar...

- Nunca iremos recuar!!!

- E se a morte nos beijar...

- Nossa honra permanecerá intacta!!!

- Sem vacilar...

- Sem recuar!!! Somos um só!!! E nossa espada servirá nossos irmãos até o último...

Esta última parte em uníssono...

- Sopro de nossa!!! - Vida!!!

Kazuki na frente andando devagar e Sogetsu de mão dada com Nagiko atrás enfrentaram a neblina e a chuva com seus corações vibrando de emoção, mantendo a face de seus familiares mais próximos em sua mente...
Conteúdo patrocinado


Re: [Interlúdio: Kazama Sogetsu] O Desfiladeiro do Trovão

Mensagem por Conteúdo patrocinado

  • Responder ao tópico

Data/hora atual: Sab Jun 24, 2017 2:19 am