Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia

    Brazen
    Mutante
    Brazen
    Mutante

    Mensagens : 540
    Reputação : 12

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Empty Re: Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia

    Mensagem por Brazen Dom Set 10, 2023 3:31 pm

    Luvaroch balança a cabeça. Conhecia os companheiros bem o suficiente para saber que a piadas viriam de qualquer jeito. Enquanto caminhava para seu posto de vigia, fez um sinal para Atyria, confirmando que a acordaria quando fosse a hora.

    A vigília avançava se incidentes e Luvaroch pensava se seria uma boa hora para acender um pouco de tabaco, aproveitando que o fogo ainda estava aceso. Snefru era uma boa companhia mas não estava exatamente no clima para longas conversas. Se sentia introspectivo, algo o incomodava, embora não tivesse ideia do que poderia ser. Talvez a missão que teriam pela frente? Haviam coisas a serem esclarecidas. Perguntaria mais a Makaria pela manhã.

    As chamas começam a morrer pouco a pouco durante sua vigília, as sombras formadas por ela dançando silenciosamente de forma macabra, como se tivessem vontade própria, como se fossem espíritos inquietos.

    "Uma noite inquieta para espíritos inquietos." Luvaroch pensa consigo mesmo, dando uma última tragada no cachimbo antes chamas morrerem, fazendo a escuridão reinar sobre o acampamento. "Nâo a primeira, nem a última. Mas, ainda assim...inquieta."

    Snefru escreveu:-Parecccce que teremossss que aumentar maissss e maissss nossssa atençççção Lovaroch, a noite avançççça e o fogo sssome.

    - Você também sente, Snefru?- sussurro para meu companheiro de vigilia - Há uma atmosfera estranha no ar. Quase como...

    Snefru escreveu:-Lovaroch! ali! -apontava ele para o vulto- Alguma coissssa passssssou por ali ssssorrindo, era sssemelhante a uma crianççççça humana.

    Uma silhueta no escuro, na parte mais densa do matagal. Luvaroch vira-se ao sinal de movimento e o aviso de Snefru, arma em punho automaticamente.

    Snefru escreveu:-Levou, o vulto levou minha mochila e a mochila de Malkaria! Ladrãozinho traiççççoeiro! Encerrava ele preocupado.

    - O QUE?? O QUE?? CADÊ?? ONDE?? Maldito, seja! Onde está o ladrão! MAS... PIVETE MALDITO!!! COMO DEIXAMOS ISSO ACONTECER??? Vocês aí, levantem!!

    Luvaroch dava um chute em cada uma das moças, não para feri-las, apenas para acordá-las, quando elas despertam, ele vocifera.

    - Fomos roubados!! Levantem, vamos atrás dessa peste de criança!

    Luvaroch pegava suas coisas, desembainhava suas armas e esperava os companheiros pra pegar a suposta criança ladra. Duvidava que fosse uma criança. Ouvira histórias sobre espíritos malignos que podiam se disfarçar de todo o tipo de coisa e imitar suas vozes para melhor atrair as presas.

    Todos já acordavam e se colocavam de prontidão. Luvaroch, arma empunhada , decide avançar cautelosamente na direção de onde viu a vulto pela ultima vez ou onde a risada parecia mais alta.
    LordSui
    Neófito
    LordSui
    Neófito

    Mensagens : 35
    Reputação : 0

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Empty Re: Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia

    Mensagem por LordSui Dom Set 10, 2023 6:07 pm

    Após Atyria lançar a magia de visibilidade no grupo, e em posse da informação fornecida por Snefru a respeito da direção que o ladrão tomou, parto naquela direção, sempre alerta tanto para a criatura infeliz que ousou roubar minhas coisas quanto para não me afastar do grupo, afinal, aquilo poderia ser uma armadilha, como foi muito bem alertado por Atyria, e nunca é bom ser afobada em uma perseguição.
    Nightingale
    Mutante
    Nightingale
    Mutante

    Mensagens : 734
    Reputação : 20
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Empty Re: Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia

    Mensagem por Nightingale Seg Set 11, 2023 10:10 am

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Grupo10

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Acampa11

    Trilha Sonora:

    Todos se punham em protidão, o horário do descanso tinha acabado. Snefru havia apontado a direção em que viu a suposta criança fugir, em direção à densidão das brumas. Luvaroch não tinha visto para onde foi pois tinha se distraído. Tudo o que cada um dos membros do grupo podia fazer era confiar nos sentidos do peculiar Yuan-Ti. Juntos em uma marcha, com Makaria tendo invocado uma Espada Curta (Avise se a espada for de outro tipo), todos já se prostravam a encaminhar atrás do ladrão. Eles caminhavam cautelosamente amparados pela luz mágica que Atyria havia convocado com maestria, fazendo a espada de Snefru ser uma tocha de luz divina também.

    Eles seguiam cautelosamente até que as brumas davam lugar para a floresta, o que tornava as coisas mais perigosas. Todos sabiam que uma floresta era um lugar perfeito para uma emboscada, mas todos também já contavam que isso provavelmente iria acontecer, só não se sentiam dispostos a largar suas coisas. Eles seguiam pela floresta densa e brumosa, se encontrando em uma estrada arborezada que mais se assemelhava a um pântano assombrado. Todos sentiam um ambiente opressivo e até mesmo claustrofóbico, sem muito espaço, com grandes árvores mortas e semimortas e nenhum sinal de um animal silvestre noturno, embora pudessem ouvi-los ao fundo.


    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Antiga10


    OFF: Adicionei um grid map para auxiliar em cenas de ação ou cenas que o terreno realmente seja relevante. Vocês podem dizer pra onde seus personagens vão e deixar subentendido que qualquer lugar da suposta região serve, ou dizer "avanço 4 quadrados pra frente e 2 pra esquerda." Pela descrição de vocês, eu interpretei que seria assim que seus personagens estão posicionados, estou dando a chance de vocês se reorganizarem antes de avançar a cena e declarar alguma outra ação diante da nova situação. Não precisam levar isso daqui tão a risca, apenas em situação de combate. Neste momento estou mais querendo saber como vão se posicionar pra continuar a marcha.

    Grid Map:

    Sandinus
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Sandinus
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 12464
    Reputação : 120
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/111.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Empty Re: Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia

    Mensagem por Sandinus Ter Set 12, 2023 8:32 pm

    Snefru analisa a situação olhando de um lado para o outro em dúvida por onde seguir, então ele percebe a sua frente o que parecia ser os restos de uma carroça talvez e seu sentido aguçado de ladrão lhe dá um insight, na esperança de encontrar alguma coisa. Antes ele observa o chão tentando ver algum tipo de pegada que parecesse com pegada de criança. Ele se posiciona quase que rente ao chão analisando o solo. Tentava achar alguma coisa.

    -Vamossssss procurar com atenççççção, talvezzzzzz encontremosssss algo, depoissssss podemosssss dar uma olhada ali embaixo naquela carroçççça? Quebrada.


    (Total percepção 13+2 = 15)
    Brazen
    Mutante
    Brazen
    Mutante

    Mensagens : 540
    Reputação : 12

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Empty Re: Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia

    Mensagem por Brazen Qua Set 13, 2023 10:03 pm

    Luvaroch vai seguindo próximo a Snefru. A Luz que emanava da lâmina do Yuan-Ti era um, junto ao feitiço de luz conjurado de Atyra os colocavam em uma posição não muito favorável, mas era melhor do que permanecer completamente cegos em meio ao desconhecido.

    "Somos literalmente imenso um farol na escuridão...mas não lembro dessa floresta ser tão escura desse jeito."

    Ao sinal de Snefru, Luvaroch observa a carroça. Em seu estado de tensão havia deixado ela passar completamente. Tenta utilizar a luz à sua volta para tentar perceber algum sinal de atividade recente pelo local mas o contrate de tantos pontos luminosos com o breu completo da floresta é demais para seus olhos suportarem

    - Meus olhos estão um tanto ofuscados...- sussurra - vou me afastar um pouco da luz.

    Talvez não tivesse sido uma boa ideia pegar o primeiro turno. Um descanso teria sido bem vindo.

    Spoiler:
    Alexyus
    Semi-Deus
    Alexyus
    Semi-Deus

    Mensagens : 5031
    Reputação : 372
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Empty Re: Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia

    Mensagem por Alexyus Sáb Set 16, 2023 2:08 pm

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 150x2010

    Atyria estava na retaguarda do grupo, sentindo-se desorientada.

    A luz mágica na mão do companheiro reptante criava sombras a cada movimento dele, o que só estava servindo para confundir sua infravisão. Ela via túneis iluminados ladeados pela escuridão da floresta noturna, sem distinguir bem o que havia nas sombras. A capacidade dela de enxergar no escuro estava se mostrando inútil, já que o escuro mudava a todo momento.

    Ela revisou mentalmente as bençãos milagrosas que Tymora lhe proporcionara para aquele dia, mas não se precipitou a invocá-las. Não sabia o que viria à frente e seria mais sábio guardá-las até a hora em que fossem mais necessárias.

    Sussurrou baixinho consigo mesma:

    - Tymoramada, coloque a sorte em nosso caminho...

    Enquanto os aliados avançavam para dentro da escuridão, Atyria vigiava a retaguarda, garantindo que ninguém os pegasse por ali de surpresa.
    Nightingale
    Mutante
    Nightingale
    Mutante

    Mensagens : 734
    Reputação : 20
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Empty Re: Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia

    Mensagem por Nightingale Qua Out 25, 2023 9:53 am

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Grupo10

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Antiga11

    Trilha Sonora:

    O grupo avancava em direcao a carroca, com Snefru guiando a dianteira com a lamina iluminada pelas bencaos da Cleriga. Atyria na retaguarda vigiando e os demais no meio, armados e preparados para qualquer embate. O chao era lamacento, as brumas muito densas, mas apesar de tudo isso a luz divina guiava os seus caminhos. Eles viam no chao lamacento as pegadas em direcao a carroca quebrada, o que claramente ja os deixou em extremo estado de alerta. So de verem um pouco mais a carroca, notaram que seus pertences estavam ali. Nenhum deles eram amadores, sabiam muito bem identificar uma emboscada, mas sabiam muito bem que nao seriam pegos desprevenidos.

    Eles se aproximavam dos seus pertences, com Makaria se aproximando de sua mochila cautelosamente. Todos estavam muito atentos a essa altura e todos ouviram as passadas rapidas do barranco acima de suas cabecas.


    Trilha sonora nova:


    Todos viraram prontos na direcao do barranco acima e viram uma crianca suspostamente humana correndo em direcao deles e pulando em direcao a a Makaria. Supostamente era uma crianca humana pois ela tinha olhos vermelhos luminosos como um diabo, presas ferinas, e uma sede monstruosa de sangue a ser saciada.

    - GRAAAAAHHHHRR!!!!


    Crianca vampirica:


    Ela gritava com o salto do barranco acima em direcao a MaKaria, mas todos ja haviam percebido com antecedencia aquela emboscada. Uma crianca, mesmo que vampira, ainda era uma inexperiente crianca, porem, com muita sede de sangue e vontade de matar.

    Iniciativa atual:

    OFF:

    Nightingale
    Mutante
    Nightingale
    Mutante

    Mensagens : 734
    Reputação : 20
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Empty Re: Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia

    Mensagem por Nightingale Qui Out 26, 2023 7:34 am

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Grid_m10
    LordSui
    Neófito
    LordSui
    Neófito

    Mensagens : 35
    Reputação : 0

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Empty Re: Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia

    Mensagem por LordSui Qui Out 26, 2023 5:54 pm

    Ao observar a criança pulando e gritando por cima da carroça em minha direção, sem um pingo de noção de como funciona uma boa emboscada, percebo seus olhos vermelhos que indicavam que ela era uma vampira e provavelmente sem qualquer controle sobre suas ações, apenas dominada pela fome e pela vontade de quem quer que a tenha criado.

    "Enfim chegamos." Eu abro um sorriso interno, e procuro ocultar a minha própria excitação com o que estava acontecendo.

    - Por helm... - Digo em um tom de choque, quase que para mim mesma, apesar de saber que meus companheiros tinham boa audição e provavelmente ouviriam minha indagação, eu estava contando com isso.

    Espero a criança se aproximar de mim no ar e utilizo o proprio movimento dela, aliado com o fato dela estar no ar e não ter como mudar sua trajetória, firmo minhas mãos em minha espada e faço um corte de baixo para cima tentando acerta-la na região do peito-pescoço, com o objetivo de encerrar o sofrimento dela em um único golpe.
    Nightingale
    Mutante
    Nightingale
    Mutante

    Mensagens : 734
    Reputação : 20
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Empty Re: Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia

    Mensagem por Nightingale Sex Out 27, 2023 5:53 am

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Grupo_10

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Antiga11

    Trilha sonora de combate:


    A pequena praga salta em cima de Makaria com voracidade e com a Grande Espada Negra, uma espada que seria digna de um Bárbaro ser usado, a Tiferina desferia um golpe na criatura no ar, porém, mesmo com plena vantagem em seu golpe, uma estratégia acertada, a criança se demonstrou extremamente rápida, tão rápida que o corpo de Makaria não reagiu a tempo e a pequena vampira chega a se engalfinhar com a Tiferina, mas Makaria consegue empurrar a vampira a empurrando de volta para o seu lugar. A criança cai no chão à frente de Makaria. Com olhos vermelhos ela urra em frenesi para a Tiferina.

    Cristina: - Hey pirralha, eu também sei fazer isso!

    Cristina então pisa com força usando seu pé direito no chão, uma pisada tão forte que seus companheiros tem a impressão que sentiram o chão tremer, e ela grita

    Cristina: - GRRRUUAAAAAAAAHHHHHHH!!!!!

    Cristina olhava para o pequeno monstro como um cachorro louco. Cristina que era uma bárbara tão bacana e de boa, de repente parecia ter virado uma psicótica bufante doida pra matar, rangendo os dentes, ofegando e com suas pupilas dilatadas em um estado de transe violento. A Bárbara avançava contra a pirralha das trevas com seu machado de batalha e fincando ele de cima para baixo, porém, a pequena vampira era extremamente rápida, o que nela faltava em experiencia de combate ela estava compensando em reflexos rápidos. Cristina errara o golpe com a criatura dando um pequeno salto para trás, a bárbara olhava para a pequena, Cristina bufava e parecia ter ficado ainda mais puta por ter errado o golpe.

    Iniciativa atual:

    OFF:

    Nightingale
    Mutante
    Nightingale
    Mutante

    Mensagens : 734
    Reputação : 20
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Empty Re: Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia

    Mensagem por Nightingale Sex Out 27, 2023 6:01 am

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Grid_m11
    Alexyus
    Semi-Deus
    Alexyus
    Semi-Deus

    Mensagens : 5031
    Reputação : 372
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Empty Re: Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia

    Mensagem por Alexyus Sex Out 27, 2023 11:19 am

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 150x2010

    Naquela clareira isolada, afastada da civilização, Atyria, a clériga de Tymora, viu a criança vampírica, cujos olhos vermelhos brilhavam à luz tênue da lua. A atmosfera estava impregnada com um silêncio pesado, enquanto as árvores ao redor da clareira pareciam testemunhas silenciosas do drama que se desenrolava.

    Atyria mantinha uma distância cautelosa da criança, mas sua expressão permanecia cheia de compaixão e determinação. Ela ergueu seu medalhão com o símbolo da deusa da sorte do peito e começou a recitar as palavras sagradas, evocando o poder de Tymora. A luz da lua parecia responder ao chamado divino, lançando um brilho suave sobre a clareira. Um vento suave balançava as folhas das árvores, como se a própria natureza estivesse observando o que estava prestes a acontecer.

    - Você não pertence a este reino sombrio, criança das trevas - declarou Atyria com uma voz firme, mas compassiva. - Tymora guia todos os caminhos, e, mesmo na escuridão, há uma chance de encontrar a luz.

    Atyria sabia que aquela era a oportunidade de ajudar a criança a encontrar um caminho para a redenção. Ela continuou a recitação de sua prece, implorando à deusa da sorte por orientação e intervenção. Ela estendeu a mão com um sorriso de satisfação e disse: 

    - A sorte e a redenção caminham juntas, minha criança. Agora, você tem a chance de escolher um novo caminho em sua vida. Que a sorte de Tymora esteja sempre ao seu lado.
    Sandinus
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Sandinus
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 12464
    Reputação : 120
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/111.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Empty Re: Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia

    Mensagem por Sandinus Sex Out 27, 2023 12:11 pm

    Snefru percebe a emboscada e aguça seus sentidos, porém, para sua surpresa o ataque vem da criança que ele tinha vista sendo ela uma vampira. o Serpentino sabia do que se tratava, afinal, vem de um plano dominado pela necromancia, mas não lembra de ter visto vampiros, apenas mumias e outra criaturas semelhantes. Ainda assim ele sabia o que fazer, pretendia fragilizar a criatura com seu veneno para facilitar o combate.

    Ele circunda pela esquerda alcançando as costas da vampira enquanto ela estava engajada com a Malkaria e buscava acertar num ponto vital da criatura, se é que isso funcionaria com vampiros, ele tenta abocanhar o pescoço do alvo para que seu veneno se espalhasse mais rápido pela corrente sanguínea. Snefru abre sua boca e seus grandes caninos escorrendo veneno ficam a amostra, porém, assim que ataca a pequena vampira esquiva-se.

    Por fim ele assiste a clériga conjurar uma magia que faz a vampira fugir, o que desagrada Snefru.

    -Não! Deveriamosssss matá-la! Esssssa criatura é um perigo por exissssstir, não há sssssalvação, ssssó a dessssstruiççção pode ajudar esssssssassssss criarturasssss!
    Nightingale
    Mutante
    Nightingale
    Mutante

    Mensagens : 734
    Reputação : 20
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Empty Re: Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia

    Mensagem por Nightingale Seg Out 30, 2023 8:52 am

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Grupo_10

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Antiga11

    Trilha sonora de combate:

    Snefru tentou flanquear criança monstra que se demonstrava extremamente esguia. Deslizando com seu corpo serpentino, ele aproveitou a posição de seus aliados para deixar a vampira confusa e atacá-la, porém, a mesma se esguivou dando um passo para trás e Snefru não mordeu nada que não o próprio ar. Aproveitando a distração que seus aliados estavam causando na rapida monstrinha, Atyria tirou de suas vestes o símbolo sagrado...


    Nova trilha sonora:


    A luz da lua não existia naquela floresta escura, as nuvens cobriam todo e qualquer sinal de lua ou estrelas que poderia haver naquele momento, mas ainda assim a luz que se emitia do amuleto de Atyria era o feiche de esperança nas trevas absolutas. A grandiosidade era absoluta e evidente, mesmo para aqueles que não eram mortos-vivos, que podiam sentir a pressão esmagadora contra as criaturas mortas-vivas. A criança arregalava os olhos em direção à luz, lágrimas de sangue saíam de seu rosto, na face dela havia uma expressão de medo e arrependimento gritantes.

    Vampira: - Nããããooooo!!! EU NÃO QUERIA!!! ME DESCULPA!!! EU SÓ QUERIA COMER!!!! NÃÃÃÃÃÃOOOOOO!!!!!! MAMÃÃÃÃÃÃEEEE!!!!!

    A criança pulava por sobre a cabeça, de Cristina, desesperada, em prantos, como uma criança que levou uma bronca de um adulto e agora estava com medo e com vergonha de suas ações infantis. Snefru poderia ter aproveitado a oportunidade que a criança abaixou a guarda para pular por sobre Cristina, mas ele preferiu não fazer apesar de sua preferência de que a criança continuasse no combate.

    Vampira: - MAMÃÃÃÃÃEEEE MÃÃÃÃEEEEEE!!!!! ME DESCULPAAAAA!!!!!

    Ela fugia em meio à escuridão, adentrando nas folhagens das trevas e desaparecendo do ponto de vista de todos. Cristina voltava ao seu centro, ela parava de rosnar como um cachorro louco, punha seu machado de volta na bainha das costas, sua postura voltrara a ficar ereta e falava para Snefru.

    Cristina: - Deixa, cobrão! É monstro, mas ainda é só uma criança também. Não me dá prazer nenhum destroçar ela.

    Luvaroch: - Só espero que ela não destroce ninguém usando essa aparência de criança, vai saber se ela tem a cabeça de uma criança mesmo ou só o corpo.

    Porém, Atyra sabia que naquele momento, a vampira havia mostrado a verdadeira personalidade, por mais que fosse um monstro, ainda era só uma criança. Aquele monstro não conseguiria manter máscaras diante do seu poder divino que foi tão certeiro e liberou a todos de ter que olhar no rosto de uma criança enquanto faziam um abate. Ainda assim, Atyria sabia que os efeitos da luz divina de Tymora não duraria muito tempo, o monstro poderia voltar dentro de 1 minuto, se ainda tivesse coragem para tal.

    ================================================================================

    OFF: Agora vocês estão de cena livre até declararem o que vão fazer.

    Cada jogador ganha 140 XP pelo combate

    Alexyus
    Semi-Deus
    Alexyus
    Semi-Deus

    Mensagens : 5031
    Reputação : 372
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Empty Re: Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia

    Mensagem por Alexyus Ter Out 31, 2023 10:14 am

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 150x2010

    Atyria ouviu as reclamações de seus companheiros, mas a sua convicção de que Tymora poderia mostrar os caminhos de um destino melhor mesmo para uma criança abraçada pelas trevas como aquela infante vampírica.

    Com a fuga da morta-viva, Atyria teve tempo para responder às preocupações de seus aliados.

    Cristina: - Deixa, cobrão! É monstro, mas ainda é só uma criança também. Não me dá prazer nenhum destroçar ela.

    Luvaroch: - Só espero que ela não destroce ninguém usando essa aparência de criança, vai saber se ela tem a cabeça de uma criança mesmo ou só o corpo.

    - Os dados de Tymora rolaram e agora resta ver o número que saiu neles. Todas as coisas conspiram para o bem, amigos.
    LordSui
    Neófito
    LordSui
    Neófito

    Mensagens : 35
    Reputação : 0

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Empty Re: Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia

    Mensagem por LordSui Qui Nov 02, 2023 8:58 pm

    Ao ver a criatura correndo com o rabo entre as pernas, fico um pouco mais relaxada, mas não baixo a guarda completamente, eu sabia de onde aquela criança havia vindo e ela não era a única vampira que iriamos encontrar em um futuro próximo.

    Ainda com a espada em punho eu falo ao grupo.

    -- Eu concordo que deveríamos ter matado a vampira, uma criança não vira vampiro sozinha, alguém a transformou e esse alguém pode estar perto, ela pode voltar com reforços logo mais, então abram bem os olhos, e vamos levantar acampamento, não estamos seguros.
    Nightingale
    Mutante
    Nightingale
    Mutante

    Mensagens : 734
    Reputação : 20
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Empty Re: Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia

    Mensagem por Nightingale Dom Nov 05, 2023 7:29 am

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Grupo11

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Antiga11

    Trilha sonora:

    Atyria escreveu:- Os dados de Tymora rolaram e agora resta ver o número que saiu neles. Todas as coisas conspiram para o bem, amigos.


    Luvaroch: - Reza pra sua deusa pra que a gente não tenha tirado 1 no dado, porque até agora isso aqui não foi conspiração do bem não.

    Makaria escreveu:-- Eu concordo que deveríamos ter matado a vampira, uma criança não vira vampiro sozinha, alguém a transformou e esse alguém pode estar perto, ela pode voltar com reforços logo mais, então abram bem os olhos, e vamos levantar acampamento, não estamos seguros.


    Cristina: - A menina foi transformada, isso faz dela uma vítima, mas é, a gente também vai virar se não tomarmos cuidado. Vamos embora logo daqui e ir caminhando até amanhecer. O acampamento ficou lá atrás

    Christina e Luvaroch botavam suas armas nos ombros e começavam a marchar em direção de volta ao acampamento, bastava ver se alguém iria contrariar esse ato ou segui-los para irem embora.
    Sandinus
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Sandinus
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 12464
    Reputação : 120
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/111.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Empty Re: Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia

    Mensagem por Sandinus Dom Nov 05, 2023 6:38 pm

    Por Snefru o grupo seguiria caçando a criança vampira, porém era fato que não haveria um consenso. Enquanto Christina e Lovarouch seguiam o serpentino olha por um momento em direção onde a criança vampira tinha fugido, mas logo retoma seu caminho seguindo os outros dois.
    Alexyus
    Semi-Deus
    Alexyus
    Semi-Deus

    Mensagens : 5031
    Reputação : 372
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Empty Re: Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia

    Mensagem por Alexyus Ter Nov 07, 2023 10:33 pm

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 150x2010

    Atyria ouviu as críticas de Luvaroch e Christina, mas discordava fundamentalmente deles, não apenas por sua fé, mas também por ver a situação além do que transparecia evidente.

    - Se o vampiro que transformou a menina for destruído, ela poderá ser salva. Mas essa sorte será lançada por ela mesma. Nós temos nossa própria missão.

    E assim Atyria seguiu o grupo de volta para o acampamento.
    Nightingale
    Mutante
    Nightingale
    Mutante

    Mensagens : 734
    Reputação : 20
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Empty Re: Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia

    Mensagem por Nightingale Sex Nov 10, 2023 1:31 pm

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Grupo11

    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Antiga11

    Trilha sonora:


    O grupo seguia de volta para o acampamento onde logo pegariam suas coisas e partiriam. A caminhada durou mais do que a correria para emboscada feita pela criança vampirica, mas não demorou muito. A medida que iam se reaproximando onde deixaram suas coisas, todos sentiam a respiração ficar muito mais difícil e a medida em que a névoa também ficava muito mais densa. Eles chegavam ao local, suas coisas estavam todas aonde eles deixaram, porém, todos eles já sentiam uma imensa dificuldade pra respirar e foi muito claro para eles que essa sensação se iniciou quando começaram a sair da floresta. Nenhum deles mal podia falar sem fazer um visível esforço, e sentiam que se afastam-se mais de onde vieram iriam sufocar.

    Christina e Luvaroch pegavam suas coisas com visível dificuldade, logo eles, os mais fisicamente fortes do grupo.

    Luvaroch: - aaah... Temos... Que... Voltar... Lá...

    Ele apontava de volta para a floresta onde tinham sido emboscados pela vampira

    Christina que já pegara suas coisas, ficava visivelmente suada, cansada mas já com tudo a postos já se encaminhavam em direção à floresta.

    Christina: - Armadilha... Isso... Não... Normal... Voltar pra... Floresta...

    OFF: Todos estão com 1 nível de exaustão. À medida que se afastam mais da floresta da qual saíram as brumas ficam cada vez mais densas e o ar fica pior. Quem se afastar mais ganhará 2º nível de exaustão. Quem voltar pra floresta sentirá o ar voltar ao normal e as brumas diminuírem e automaticamente se verá livre da condição de exaustão
    Conteúdo patrocinado


    Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia - Página 2 Empty Re: Capítulo 1 - As Brumas de Baróvia

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Ter Fev 27, 2024 8:22 pm